Visitas oficiais na capital polaca

Antes de sairmos, telefonamos para a Embaixada do Brasil na Polônia. Graças aos nossos amigos que conhecemos em Cracóvia e a coincidência de esbarrarmos com o Piotr na noite anterior, já tínhamos alguns contatos no escritório. Isso deixou tudo mais fácil.

  
  

Antes de sairmos, telefonamos para a Embaixada do Brasil na Polônia. Graças aos nossos amigos que conhecemos em Cracóvia e a coincidência de esbarrarmos com o Piotr na noite anterior, já tínhamos alguns contatos no escritório. Isso deixou tudo mais fácil. A reunião com o senhor Almir Gonçalves foi marcada para o início da tarde, exatamente às 14h, ainda tínhamos algum tempo até a hora do compromisso oficial.

Funcionários da Embaixada Brasileira em Varsóvia recebem a Eurotrip

Funcionários da Embaixada Brasileira em Varsóvia recebem a Eurotrip

Antes, pegamos um bonde e partimos rumo ao centro da cidade, onde fica o agito do dia-a-dia para sentirmos melhor a capital polaca. Descemos perto do Palácio da Cultura e da Ciência de Varsóvia. Na época do comunismo, era ali que ocorriam os encontros políticos mais importantes. Hoje, o prédio em estilo socialista-realista provoca sentimentos contrários: alguns o admiram, outros gostariam de vê-lo demolido, tamanho o descontentamento com o período comunista, já que o prédio é um símbolo do antigo regime. Não entrando nesse mérito, a construção é realmente linda.

Maria, recebe o material de Foz para a sua operadora

Maria, recebe o material de Foz para a sua operadora

Na embaixada, desde a recepção fomos muito bem recebidas: encontramos uma senhora natural de Foz do Iguaçu. O senhor Almir nos colocou em contato com o setor comercial da embaixada - responsável pelas promoções do Brasil em terras polacas -, com a imprensa e com uma das agências de viagem que tem como principal destino a América do Sul. Fomos apresentadas ainda ao Coronel Monteiro, adido de Defesa e do Exército Brasileiro na Polônia. Encontramos um pouco do Brasil aqui: sulistas, cariocas e nordestinos. A conversa foi bastante agradável. Descobrimos que a embaixada não possui material algum de Foz do Iguaçu e que se prepara para participar de uma das maiores feiras de turismo do país, em setembro. Deixamos com ela o material que tínhamos e nos comprometemos a pedir que a prefeitura da cidade encaminhe mais.

O Rynek é um ponto de encontro na capital

O Rynek é um ponto de encontro na capital

Seguimos então até a Merry Travel, a agência indicada pelo senhor Almir. O lugar fica bem no centro da cidade antiga, quase em frente ao lugar onde jantamos na noite passada. Na conversa, ficamos sabendo que o Brasil é bastante procurado e que Foz do Iguaçu não pode faltar no roteiro clássico, já que é o preferido entre os turistas polacos. O último grupo organizado pela agência reuniu 200 pessoas, além dos pacotes individuais.

Palácio da Cultura e da Ciência de Varsóvia

Palácio da Cultura e da Ciência de Varsóvia

Terminada a visita, passamos novamente pelo centro histórico de Varsóvia - Patrimônio Histórico Cultural da Humanidade -, agora para ver melhor os detalhes do Rynek com a luz do dia. Maravilhoso, com seus prédios e fachadas ricamente decorados. As fotos da época da Segunda Guerra impressionam, tão grande foi a destruição. Apesar da aparência antiga, as construções não têm mais que 50 anos, já que tudo foi reconstruído pelos comunistas. Mesmo com tanta riqueza, ainda preferimos o de Cracóvia.

O Hotel Bristol foi um dos poucos prédios poupados durante os bombardeios da Segunda Guerra

O Hotel Bristol foi um dos poucos prédios poupados durante os bombardeios da Segunda Guerra

Já cansadas de tanto perambular e morrendo de vontade de fazer xixi, procuramos um restaurante com banheiro mais limpinho que os públicos disponíveis ali por perto. O escolhido foi o do Pizza Hut. Na entrada, fomos barradas por um garçom. Passamos a conversa nele, dizendo que queríamos lavar as mãos antes de fazer o pedido. Passagem ao banheiro liberada! Na volta, a fome nos impediu de sair. Até que não enganamos tanto assim o garçom...A pizza estava uma delícia, mas o atendimento uma decepção.

  
  

Publicado por em