Dia de visitar agências e imprensa

Durante nosso passeio ontem pela cidade, descobrimos uma agência especializada em viagens para o Brasil: chama-se Sebi Tours Brazil e fica na Rue du Mont Blanc, num dos endereços mais movimentados da cidade. Por isso, hoje logo cedo fomos até lá. Patrícia

  
  

Durante nosso passeio ontem pela cidade, descobrimos uma agência especializada em viagens para o Brasil: chama-se Sebi Tours Brazil e fica na Rue du Mont Blanc, num dos endereços mais movimentados da cidade. Por isso, hoje logo cedo fomos até lá. Patrícia ficou no carro trabalhando enquanto Cláudia e Fabiula seguiram para a visita.

Finalmente o Jet d`Eau, hoje ele estava funcionando

Finalmente o Jet d`Eau, hoje ele estava funcionando

Lá conheceram Gilma Sobreira, uma brasileira que gerencia a agência de Genebra, aberta há seis meses. Quem mais procura pacotes de viagens aqui são brasileiros que vivem na Suíça e aproveitam as férias para visitar a família e conhecer o país, disse ela. Mas segundo Gilma, os suíços também se interessam em cruzar o Atlântico para conhecer os cantos e encantos do Brasil. A empresa tem outras quatro agências na Suíça francesa além da de Zurique, que também visitaremos.

Gilma recebe o material sobre Foz do Iguaçu

Gilma recebe o material sobre Foz do Iguaçu

Deixamos Genebra para trás. Agora o destino é Lausanne, a sede do Comitê Olímpico Internacional (COI). Na cidade, procuramos as redações dos jornais “24 Heures” e o “Le Matin”. Deixamos material para o jornalista do “Le Matin”, hoje ele estava muito ocupado e ficamos de marcar um horário. Do outro jornal, conhecemos Caroline Stevan que gostou muito da nossa expedição e disse que iria passar a sugestão de pauta para o chefe. Na segunda-feira, nos comunicaremos com ela por e-mail para saber o resultado da conversa.

Relogio de flores em Genebra

Relogio de flores em Genebra

O assunto aqui na cidade é o caso de um suíço que foi responsável por uma tragédia. Ele subiu na calçada com o carro bem no centro da cidade, atropelou várias pessoas e jogou o automóvel contra uma mureta que se rompeu, fazendo o veículo cair a uma altura de quase dez metros. Três pessoas morreram, oito ficaram feridas, entre elas uma criança de dois anos. O motorista teve ferimentos leves. O local do acidente agora se transformou num lugar de homenagens. Ainda não se sabe o motivo do acidente... Que coisa!!!

Seguimos para Vevey, bem ao lado de Montreux. A partir dessa sexta-feira, os astros do festival de Jazz de Montreux são os brasileiros e, como na cidade, um lugar para estacionar é muito difícil preferimos ficar em Vevey mesmo.

Era noite quando conhecemos Leo, um brasileiro que vive aqui há dois meses, com a irmã e o cunhado. Gostou da nossa aventura, ficou com material de Foz do Iguaçu. Fizemos mais um amigo brasileiro na Europa...

  
  

Publicado por em