Suíça – gerais

Informações – A Suíça é um país especial não só pela sua pluralidade de culturas, mas também pelas belas paisagens. Por causa das várias invasões sofridas, o país é dividido em Suiça italiana, alemã e francesa. O país tem quatro idiomas oficiais (italiano

  
  

Informações – A Suíça é um país especial não só pela sua pluralidade de culturas, mas também pelas belas paisagens. Por causa das várias invasões sofridas, o país é dividido em Suiça italiana, alemã e francesa. O país tem quatro idiomas oficiais (italiano, alemão, francês e o romanche), além de uma infinidade de dialetos usados em pequenos povoados ou mesmo nas cidades maiores. E essa variedade de idiomas é um orgulho do povo suíço. A Suíça é composta por povos de origens diferentes unidos pelo ideal da convivência pacífica e da neutralidade. O país prefere não se posicionar em guerras e não faz parte da Comunidade Européia. Genebra é a sede de várias organizações internacionais, entre elas, o quartel-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) na Europa.

Detalhe de um chalé ao pé dos Alpes

Detalhe de um chalé ao pé dos Alpes

As imagens de vaquinhas com sinos no pescoço, montanhas cobertas de neve (algumas com mais de quatro mil metros), vales com lagos de água cristalina e casas de madeira com janelas e sacadas floridas são muito freqüentes por aqui, assim como relojoarias, lojas que vendem os deliciosos chocolates e bancos. Só na cidade de Lugano, com 30 mil habitantes, perto da fronteira com a Itália, existem 80 bancos diferentes.

A bela vista dos Alpes no centro de Interlaken

A bela vista dos Alpes no centro de Interlaken

Durante os meses mais frios, o país é o celeiro para os amantes de esportes de inverno, como esqui e snowboard. A Suíça possui estações de esqui desde as mais sofisticadas (como St. Moritz) às menos glamourosas e por isso nem menos caras também. No verão, é possível desfrutar da beleza incomparável das montanhas com os picos cobertos de neve e os lagos incrivelmente transparentes. Nessa época, pode-se praticar trekking, canyoing, para-pente, balonismo, asa-delta e passeios de bicicletas.

Fonte no centro de Berna mostra o Ogro comedor de crianças

Fonte no centro de Berna mostra o Ogro comedor de crianças

Se você estiver viajando em julho aproveite para visitar Montreux, a cidade à beira do Lago Léman é charmosa e oferece o famoso Festival Internacional de Jazz de Montreux sempre com grandes nomes da música brasileira (www.montreuxjazz.com ). Também em julho é realizado o Festival de Música de Paléo, um concerto ao ar livre em Nyon (www.paleo.ch ) Em agosto, acontecem o Festival Internacional de Cinema de Locarno (www.pardo.ch ) e o Festival Internacional de Música de Lucerna. De setembro a outubro, as atrações são as festas da uva, do vinho, do queijo e do retorno dos rebanhos, no total são 40 festivais principalmente em pequenos povoados.

alguns brasileiros, como Bethania e Gil, se apresentam no Jazz Festival de Montreux, em julho

alguns brasileiros, como Bethania e Gil, se apresentam no Jazz Festival de Montreux, em julho

Transporte - As estradas no país são boas. Para trafegar pelas auto-estradas é preciso comprar um selo à venda em postos de gasolina e postos de informações turísticas. Algumas estradas de montanhas fecham durante o inverno. Para avisar os motoristas, são colocadas placas nos pés das montanhas, indicando o período de fechamento e abertura destes trechos. Nesses locais, as rodovias, embora estreitas, sempre estão em ótimas condições. Além disso, as linhas de trens ligam o país inteiro e também fazem viagens para cidades de outros países.

Prepare-se - Se a Europa já é cara para o bolso brasileiro, a Suíça consegue ser ainda mais salgada. Um litro de leite, que na Itália custa cinqüenta centavos de euro, na Suíça sai exatamente pelo dobro, ou mais.

Internet - Em Berna e em Genebra, não deixe de dar uma passadinha na C&A. A rede oferece internet de graça para os clientes. A única exigência é que os terminais não fiquem ocupados pela mesma pessoa por mais de vinte minutos. A dica é boa ainda mais num país onde a hora da internet pode chegar a R$ 35,00. Os computadores ficam sempre na seção de moda jovem, às vezes, meio escondidos, mas procure que você acha.

Mais informações podem ser obtidas no site do Centro Suíço de Turismo: www.myswitzerland.com

A Lufthansa voa diariamente para as cidades de Zurique, Genebra e Basel na Suíça, sempre com conexão em Frankfurt. Até 28 de julho, a passagem aérea em classe econômica para qualquer uma destas cidades, ida e volta,
custa US$ 1.152 de segunda a quinta-feira e US$ 1.187, de sexta a domingo. De 29 de julho a 13 de outubro, o preço cai para US$ 860 para embarque de segunda a quinta-feira e US$ 889 de sexta a domingo. Para mais informações e reservas, basta ligar (11) 3048 5800 e no Rio (21) 3687 5000. Ou pela internet www.lufthansa.com.br .

  
  

Publicado por em

Sílvia Alves

Sílvia Alves

22/07/2009 18:29:33
Em dezembro estarei viajando para a Europa e passarei três dias em Berna. Gostaria de saber quanto custa para esquiar (tranporte, aluguel de roupas e equipamentos, hora do instrutor, quanto devo gastar por dia, etc). A passagem aérea e o hotel já estão pagos. Queria saber também se lá aceitam euro ou apenas francos suíços. Se alguem puder me ajudar agradeço muito.