Na Espanha

Desejamos a todos vocês um MARAVILHOSO 2004!

  
  

De Biarritz seguimos pela costa passando por St.Jean-de-Luz e apreciando as formações rochosas do Atlântico. Atravessamos a fronteira e logo estávamos em San Sebastian, na Espanha. Foi difícil encontrar lugar para estacionar e acabamos tendo que nos despedir da Inês e da Veronique, que haviam nos acompanhado até lá. Acabamos encontrando um lugar para estacionarmos nos aforas da cidade e fomos passear por San Sebastian e conhecer um pouco mais desta cidade típica da região Basca.

Nossa meta era chegar em Santiago de Compostela . . . foram muitos kilometros de estrada passando brevemente por Bilbao, Santander, Oviedo e A Coruña. No caminho vimos diversas placas e trilhas do “Caminho de Santiago”, a tão famosa peregrinação que atrai milhares de pessoas a cada ano.

Santiago de Compostela é uma cidade construída de granito, quase toda com passarelas para pedestres e com um charme todo especial, além de toda sua historia. Infelizmente não tivemos sorte com o clima e nossa visita foi debaixo de chuva, mas mesmo assim curtimos passear pelas ruelas, ver praças e visitar a Catedral que é mesmo impressionante.

Almoçamos em um restaurante típico e o Rob ficou entusiasmado com o fato que o menu dele incluía uma garrafa de vinho e não apenas uma taça . . . e nós ficamos abismadas com a quantidade de comida e até levamos o restante para comer mais tarde.

Agora estávamos prontos para conhecermos Portugal, e lá fomos nós . . .

Chegamos em Guardamar dia 7 de dezembro, depois de termos percorrido muitos kilômetros, vindo desde Lisboa, tendo atravessado o deserto da Espanha. Estávamos prontos para ficarmos em um mesmo lugar por um tempo e por sorte o Brian (pai do Rob) tinha um apartamento lá no qual pudemos desfrutar e passar este tempo. Passamos alguns dias colocando as coisas em ordem . . . lavamos roupa, demos uma geral no carro, organizamos papelada etc. E para finalizar, arrumamos a casa pois agora iríamos ‘receber visitas’ – que chique!

Os Agers chegaram - Bette (Mum), Dan, Lel, Rob e Tish

Quinta-feira, dia 11 de dezembro, a família do Rob chegou. A Bette, Melissa, Lesley e o Dan vieram passar 4 dias conosco. Foi muito legal revê-los, depois de 4 meses, desde que havíamos partido de Londres. O Rob foi buscá-los no aeroporto e logo que chegaram, almoçamos todos juntos. Eles nos fizeram um super favor e trouxeram várias coisas que precisávamos, tal como peças para o carro, então vieram com muita bagagem. Deu tudo certo e conseguiram trazer tudo, sem problemas, muito obrigado.

Fez um tempo lindo enquanto eles estavam aqui, o que foi muito gostoso. Andamos bastante pela praia, fomos até a marina (e só não fizemos um passeio de barco pois já havia terminado a temporada), comemos petiscos acompanhados de uma cerveja gelada e um bom papo. Demos muita risada e relaxamos bastante . . . todos com seus livros e/ou passa-tempos. Comemos e bebemos mais um pouco e saímos uma noite para jantar fora no restaurante “La Nostra Pizza”. Foi super legal!

Prontos para sair . . .

Obrigado Bette, Tish, Lel e Dan por virem nos visitar e passar uns dias conosco.

Nos divertimos muito e passamos uns dias muito legais juntos, e assim levaremos essas memórias conosco para o restante da nossa viagem.

Pela primeira vez, durante nossa viagem, passamos o Natal e Ano Novo sozinhos, só nós dois. Estávamos empolgados, porém parecia que faltava alguma coisa . . . queríamos poder comemorar com nossas famílias e amigos também.

Almoço no dia 25

Enfim, preparamos uma tradicional ceia de Natal na noite do dia 24, com direito a frango, batatas, cenoura, ervilhas . . . um autêntico assado, acompanhado de vinho e até uma entrada de camarõezinhos fritos. Tínhamos também sobremesas para escolhermos: “Christmas Cake”, Pudim de Leite e “Christmas Pudim”, um banquete! Hmmmm, estava tudo uma delícia! Tudo foi servido na nossa ‘mesa à luz de velas’, com nossa ‘mini’ árvore de Natal e algumas poucas decorações. Brindamos a amigos e familiares ausentes e curtimos o espírito natalino. Dia 25 fizemos um almoço gostoso e dia 26 (“Boxing Day”, uma tradição inglesa), comemos mais um pouco. Haja comida . . . e haja kilos!

Os 5 dias entre Natal e Ano Novo, foram normais e passaram rápido. Logo chegou dia 31 e lá estávamos nós de novo, preparando a ceia e gelando a champagne! Comemos um salmão que ficou estupendo, parabéns ao ‘mestre cuca’ Rob! Fomos para a “Praça Principal” onde estouramos nossa champagne! Aqui na Espanha, diz a tradição, que você deve comer 12 uvas para ter sorte, uma a cada toque do relógio à meia-noite. Seguimos a tradição e esperamos ter muita sorte em 2004! Depois fomos à praia pular as 7 ondas, a tradição Brasileira não poderia faltar né?! Foi engraçado pois estava bem frio e só estávamos nós na praia, mas nos divertimos muito e cantamos “Adeus Ano Velho, Feliz Ano Novo, que tudo se realize, no ano que vai nascer . . .” sem nenhuma preocupação.

Champagne e as

Com certeza foi um Ano Novo diferente, mas não menos divertido e tampouco menos pensativo. Nesta época do ano sempre paramos para refletir um pouco. Pensamos nos familiares, amigos, pessoas queridas, outros viajantes . . . e desejamos a todos muita saúde, paz, amor, sucesso e felicidade no ano que está por vir! Refletimos também no ano que se passou e agradecemos por tudo que tivemos e que alcançamos. E é claro que os pensamentos vão muito além disso, mas gostaríamos apenas de deixar aqui o nosso recado:

Desejamos a todos vocês um MARAVILHOSO 2004!

  
  

Publicado por em