Depois de visitar amigos em San Diego, passamos pelo Parque das Sequóias e chegamos ao Yosemite

Durante nossa estadia em San Diego, tivemos a oportunidade de fazer muita coisa e conhecer diversos lugares.

  
  
Em Las Vegas

A caminho de San Diego, passamos pela iluminada Las Vegas, com suas luzes de néon e seus cassinos. Foi interessante caminhar pelo ‘strip’ e ver alguns shows no decorrer do dia. Ficamos em Las Vegas até de madrugada e depois pegamos a estrada até um ‘trailer park’ próximo, onde passamos a noite.

Após alguns telefonemas, finalmente nos encontramos com a Família Kramer (amigos da Grace do St.Nicholas), em Oceanside. Após abraços e sorrisos, ficamos batendo papo e matando um pouco a saudades, fazia um tempão que a Grace não os via. Após um jantar delicioso, a conversa rolou solta por mais um tempo até que todos nós estávamos prontos para dormir.

Apostando umas moedinhas

Durante nossa estadia em San Diego, tivemos a oportunidade de fazer muita coisa e conhecer diversos lugares. Passeamos por ‘downtown’, visitamos algumas praias, vimos leões marinhos e até praticamos ‘snorkeling’ em La Jolla Cove.

Foram dias super agradáveis e foi genial poder estar com amigos e dividir alguns momentos da nossa viagem com eles. Mais uma vez, eles nos receberam super bem e nos ‘mimaram’ um pouquinho. Muito obrigado por tudo Kramers!

Nós em San Diego

Antes de partirmos, fomos entrevistados por um programa de televisão local (que o Eddie e a Maggie tinham programado), então fomos ao encontro e ‘nos divertimos’ falando da viagem e de nossas aventuras. Em seguida, infelizmente estava na hora de dizer ‘tchau’ e seguirmos nosso rumo.

Nos despedimos e fomos a caminho de Los Angeles, onde caminhamos pela conhecida ‘Hollywood Boulevard’, mas não foi desta vez que encontramos algum artista famoso. Enfim, seguimos pela ‘Interstate 5’, rumo ao norte.

A despedida dos amigos!

Percebemos um vazamento no fluido de embreagem . . . não achamos isso nada bom! Quando chegamos em Fresno fomos direto para a concessionária Land Rover, mas chegamos tarde então dormimos no estacionamento em frente e no próximo dia estávamos lá logo cedo.
Descobrimos que era um problema com o ‘cilindro mestre’ do sistema hidráulico da embreagem. Não tivemos opção e trocamos a peca, e antes do almoço estávamos na estrada novamente, a caminho dos Parques Nacionais Kings Canyon e Sequoia.

Chegamos no Kings Canyon e percebemos que a embreagem continuava falha, o que nos deixou bastante irritados! Na situação que estávamos, não adiantava ficar de mau humor e reclamar então resolvemos passar o final de semana ali mesmo e apreciar as gigantescas sequóias, além de fazer algumas caminhadas.
Passamos a primeira noite no ‘Azalea Campground’, em ‘Grant Grove’ e fizemos um trekking super agradável ao redor de muitas sequóias. Essas árvores gigantescas chamam muita atenção e são mesmo muito interessantes.

No topo da Sequoia

Resolvemos então acampar as outras duas noites, um pouco mais adiante, no ‘Stony Creek Campground’. Tivemos tempo para organizar algumas coisas e relaxar um pouco, para nos preparar para mais uma visita à concessionária na segunda-feira.
Domingo, visitamos ‘Giant Forest Big Trees’ e fizemos mais um hike dentre as sequóias. Vimos a maior arvore do mundo: ‘General Sherman’, realmente impressionante.

Antes de partirmos novamente, lá estávamos nos embaixo do carro, lidando com a embreagem e quando estávamos na estrada novamente, apenas torcemos pelos sinais estarem abertos e não termos que parar desnecessariamente . . .

Nós com a Grace e o Craig, grandes amigos!

Nossa segunda visita à concessionária resultou em uma semana em Fresno, pois tivemos a triste noticia que o fluido tinha vazado dentro da embreagem e danificado-a, ou seja, tivemos que trocar toda a embreagem novamente. Arghhhh! Como ‘há males que vem para o bem’, tivemos muita sorte em conhecer o Craig (trabalhava no departamento de peças), que nos convidou para ficarmos na casa dele durante nossa estadia. Ele não apenas nos acolheu, mas nos fez sentir super à vontade em sua casa. Ele e a Gloria (sua mulher) foram super gentis conosco e realmente apreciamos sua personalidade, são pessoas incríveis mesmo. Muito obrigado por tudo Craig e Gloria!

Depois de quase ‘empregados’ da Land Rover, finalmente ‘nossa casa’ estava pronta novamente e após ‘pagar a mega conta’ (Ah!), partimos ansiosos para conhecermos Yosemite National Park.
Desta vez a embreagem funcionou perfeitamente e chegamos sem problemas. Fomos conhecer ‘Mariposa Grove’ onde vimos diversas sequóias com ‘formações’ interessantes tal como a ‘Grizzly Giant’ ou ‘The Faithful Couple’.

Rob e o 'Half Dome'

Foi legal também passar por um túnel dentro de uma sequóia. Enfim, nos divertimos bastante conhecendo mais algumas sequóias e caminhando dentre elas.

No próximo dia, fomos até o mirante para apreciar o imenso vale que é Yosemite. O dia estava muito bonito e pudemos ver o ‘Half Dome’ e ‘El Capitan’ claramente, além de nos empolgarmos tirando várias fotos.

Existem milhares de caminhadas para se fazer em Yosemite, mas desta vez nós tivemos que escolher apenas uma. Fomos até a ‘Cachoeira Vernal’ que é simplesmente demais. Chegando lá, não resistimos e mergulhamos na linda piscina, que estava apenas um pouquinho fria . . . congelamos, mas definitivamente valeu a pena.

'Cachoeira Vernal'

Yosemite é um lugar incrível mesmo!

Deixamos Yosemite para trás e seguimos para San Francisco e além de rodar pela cidade em si, fomos ver o famoso ‘Golden Gate Bridge’. Não tivemos sorte, pois o dia estava nublado e a vista da ponte nos decepcionou um pouco, além de que estava bastante frio. Ficamos pouco tempo em San Francisco e logo atravessamos a ponte e seguimos rumo ao norte.

  
  

Publicado por em