Curitiba e a Baía de Paranaguá

Chegamos em Curitiba a tempo de sairmos para jantar e comemorar o aniversário do Rob em uma churrascaria - totalmente a cara dele!

  
  
Nossa guia, Mindu

Chegamos em Curitiba a tempo de sairmos para jantar e comemorar o aniversário do Rob em uma churrascaria - totalmente a cara dele! Na verdade, primeiro nos encontramos com nossa amiga Mindu, tomamos um banho e depois saímos. Fizemos um rápido “night tour” a caminho do restaurante. Foi tudo muito gostoso - Feliz Aniversário Rob!

No dia seguinte, conhecemos bastante coisa com a ajuda da Mindu, que foi uma ótima guia. Começamos visitando a feirinha que acontece aos domingos no Centro Histórico - estava lotada, mas foi bem divertido! Almoçamos na tradicional lanchonete Au-Au e seguimos para a Ópera de Arame, bem mais tranqüila e diferente. Visitamos o Memorial Ucraniano e depois passamos pelo Parque Tingui onde nos deparamos com milhares de capivaras e ali ficamos por um tempo, antes da chuva começar.

Ferinha no Centro Histórico
Ópera de Arame
Museu Ucraniano
Museu Oscar Niemeyer
Jardim Botânico
Morretes

Nossa próxima parada foi a Universidade Livre do Meio Ambiente, ideal para estudar, pois o local é privilegiado e super agradável. Passamos pelo Parque Tanguá e depois fizemos um pit-stop no Museu do Oscar Niemeyer, conhecido por Museu do Olho. Percorremos rapidamente pelo Bosque do Papa com suas casinhas típicas e distintas. Completamos o dia visitando o famoso Jardim Botânico, que não é à toa virou cartão postal da cidade, pois é realmente impressionante. Exaustos, voltamos para casa, tomamos um banho e comemos uma pizza antes de dormir. Muito obrigado por tudo Mindu, você foi demais!

Super Almoço

De Curitiba seguimos para a Baía de Paranaguá, descendo a serra pela Estrada da Graciosa curtindo vistas lindas. Fomos primeiro até Antonina e depois Morretes, onde infelizmente não conseguimos degustar o famoso barreado, pois chegamos ao fim de tarde e os restaurantes já estavam fechados. Teremos que voltar para saborear esse prato típico da região! Acampamos perto do Engenho da Serra que apesar de estar inativo, curtimos fotografar o lindo local antes de tomarmos um banho no delicioso rio ao lado do camping.

Passamos por Paranaguá rapidamente e seguimos a caminho da BR-101, mas em Matinhos tivemos uma bela surpresa, ou uma grande coincidência. Encontramos o Leandro e acabamos almoçando com ele, sua esposa Elaine e alguns amigos. Algumas coisas não são por acaso . . . Muito obrigado, foi um almoço memorável!

  
  

Publicado por em