Porto – Portugal

Segunda maior cidade de Portugal e a mais imponente do Norte do país, Porto deu o seu nome ao famoso vinho. Sua rica história e conjunto arquitetônico lhe garantiram o título de Patrimônio Mundial da Humanidade cedido pela Unesco. No interior das igr

  
  

Segunda maior cidade de Portugal e a mais imponente do Norte do país, Porto deu o seu nome ao famoso vinho. Sua rica história e conjunto arquitetônico lhe garantiram o título de Patrimônio Mundial da Humanidade cedido pela Unesco.

No interior das igrejas do Porto predomina o dourado

No interior das igrejas do Porto predomina o dourado

Quem passeia pelo Porto não deixa de notar os sinais da riqueza que tomou conta da cidade a partir do século XV, impulsionada pelo comércio de mercadorias das terras anexadas por Portugal. Do Brasil, chegaram ouro e madeiras exóticas para enfeitar as igrejas locais. Estima-se que os entalhes de madeira da Igreja de São Francisco foram recobertos com 200 quilos de ouro.

A Ponte de Dom Luís I, projetada por assistentes de Eiffel

A Ponte de Dom Luís I, projetada por assistentes de Eiffel

A peculiaridade dos seus bairros, com destaque para a zona da Ribeira às margens do rio Douro, e a confusão comercial da Baixa valem um passeio a pé. O fôlego é imprescindível nesta hora, já que a cidade é repleta de morros íngremes, num sobe e desce quase infinito e bastante cansativo para quem não está acostumado.

A Torre dos Clérigos e os prédios antigos enriquecem os contornos da cidade

A Torre dos Clérigos e os prédios antigos enriquecem os contornos da cidade

Entre as principais atrações da cidade do Porto estão o Palácio da Bolsa, a Sé (originalmente uma igreja-fortaleza em estilo romano-gótico), a Torre dos Clérigos com seus 75 metros de altura, a Praça dos Aliados e as igrejas de São Francisco (de origem romântica, com seu interior coberto de detalhes dourados) e a do Carmo (em estilo barroco, recoberta de azulejos). Outro imponente cartão-postal da cidade é a Ponte de Dom Luís I, toda em ferro, projetada pelos assistentes do francês Gustave Eiffel (1886).

Estátua em homenagem a Pedro IV na Praça dos Aliados

Estátua em homenagem a Pedro IV na Praça dos Aliados

Do outro lado do rio, a Vila Nova de Gaia é o centro da produção do vinho do Porto. Uma boa sugestão é a visita a estas caves, com direito a degustação. Nesta região estão os armazéns de mais de 50 empresas, a maioria controlada por ingleses. Foram eles que, no século XVII, “descobriram” o licoroso vinho ao adicionarem aguardente para conservar a bebida que, por causa das longas viagens nos navios até a Inglaterra, chegava ao destino já estragada.

Bares e restaurantes às margens do Douro no bairro da Ribeira

Bares e restaurantes às margens do Douro no bairro da Ribeira

Nas margens do rio Douro estão atracados ainda alguns barcos rabelos, antigas e estreitas embarcações usadas para transportar o vinho do Porto das vinícolas (conhecidas como quintas) até os armazéns.

Caminhando pela cidade, é possível encontrar também as ruínas de antigas fortificações que salvaram Porto da invasão das tropas de Napoleão Bonaparte, o que fez com que ficasse conhecida como a Cidade Invicta. Casas especializadas na venda do vinho do Porto, vinho verde e do famoso Dão também não faltam, assim como confeitarias que oferecem os deliciosos pastéis de Belém nas vitrines.

Na internet, acesse www.portotours.com

A Lufthansa voa de São Paulo para Lisboa e para o Porto. Para embarque até 11 de dezembro na classe econômica, a passagem aérea custa US$ 667 durante a semana e US$ 695 de sexta a domingo, com conexão em Frankfurt. Para mais informações e reservas, basta ligar (11)3048 5800 e no Rio
(21) 4503 5000. Ou pela Internet www.lufthansa.com.br

  
  

Publicado por em