Um passeio pela floresta do mago Merlin e de Morgana

Vou confessar, não acordamos muito cedo neste dia, não! Preparamos o carro e demos adeus ao Mont Saint-Michael. Realmente a paisagem é encantadora, dormir no pé do monte e observar o sobe-e-desce da maré foi incrível. Eurotrip na floresta de Paimpont

  
  

Vou confessar, não acordamos muito cedo neste dia, não! Preparamos o carro e demos adeus ao Mont Saint-Michael. Realmente a paisagem é encantadora, dormir no pé do monte e observar o sobe-e-desce da maré foi incrível.

Eurotrip na floresta de Paimpont

Eurotrip na floresta de Paimpont

A poucos quilômetros, encontramos uma internet junto a um hotel. Mas o preço era caríssimo. Oito euros a hora, quase trinta reais por uma hora de conexão. Mesmo precisando dar uma checada nos e-mails e atualizar o site, decidimos não utilizar o serviço.

O “Vale sem Retorno” e o “Espelho das Fadas”

O “Vale sem Retorno” e o “Espelho das Fadas”

Nossa próxima parada seria a floresta de Paimpont, a poucos quilômetros de Rennes. A dica de passeio foi dada pelo casal de motorhomeiros que conhecemos em Paris: Eliane e Arnaldo. A cidade não aparece em nenhum guia. Comenta-se que a lenda do Rei Artur, dos cavaleiros da Távola Redonda, como Lancelot, do mago Merlin, Morgana, Viviane e de outros personagens se passou nesta região de Brocéliande.

O Castelo de Trécesson, do séc. 15, encontrado no meio do roteiro místico

O Castelo de Trécesson, do séc. 15, encontrado no meio do roteiro místico

O ponto de partida para conhecer o lugar é a minúscula e charmosa cidade de Paimpont. O passeio é místico e cheio de belas paisagens que se misturam à antiga arquitetura do interior da França.

O túmulo coletivo em círculo batizado de “Hôtié de Viviane”

O túmulo coletivo em círculo batizado de “Hôtié de Viviane”

No posto de informações turísticas da cidade, descobrimos que são necessários no mínimo dois dias para se conhecer tudo. Com o roteiro na mão, começamos o passeio. A primeira parada foi o “Vale Sem Retorno”, onde existe um lago chamado “Espelho das Fadas”. Segundo a história, era aqui que a feiticeira Morgana abandonava os seus amantes infiéis. Morgana era meia-irmã do Rei Artur, foi criada por Viviane (amante do mago Merlin) e seguia os princípios celtas, que tinham o domínio das forças da natureza.

No centro de Paimpont, um lugar tranqüilo para passar a noite

No centro de Paimpont, um lugar tranqüilo para passar a noite

Na cidadezinha onde fica o vale, algumas folhas de papéis penduradas numa árvore chamam a atenção. São poemas escritos por turistas que foram inspirados fazendo esse roteiro. Os poemas são numerados e é possível levá-los de recordação. Cada um custa vinte centavos de euro.

A sinalização é precária e muitas vezes é necessária uma dose de sorte para se chegar aos lugares. Para quem leu as “Brumas de Avalon”, estar nesses lugares é incrível. Mas mesmo quem não acredita nesses contos, o passeio é interessante. Agora no outono, a floresta está belíssima, em cores ocre e amarelo-avermelhado. Encontramos alguns turistas fazendo os caminhos de carro e outros de bicicleta.

Seguimos mais alguns quilômetros em outra direção e chegamos ao Castelo de Trécesson, construído no séc. 15 utilizando o xisto vermelho, abundante por aqui. A história diz que um bravo foi queimado vivo aos pés das paredes deste castelo. Não se sabe se isso ocorreu de verdade ou se é só mais um motivo para o castelo receber mais visitantes. De qualquer modo, a vista é encantadora.

Depois chegamos ao “Hôtié de Viviane”, uma sepultura coletiva dos druidas datada entre 3.500 e 2.500 a.C., batizada com sendo a casa de Viviane. No caminho para esses lugares, colhemos maçãs e castanhas. Fizemos uma bela “feira”.

Seguimos para Paimpont novamente e encontramos um lindo lugar para passar a noite: a pracinha da prefeitura, em frente ao lago. Alguns motorhomes que viajam pela floresta também escolheram o mesmo lugar para o descanso. Fomos dormir ansiosas, afinal o que mais queríamos ver tinha ficado para o dia seguinte. O túmulo de Merlin e a Fonte da Juventude que nos aguardem.

  
  

Publicado por em