Barcelona – Espanha

A cidade de Barcelona, capital da Catalunha, abriga um dos portos mais movimentados do mar Mediterrâneo. Com ruas amplas e cercada pelas obras do arquiteto Antoni Gaudí, a cidade rivaliza com Madri o posto de cidade mais importante da Espanha em cultura,

  
  

A cidade de Barcelona, capital da Catalunha, abriga um dos portos mais movimentados do mar Mediterrâneo. Com ruas amplas e cercada pelas obras do arquiteto Antoni Gaudí, a cidade rivaliza com Madri o posto de cidade mais importante da Espanha em cultura, esporte e comércio.

Vista do Temple Expiatori de la Sagrada Família

Vista do Temple Expiatori de la Sagrada Família

Dizem que para conhecer o estilo de vida de quem vive em Barcelona um passeio pela Las Ramblas é quase obrigatório. A ampla avenida cercada de árvores, mansões, lojas e restaurantes é uma das mais famosas da Espanha e talvez por causa disso é sempre movimentada. O passeio pela Las Ramblas acaba nos braços do mar Mediterrâneo com uma bela vista do oceanário e da ponte giratória em Port Vell.

Detalhe da Sagrada Família na igreja de mesmo nome

Detalhe da Sagrada Família na igreja de mesmo nome

Bem próximo a Las Ramblas fica o Barri Gòtic (bairro gótico) com suas ruas estreitas por onde circulam apenas pedestres. Esta é a parte mais antiga da cidade, fundada pelos romanos no reinado de Augusto (27 a.C. – 14 d.C.), e abriga até hoje os prédios administrativos. Na catedral gótica é possível ver entre os tesouros pinturas medievais catalãs. O Palau Reial Major (palácio real) era a residência oficial dos condes-reis de Barcelona desde o século XIII e foi aqui que os monarcas católicos receberam Cristóvão Colombo no retorno de sua viagem ao Novo Mundo iniciada em 1492.

Edifício La Pedrera projetado por Antoni Gaudí

Edifício La Pedrera projetado por Antoni Gaudí

Entre as diversas obras de Gaudí em Barcelona, o Temple Expiatori de la Sagrada Família é uma dos mais enigmáticas. A igreja está cercada de guindastes que lembram que a obra iniciada em 1882 ainda não foi concluída. O arquiteto catalão recebeu a incumbência de seguir com a construção de uma igreja gótica um ano depois do início da edificação. Gaudí modificou o projeto que então se tornou a obra de sua vida. Quando morreu, aos 74 anos, apenas uma torre da fachada da Natividade estava pronta. Hoje oito já estão erguidas. Há quem diga que a igreja estará concluída em meados de 2020. A construção é impressionante pela genialidade e parece um pouco com os castelos de areia que as crianças fazem sem compromisso na beira da praia.

Aproveite para dar um passeio pela Las Ramblas

Aproveite para dar um passeio pela Las Ramblas

A fachada da Natividade apresenta cenas do nascimento e da infância de Jesus Cristo, enquanto a fachada oposta, a da Paixão, apresenta Cristo crucificado. Esta última foi concluída em 1980. Por apresentar figuras angulosas, talvez sinistras, é polêmica. Na cruz, Jesus aparece nu. Os campanários são belíssimos, possuem mosaicos venezianos. No total, serão 18 agulhas, uma para cada apóstolo, quatro para os evangelistas, uma para Nossa Senhora e a maior, com 170 metros de altura, para Jesus Cristo. Hoje existem oito. Gaudí está enterrado na cripta da igreja.

Sobre o mar Mediterrâneo a interessante ponte giratória para pedestres em Port Vell

Sobre o mar Mediterrâneo a interessante ponte giratória para pedestres em Port Vell

No Quadrat d’Or (quadrado de ouro) estão reunidos os melhores edifícios modernistas da cidade. São mais de 100 quarteirões e tem como centro o Passeig de Gràcia onde fica outra grande obra do mestre Gaudí, a Casa Milà, conhecida por “La Pedrera” devido ao seu aspecto. A fachada ondulada cercada de varandas é muito interessante, mas a beleza maior está no telhado. As torres das chaminés são belíssimas esculturas. Do telhado da La Pedrera é possível avistar as torres da Sagrada Família, uma vista preciosa. Ainda é possível visitar um apartamento mobiliado com a decoração projetada por Gaudí. Atualmente ninguém mais vive no edifício que abriga as sedes de quatro fundações e da Obra Social da Caixa Catalunya, instituição que adquiriu o prédio em 1986, restaurou-o e o abriu ao público como centro cultural dez anos depois.

A Vila Olímpica, construída para os jogos de 92 renovou a antiga área industrial à beira-mar. No local foi feito um belo calçadão com 2 mil apartamentos, parques e uma marina. Por ter acomodado os atletas durante as competições, o local ainda é chamado de Vila Olímpica. No Port Olimpic estão os dois arranha-céus mais altos da Espanha com 44 andares.

O Museu Picasso é um dos mais concorridos da cidade. Entre várias obras de Pablo Picasso está a série mais famosa do artista: “As Meninas” – baseado na obra-prima do também pintor espanhol Velázquez. O acervo reúne 3000 peças, algumas doadas pelo próprio artista.

Na internet: www.barcelonaturisme.com , www.sagradafamilia.org , http://obrasocial.caixacatalunya.es , www.tourspain.es , www.mnac.es , www.fundacio.lacaixa.es

A Lufthansa voa de São Paulo para Madri. Para mais informações e reservas, basta ligar (11) 3048 5800 e no Rio (21) 4503 5000. Ou pela internet www.lufthansa.com.br

  
  

Publicado por em