Mainz - Alemanha

como se localizar – Uma invenção dos romanos é usada até hoje pela prefeitura da cidade. Placas vermelhas com o nome das ruas indicam o caminho que leva até o rio Reno, e placas azuis são usadas para as demais .Para os turistas se localizarem esta é uma d

  
  

como se localizar – Uma invenção dos romanos é usada até hoje pela prefeitura da cidade. Placas vermelhas com o nome das ruas indicam o caminho que leva até o rio Reno, e placas azuis são usadas para as demais .Para os turistas se localizarem esta é uma dica importante.

Placas que indicam as ruas da cidade

Placas que indicam as ruas da cidade

museus – A cidade tem sete museus, mas se você não tiver tempo para visitar todos, não deixe de ir ao Gutenberg Museum. Johannes Gutenberg (1400 – 1468) é considerado o pai da imprensa. Foi ele quem criou os tipos móveis (letras soltas feitas da combinação de quatro metais para a impressão de livros em geral).A invenção de Gutenberg possibilitou que fossem produzidos livros em grande escala, o mais famoso deles é a Bíblia. Os quarto primeiros fascículos são guardados em um cofre. Outra curiosidade do museu é a menor Bíblia do mundo, tem um pouco mais de 2 cm quadrados. A entrada custa 3 euros.

Fachada do Museu de Gutenberg

Fachada do Museu de Gutenberg

igrejas – A catedral é a igreja mais antiga da cidade, uma majestosa obra iniciada pelos romanos e que atualmente encontra-se em reforma, foi erguida pelo arcebispo Willigis. A primeira consagração foi realizada em 1009.No mesmo ano um grande incêndio destruiu a igreja, só podendo ser usada novamente em 1036. A catedral tem três naves, que abrigam túmulos de arcebispos, numerosas capelas e pode ser vista nas duas margens do rio Reno. A visitação só pode ser feita no período entre abril e setembro.
Em St. Stephen’s Church podem ser apreciados os vitrais do artista Marc Chagall. Os vidros azuis chamam a atenção de milhares de turistas, que todos os anos vão a Mainz para admirá-los. Durante a segunda Guerra Mundial, a igreja foi praticamente destruída. A igreja foi construída em estilo pré-romano e após a reconstrução ganhou três naves na linha gótica. St. Stephan’s Church é a única igreja alemã que exibe vitrais do artista judeu russo Marc Chagall (1887 – 1985). A igreja pode ser visitada durante o ano todo.
O estilo rococó pode ser admirado em St. Peter’s Church. Anjos dourados brilham com a mesma intensidade do dia em que foram construídos. Os afrescos no teto da igreja foram feitos pelo artista Joseph Appiani entre 1752 e 1755. Durante a segunda Guerra Mundial, a igreja foi bombardeada e os afrescos que hoje vemos foram feitos pelos artistas Karl Manninger e Hermenegild Peiker. As pinturas relatam a vida do apóstolo Pedro. A igreja pode ser visitada durante o ano todo.

Vista do Vale do Rio Reno

Vista do Vale do Rio Reno

curiosidade – Na praça em frente ao Teatro Municipal passa o meridiano de 50 graus que marca o Trópico de Câncer. A regiao do Médio Reno é considerada pela Unesco Patrimônio Natural da Humanidade.

Fachada da Igreja St. Peter

Fachada da Igreja St. Peter

não perca – A bela vista do rio Reno, que proporciona finais de tarde inesquecíveis. Vale conferir as duas margens do rio. Aos sábados divertidas bandas típicas animam as pessoas que circulam pelo centro da cidade.
Feiras livres oferecem todo o tipo de produtos naturais. Frutas, queijos e embutidos. Difícil olhar sem dar água na boca.

Interior da Igreja St. Peter

Interior da Igreja St. Peter

A Lufthansa voa diariamente para Frankfurt na Alemanha e de lá oferece conexões para as principais cidades alemãs. Até 25 de abril, a passagem aérea em classe econômica para qualquer cidade da Alemanha, ida e volta, custa US$ 856 de segunda a quinta-feira e US$ 886, de sexta a domingo. Para mais informações e reservas, basta ligar (11) 3048 5800 e no Rio (21) 3687 5000. Ou pela Internet www.lufthansa.com.br

  
  

Publicado por em

Rita de Cássia Vieira Braga.

Rita de Cássia Vieira Braga.

03/08/2010 11:35:55
Estive em Mainz em Julho de 2010 e adorei a cidade. O Museu de Gutenberg é maravilhoso e o charme da cidade é realmente o Rio Reno. Adorei.

Neide neves

Neide neves

31/07/2009 11:34:04
Mai

Mainz é linda, calma, segura, tranquila, quando posso volto sempre, tenho muitos amigos que moram nessa linda cidadezinha

Jose Dantas

Jose Dantas

22/12/2008 18:58:53
Em dezembro, não deixe de visitar o Weihnachtsmark, um dos maiores e melhores da região, que acontece ao lado da catedral.

Gilberto Albano Jacobus

Gilberto Albano Jacobus

02/12/2008 20:28:40
Muito Bom, um resumo bacana, creio, de Mainz. Região do Hunsrück, de onde meus penta-avós vieram em 1826 para as terras gaúchas.
Dankbar, obrigado...