Mont St.- Michel – França

A cerca de 130 km de Paris fica o Mont St.-Michel, conhecido por compor uma das mais belas paisagens da França. O complexo pode ser visitado em apenas um dia e fica isolado, em um braço da costa norte da França. Quem preferir pode se hospedar em um dos ho

  
  

A cerca de 130 km de Paris fica o Mont St.-Michel, conhecido por compor uma das mais belas paisagens da França. O complexo pode ser visitado em apenas um dia e fica isolado, em um braço da costa norte da França. Quem preferir pode se hospedar em um dos hotéis instalados no monte ou em vilarejos próximos.

Vista da ilha Mont-Tombe com a abadia de Mont St.-Michel no alto

Vista da ilha Mont-Tombe com a abadia de Mont St.-Michel no alto

Atualmente a ilha de Mont-Tombe (Túmulo da Colina) é unida ao continente por um uma passarela. O fenômeno das marés pode ser apreciado claramente na ilha. Durante o dia a área de areia movediça que circunda a ilha fica seca e muitas pessoas chegam a fazer caminhadas às ilhas próximas, mas com o cair da noite a água do mar vai subindo e cobre toda a região. Placas avisam os horários de alta e baixa. Quem vai de carro deve ficar atento já que alguns estacionamentos ficam alagados.

A Grand Rue repleta de restaurantes, lojas e hotéis para os turistas

A Grand Rue repleta de restaurantes, lojas e hotéis para os turistas

A ilha oferece vários restaurantes e hotéis, quem tiver a oportunidade de passar a noite por lá deve apreciar dois espetáculos maravilhosos, um é a vista da Abadia iluminada durante a noite e o outro é observar a água do mar chegando de mansinho e ocupando um espaço no grande areal.

Imponentes colunas de mármore inglês do antigo claustro

Imponentes colunas de mármore inglês do antigo claustro

história - Erguida estrategicamente entre a Normandia e a Bretanha, no início do século VIII, a Abadia começou sua história como um oratório. Nos séculos XII e XIII, muitos peregrinos viajavam para o local para cultuar São Miguel. Na época eles eram chamados de “Miquelots”.

Floreiras na pequena casa na subida para a abadia

Floreiras na pequena casa na subida para a abadia

Na Idade Média, o mosteiro era considerado um centro de referência de ensino. Depois da revolução, o local foi transformado em uma prisão, em 1979 foi tombada pela Unesco e hoje em dia recebe 850 mil visitantes por ano.

A impressionante visão noturna do Mont St.-Michel

A impressionante visão noturna do Mont St.-Michel

A Abadia foi construída em três níveis que refletiam na época a hierarquia do monastério. Os monges viviam no nível mais alto, onde fica a igreja, o claustro e o refeitório. No andar intermediário, o abade recebia os nobres. Os soldados e os peregrinos, que estavam na base da pirâmide social, eram recebidos no nível inferior.

As muralhas que cercam a ilha foram erguidas durante a Guerra dos Cem Anos para proteger o local dos ataques dos ingleses. Alguns pontos merecem um destaque especial, como a Capela de Santo Aubert, construída sobre rochas no século XV em homenagem a Aubert, fundador de Mont St.-Michel. O Claustro é um exemplo da arquitetura anglo-romana, as colunas de mármore inglês dão um toque elegante ao local.

serviço – a Abadia está fechada nos dias 1º de janeiro, 1º de maio e 25 de dezembro. De 2 de maio a 31 de agosto permanece aberta das 9h – 19h. De 1º de setembro a 30 de abril das 9h30 – 18h. A última entrada é sempre uma hora antes do fechamento.

Mais informações podem ser adquiridas no site www.monum.fr .

A Lufthansa voa para Paris saindo de São Paulo - para embarque até 12 de outubro na classe econômica, a passagem aérea custa US$ 815 durante a semana e US$ 842 de sexta a domingo, com conexão em Frankfurt. Para mais informações e reservas, basta ligar (11) 3048 5800 e no Rio (21) 3687 5000. Ou pela Internet www.lufthansa.com.br

  
  

Publicado por em

Marly Tassinari de Castro -Vitória - ES

Marly Tassinari de Castro -Vitória - ES

21/03/2010 17:59:16
Estivemos em Mont St. Michel em feveiro 2010. Foi uma viagem inesquecível, tudo muito lindo, e fica bem próximo de Paris. Vale a pena pernoite nos charmosos hoteis do Mont. Ficamos no La Croix de St. Michel,todo reformado. Vistem, vale a pena.

Marina

Marina

29/05/2009 10:45:18
Estivemos em Mont St.Michel em novembro/2008, é um passeio inesquecível, vale a pena, indo a França não deixe de conhecer. Marina