É dia de voltar pra casa...

Calma!!! Não somos nós que estamos voltando, mas os pais de Patrícia... Estávamos conversando há poucos dias e parece que foi ontem que estávamos no aeroporto Charles de Gaulle à espera de Dalcir e Elair. Um passeio em Lisboa e uma parada para sabor

  
  

Calma!!! Não somos nós que estamos voltando, mas os pais de Patrícia... Estávamos conversando há poucos dias e parece que foi ontem que estávamos no aeroporto Charles de Gaulle à espera de Dalcir e Elair.

Um passeio em Lisboa e uma parada para saborear os famosos pastéis de Belém

Um passeio em Lisboa e uma parada para saborear os famosos pastéis de Belém

Nesse mês que passamos juntos submetemos os visitantes a nossa rotina de dormir em lugares inóspitos, fazer romaria em busca de estacionamento, de água para abastecer o tanque do carro e de lugar para despejar o esgoto da nossa casa. Eles nos submeteram a sua alegria e disposição.

A visita na Torre de Belém

A visita na Torre de Belém

Foi exatamente um mês de convivência, 2,7 mil quilômetros rodados, 23 cidades visitadas em três países. Eles se acostumaram a viver carregando a casa nas costas e mudar de vizinhança quase que diariamente. Já tiveram como quintal castelos, abadias, museus famosos, construções barulhentas, praias tranqüilas, florestas mágicas, santuários...

No caminho para Santiago de Compostela, a costa Atlântica da Espanha

No caminho para Santiago de Compostela, a costa Atlântica da Espanha

Ufa, quanta coisa ocorreu nesse tempo. Eles nos fizeram lembrar da comidinha da casa da mãe e trouxeram o carinho que tanto precisávamos depois de oito meses longe do Brasil... Nos ajudaram a cuidar do carro e a cuidar de nós mesmas.

Um passeio de bonde pelos centros históricos europeus

Um passeio de bonde pelos centros históricos europeus

Como o motorhome não é muito grande, fizeram o possível para não quebrar a nossa rotina. No último dia juntos, rimos, conversamos, nos divertimos, choramos e nos despedimos. O vôo estava marcado para as 17h15, antes das 15h já estávamos no aeroporto. Check in feito, foi só esperar o horário do embarque...

E Paris do alto, inesquecível...

E Paris do alto, inesquecível...

Obrigada pai e mãe, seu Dalcir e dona Elair, obrigada pela ajuda indiscutível que nos deram. Vocês são sempre bem-vindos, assim como o restante de nossas famílias.

  
  

Publicado por em