Um mergulho na Fonte da Juventude

Brocéliande é uma região com 7000 hectares e apesar de três mapas e mais um guia que compramos no ponto de informações de Paimpont, encontrar o que se busca não é muito fácil. O problema é que cada mapa é diferente do outro. Cada um mostra um detalhe ou u

  
  

Brocéliande é uma região com 7000 hectares e apesar de três mapas e mais um guia que compramos no ponto de informações de Paimpont, encontrar o que se busca não é muito fácil. O problema é que cada mapa é diferente do outro. Cada um mostra um detalhe ou uma informação que em outro não aparece. Parecia até uma caça ao tesouro. Visitar a Tumba de Merlin e a Fonte da Juventude era o nosso objetivo. Pegamos uma estrada em direção a St. Malon e seguimos...

Árvore onde o sacerdote Guillotin se escondeu durante a Revolução Francesa

Árvore onde o sacerdote Guillotin se escondeu durante a Revolução Francesa

Visitamos o Castelo de Comper, onde a Fada Viviane teria criado Lancelot do Lago, que se tornaria mais tarde um dos cavaleiros da Távola Redonda. Continuamos o caminho e quando percebemos já estávamos em Concoret e segundo os mapas, passamos lotadas pelos pontos. Já que havíamos passado mesmo, seguimos mais alguns quilômetros e fomos conhecer uma árvore especial, a “Chene a Guillotin”. Com mil anos de existência, 10 metros de altura e 9,65 metros de largura, a árvore, que é oca, serviu de abrigo a um sacerdote chamado Guillotin. Conta a história que ele se escondeu dentro da árvore no período de “terror” durante a Revolução Francesa.

A pequena placa indicando o caminho para a Tumba de Merlin

A pequena placa indicando o caminho para a Tumba de Merlin

Encontramos um casal de italianos que também visitavam o local e perguntamos se eles sabiam o caminho para a Tumba de Merlin. Infelizmente não puderam nos ajudar, ainda não haviam encontrado também. Resolvemos voltar pelo mesmo caminho e redobramos a nossa atenção. Sabíamos que ele ficava próximo de uma parada de estacionamento. No primeiro que achamos resolvemos parar. Cláudia desceu do carro e foi dar uma olhada na área e acabou encontrando uma placa pequena e escrita à mão indicando o caminho.

Pedidos dos visitantes feitos ao Mago Merlin

Pedidos dos visitantes feitos ao Mago Merlin

A caminhada era curta, cerca de 500 metros. Em 1846 foi publicado pela primeira vez um artigo a respeito da “suposta” Tumba de Merlin. Anos mais tarde, Felix Bellamy encontrou alguns papéis do sr. Poingnant, quem originalmente no século XIX atribuiu os rochedos ao Mago Merlin e a Viviane. Dizem que ali a fada Viviane traçou nove círculos mágicos e trancou para sempre o Mago Merlin. O que hoje visitamos é formado por um círculo de pedras no chão e no centro rochas dispostas de maneira vertical com uma árvore. Muitos visitantes deixam pedidos escritos em pequenos pedaços de papel encaixados no vão de uma das rochas. Se os pedidos são realizados nós não sabemos, mas na dúvida deixamos os nossos também.

A Fonte da Juventude, esperança de rejuvenescimento para quem acredita

A Fonte da Juventude, esperança de rejuvenescimento para quem acredita

Reza a lenda que Merlin era filho de uma devota mulher com o demônio e por isso ele era uma pessoa que trazia o bem e o mal dentro de si. Merlin podia prever o futuro e sabia do passado, tinha poderes mágicos e podia falar com animais e plantas, caminhava sobre a água e freqüentemente mudava a própria fisionomia. O Mago teria contribuído para o nascimento, educação e a ascensão de Arthur ao trono da Grã-Bretanha.

Há poucos metros dali encontramos a Fonte da Juventude, mais suja e menos glamourosa do que imaginávamos. Mesmo assim jogamos um pouco da água para o alto e deixamos algumas gotas caírem sobre nós... Sabe como é né, não sabemos se realmente vai nos rejuvenescer, mas na dúvida, não deixamos a oportunidade passar. Uma placa informava que antigamente as crianças eram registradas apenas uma vez ao ano. Durante o solstício de verão era realizada uma cerimônia onde os bebês eram batizados e registrados por um padre na beira da fonte. Por acaso, se alguma criança não comparecia, ela era registrada no ano seguinte como recém-nascida, apesar de já ter mais de um ano de idade. Assim começou a lenda da Fonte da Juventude.

Feito o caminho lendário, seguimos para Nantes. Até lá...

  
  

Publicado por em