Bebedouro: um futuro promissor, se levado a sério

Terra da laranja, a cidade nos apresenta o seu rico e mal cuidado patrimônio arquitetônico

  
  

- Onde vocês palestraram na semana passada?

Aeronave antiga no Museu Eduardo André Matarazzo

- No IMESB.

- O que?... Seja mais claro em suas respostas!

Bebedouro é a capital da laranja na América Latina
Cores e simplicidade em moradias residenciais

- Está bem: no Instituto Municipal do Ensino Superior de Bebedouro “Victório Cardassi”. Tivemos a oportunidade de interagir com alunos dos cursos de Serviço Social, Direito, Rádio e TV, Publicidade e Propaganda, Jornalismo, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis e Administração.

A poluição visual compromete o patrimônio arquitetônico

- Nossa! Não há nenhum curso de Turismo por lá? Qual foi o tema da exposição de vocês?

- Uma resposta por vez: não há curso de Turismo e nem acredito que deva haver. As demais matérias têm ligação direta com a questão turística. Todo empreendimento deve ser bem administrado, ter resultados financeiros e econômicos, ter respaldo legal, ser divulgado e prestar o bem à comunidade onde se encontra. Entendeu?

Paróquia de São João Batista. Local de paz e de tranqüilidade


- E a segunda resposta?

- Palestramos sobre o tema “Brasilzão”. E, embora houvesse um grande interesse por parte dos universitários ali presentes, constatamos, mais uma vez, a falta de conhecimento sobre as diversidades brasileiras ou sobre a própria região em que habitam. Raros são aqueles que têm uma noção ampla da dimensão deste país, de suas fronteiras e de seus povos.

Belo exemplo de ocupação humana integrada à história da cidade

- O que você sabe sobre Bebedouro?

- Vou responder de maneira clara e emocional, sem dessa vez, entrar em aspectos históricos sobre a pacata e agradável cidade. Bebedouro está bastante limpa para os padrões brasileiros. Possui áreas verdes, embora necessite dar continuidade aos esforços de arborização temática.

Museu do Ferroviário

- O que seria para você arborização temática?

- Sabemos que antigamente os árabes ornamentavam seus jardins internos com laranjeiras, por eles consideradas espécies exóticas, que embelezavam o paisagismo. Tente imaginar Bebedouro, a capital da laranja, com espécies raras plantadas em seus jardins e pelas vias publicas. Como em Belém do Pará, onde as mangueiras constituem parte da alma da capital.

É importante preservar e valorizar o Centro Histórico de Bebedouro

- Certamente serão necessários ainda maiores esforços para embelezá-la. O seu patrimônio histórico-arquitetônico – representado por uma bela e instigante estação ferroviária e por uma colônia singela de casinhas geminadas além das linhas elegantes dos casarões centenários – encontra-se menosprezado pela própria população e pela administração local. A poluição visual provocada pela publicidade indevida e painéis de propaganda de proporções exagerados desfigura o semblante de uma das mais simpáticas cidades brasileiras.

Trabalho minucioso em maquetes expostas no Museu

- O que poderia ser feito para devolver à cidade o seu brilho de outrora?

- Agora sim vou passar a você alguns dados sobre Bebedouro: cerca de 80 mil pessoas convivem naquela cidade acolhedora, que ainda abriga mais de 1.500 empresas e centenas de indústrias em seu território.

- Quando nasceu Bebedouro?

Urge despoluir visualmente Bebedouro

- Em 2009 serão festejados 205 anos de existência de Bebedouro, que surgiu junto a um córrego de águas límpidas por onde passavam os tropeiros após longas viagens pelo Interior brasileiro.

Seu Jorge tem

É necessário, portanto uma reflexão sobre o seu futuro, sobre a utilização de seus potenciais humanos, históricos, culturais e financeiros, ao resgatar de maneira sólida vestígios e marcas de seu passado que a transformaram na “Califórnia Brasileira”. Turismo rural, turismo cultural, educação, esporte e religião se apresentam como atrativos que devem ser considerados como a forte razão de ser dos bebedourenses.

Museu Eduardo André Matarazzo. Rico acervo de automóveis, armas e aviões antigos

- Tenho um pouquinho de informações sobre Bebedouro. Fiquei fascinado com o Museu Eduardo André Matarazzo, onde aviões, carros e armas compõem um raro acervo, que resgata aspectos

Uma bela visão do Centro Histórico

importantíssimos da indústria brasileira. O Museu Ferroviário, a Estação Cultura, o Horto Florestal e outras atrações podem contribuir, se levados a sério, para que Bebedouro seja um destino privilegiado para lazer, descanso e entretenimento no Estado de São Paulo.

- Mas, para que isso ocorra, é preciso despertar a população incitando-a a valorizar a sua própria cidade!

- Falou e disse! Sem isto, nada daquilo...

Bebedouro tem sua história ligada aos tropeiros, á ferrovia e aos laranjais
  
  

Publicado por em

João Carlos Lima

João Carlos Lima

26/01/2012 23:01:54
Minha cidade é linda, é limpa.................é a que amo.

Galvão (José Antônio Fontes)

Galvão (José Antônio Fontes)

07/03/2011 21:29:18
Conheci a cidade qdo exerci minha profissão de Bombeiro Militar na mesma,gostei muito do clima,sossego,paisagens etc.Lamento porém não ter encontrado na mesma um imóvel para locação,haja visto que não tinha condições monetarias no interim do tempo que permaneci na mesma para adquirir um.Fiquei um tanto embaraçado no tocante a minha função,pois em São Paulo um Bombeiro não tem tempo as vezes nem mesmo de se alimentar no quartel e faz muitas vezes a refeição no local da ocorrência Porém em Bbd o sistema é bem diferente pois durante dois anos em que atuei na mesma só participei de duas ocorrências >Por motivos de força maior,(enfermidade em familia )voltei à SP mas meu desejo é residir em Bbd;Gostei do clima da paz do silencio noturno e parabenizo os bebedourenses por tudo isto. Sugiro com muito desejo que o Sr Prefeito da Cidade e mais Quem de direito,busque ativar a rede ferroviaria,recuperando o aspecto arquitetônico arcaico das estações e jto com as demais cidades circunvisinhas promovam até mesmo uma viagem turistica diaria como por exemplo de Ribeirão Preto à Barretos em composição ferroviaria estilo antigo "Maria-Fumaça",pos isto irá melhorar muito o desenvolvimento local,atraira turistas e o sitema monetario aumentara e muito "porfiem por valorizar o estilo arcaico de nossa cidade,certos de que isto servirá de base e estimulo em todo nósso país. Quem já viajou em uma composição como citada in supra como eu nas viagens de SP à Barretos sabe do que comento , ficara muito satisfeito e as gerações dos anos 80 em diante ficarão fascinadas,encantadas ao terem acesso a mesma "Sr Prefeito e demais (secretaria de turismo,hotelaria,paisagismo etc )esforcem-se para que Bbd seja um cristal replandecente no tocante ao que citei ; Lembem sempre que se as forças se unirem ... "um cordão de tres dobras não se quebra com facilidade"e se uma idéia for colocada em pratica com dedicação e afinco as gerações vindouras não deixarão que venha fenecer pois,"De uma véla nada se perde quando sua ultima chama é usada para acender outra véla " Parabens e sucesso cada vez mais bebedourenses" Creio em Deus que em breve serei mais um morador integrante desta cidade tão linda e calma! Galvão,"Bombeiro de São Paulo"

Sissi Canto de Souza

Sissi Canto de Souza

04/09/2010 08:54:31
Nasci em Bebedouro, e amo minha cidade !!! Apesar de estar morando em São Paulo, me preocupo com a cidade e principalmente com a preservação de seu patrimonio... Realmente a poluição visual esta prejudicando sua beleza! mas ainda há tempo de recuperá-la... Parabéns Bebedouro..amo vc. Sissi Canto

Carlos augusto muraca

Carlos augusto muraca

09/08/2009 00:54:34
O que estraga bebedouro são os próprios bebedourenses!!! a cidade em si é bélissima, principalmente a ferrovia.

Graça

Graça

21/04/2009 07:39:05
Já que vcs publicaram meu comentário gostaria que acrescentassem mais esse na sequencia do primeiro. Obrigado.

Nossa cidade é uma das mais belas do interior. Possui amplas e bonitas avenidas, um belo shopping, bons hotéis, da acesso à várias rodovias e ficam no eixo entre São José do Rio Preto e Ribeirão Preto (+- 80km. É ótima como ponto distribidor devido a sua localização, sendo assim nossas autoridades precisam divulgar melhor nossa Bebedouro, pois muitos desconhecem seus "dotes" comerciais. Sejam, bem vindos à Bebedouro, Cidade "coração" que no dia 03 de maio completa mais um aniversário.

Graça

Graça

18/04/2009 14:38:15
Newton Hermógenes, quem é você, como ficou conhecendo Bebedouro?
Faz comentários reais de quem vê de fora, pois muitos que aqui vivem não dão o devido valor e acredita que a "casa do vizinho" é sempre a melhor.
Gostaria de falar com vc.
contato 017. 91032275

Newton Hermógenes

Newton Hermógenes

14/01/2009 09:54:30
A falta de valorização de mão de obra qualificada no setor de turismo no Brasil, tem levado o país ao retardamento do fomento turístico. Não basta ter potencial, como no caso de Bebedouro, em todo o país fáz-se necessário menos discurso e mais ação!
O país está cheio de profissionais bacharéis de turismo e técnicos da área esperando uma oportunidade de trabalho. "Deixemos os profissionais de turismo trabalharem"
Newton Hermógenes
Bacharél em Turismo pela Faculdade de Turismo de Santos Dumont.