Dia de festa na expedição!!!

“Parabéns pra você, nesta data querida...” Cantamos a música pelo menos umas quatro vezes nesta terça-feira. O aniversariante era o seu Taufer, pai da Patrícia. Foi “parabéns” no café da manhã, no almoço (um churrascão feito mesmo

  
  

“Parabéns pra você, nesta data querida...” Cantamos a música pelo menos umas quatro vezes nesta terça-feira. O aniversariante era o seu Taufer, pai da Patrícia. Foi “parabéns” no café da manhã, no almoço (um churrascão feito mesmo debaixo de chuva com a nossa churrasqueirinha que não decepcionou), mais parabéns à tarde, isso sem contar a festinha que fizemos à noite. O nosso tradicional bolo de aniversário não faltou, só ficou um pouco diferente. No lugar do brigadeiro, geléia diet e uvas frescas, para o aniversariante diabético. O sabor estava uma delícia.

Preparação do churrasco debaixo de chuva

Preparação do churrasco debaixo de chuva

A rotina da expedição não foi modificada com a chegada das visitas. Tudo bem que agora sempre existe uma ou outra mala no corredor e a fila do banheiro ficou mais comprida. Mas está sendo bem divertido.

Patrícia curtindo o dia com os pais

Patrícia curtindo o dia com os pais

No camping em Paris, encontramos três casais brasileiros. Dois viajando de motorhome, assim como a gente, e um de barraca. Ficamos bastante amigas de um dos casais: Eliana e Arnaldo. Ela é advogada e ele administrador de empresas. Há pelo menos 15 anos, eles passam de dois a três meses viajando na Europa no motorhome alemão que eles têm aqui. Falam inglês, espanhol, francês, italiano e alemão e têm amigos espalhados por toda a Europa.

No motorhome, uma noite ótima com os novos amigos

No motorhome, uma noite ótima com os novos amigos

Passamos mais de quatro horas conversando com eles. Anotamos todas as dicas. E olha, que foram dicas importantes. Como aquecer o carro no inverno mesmo estando com pouco gás, que cidades evitar por causa do perigo, que lugares são seguros e cidades que devem fazer parte do nosso roteiro... Em tantos anos de estrada eles têm muita história pra contar. Muitas divertidas, outras até assustadoras.

Durante a noite todos reunidos para os Parabéns

Durante a noite todos reunidos para os Parabéns

Como a que ocorreu em Budapeste, na Hungria. Eliana e Arnaldo estavam a caminho de um teatro onde assistiriam a uma ópera. Dois homens com aspecto um pouco suspeito se dirigiram a Eliana e falaram alguma coisa em russo. Ela respondeu em inglês, dizendo que não havia entendido nada, não falava a língua deles e que não poderia ajudar. E seguiram para o teatro. Pouco depois, Eliana olhou pra trás e viu os dois homens novamente. Já começou a ficar com medo. Mas, Arnaldo disse: “Calma Eliana, não é nada”.

Chegaram no teatro, sentaram nas poltronas. Os dois homens, adivinha, estavam exatamente atrás deles. “Ai meu Deus... Isso não está certo, Arnaldo!”. “Calma Eliana, talvez eles decidiram assistir à opera também”, disse ele. Bem, a tal da ópera terminou e o casal pegou o metrô pra ir até o camping. Os dois esquisitões entravam no mesmo vagão. Eliana quase desmaiou e Arnaldo começou a perceber que a situação não estava assim tão normal. “Realmente estamos sendo seguidos”, concluíram.

Eles desceram em frente a Praça dos Heróis, perto da região onde ficam as embaixadas em Budapeste. Mas para chegar ao camping tinham ainda que pegar mais um ônibus e andar alguns minutos por uma estradinha iluminada apenas por uma lanterna. Eles não tinham muitas opções. Ou iam para o ônibus (o último da noite), correndo o risco de serem seguidos mais uma vez, ou ficavam parados e sabe Deus o que iria ocorrer.

Eliana e Arnaldo esperaram até o último momento. Quando o ônibus arrancou, eles saíram correndo e conseguiram embarcar. Os dois homens, que pareciam ser russos, ficaram de braços cruzados com uma cara de “dessa vez perdemos...” Que susto! Na manhã seguinte deram adeus a Budapeste e seguiram viagem...

Trocamos endereços e temos certeza de que fizemos mais dois grandes amigos nessa expedição!!!

  
  

Publicado por em