Refúgio Neumeyer e bosque de Lengas - Bariloche

Hoje o dia amanheceu claro e com céu azul. Aproveitando o bom tempo escolhemos visitar uma região que é muito concorrida durante o inverno, mas pouco visitada durante os meses mais quentes, o Vale de Challhauco, dentro do parque Nahuel Huapi.

  
  

Hoje o dia amanheceu claro e com céu azul. Aproveitando o bom tempo escolhemos visitar uma região que é muito concorrida durante o inverno, mas pouco visitada durante os meses mais quentes, o Vale de Challhauco, dentro do parque Nahuel Huapi. Subimos por dentro deste vale longo e íngreme até chegarmos a uma cabana no meio da floresta, o Refugio Neumeyer. Construído pelo Clube Andino de Bariloche em 1973, esta cabana serve desde então de apoio e refugio aos caminhantes e esquiadores. Ali é possível descansar, comer e até dormir em qualquer dia do ano. Ao chegarmos, fomos recebidos pelo sr. Adan e sua família. Eles administram o local e moram aqui já há 15 anos.

Adan e família no refugio Neumeyer
Laguna verde

Depois de provar algumas deliciosas empanadas, fomos conhecer a região. Dentre das várias opções de caminhada, escolhemos a trilha que leva a Laguna Verde e ao mirante Pedregoso. Fomos acompanhados pelo guia Marcelo, nosso amigo Martin da agência Diversidad e pelo câmera Leonardo. A trilha seguiu ascendente por dentro de um bosque aberto, composto principalmente por árvores de lengas. Esta árvore, típica da Patagônia, cresce em lugares muito frios, geralmente na altitude onde há neve durante o inverno. Vive de 100 a 200 anos, mas nesta caminhada encontramos árvores mais velhinhas, algumas com até 300 anos de idade. Enquanto subíamos pelo trilha fomos aprendendo sobre a flora e fauna locais. Durante parte do percurso fomos acompanhados por um filhote de Carancho, um tipo de falcão. Ele voava de árvore em árvore sempre nos observando. Aprendemos também que as Lengas são atacadas por um tipo de fungo que interrompe a circulação da seiva nos troncos e galhos. Para sobreviver, a árvore cria desvios que tomam a forma de um anel grosso em volta do tronco. São os “nudos” ou nós (em português). Alguns deles são tão grandes que duplicam o diâmetro do tronco. Durante o verão estes fungos produzem um pequeno fruto chamado de Lhao-lhao. É comestível e foi muito consumido pelos nativos Mapuches. Adivinhe se eu não provei?

Carancho
Fungo Lhao LhaoFamília Goldschmidt

Conforme subíamos na montanha, o tempo foi mudando de sol a nublado. No entanto, foi uma grata surpresa quando os flocos de neve começaram a cair do céu. Foi a primeira nevada do ano. Os flocos derretiam assim que tocavam o chão, mas foi o suficiente para emprestar outro colorido a paisagem e alegrar a viagem destes brasileiros doidos por neve.

Quando chegamos ao mirante Pedregoso, a nevada já havia acabado e pudemos ver ao longe o lago Nahuel Huapi e a cidade de Bariloche as suas margens. Descemos então a trilha até a laguna verde, na qual não havíamos parado por causa da nevasca. Agora, uma hora depois, o sol já brilhava no céu refletindo as águas claras de tom esverdeado deste lago. Nos disseram que aqui vive uma rã endêmica, mas não as encontramos. Depois de muitas fotos e filmagens, retornamos para o refúgio onde nos esperava um delicioso almoço.

O clima agradável, nossos amigos e uma boa truta assada preparada para o jantar foram argumentos suficientes para nos convencer a dormir ali. Afinal, amanhã nossa paisagem vai mudar drasticamente. Sairemos da montanha e iremos atravessar a estepe Patagônica de caiaque. Mais isto é outra história. Espero vocês amanhã.

Peter Goldschmidt

A Família tem o apoio das seguintes empresas:

GOLDTRIP Consultoria e Viagens - www.goldtrip.com.br
TIMBERLAND – www.timberland.com.br
PIGMENTUM - Comunicação Visual - www.pigmentum.com.br
BEEPHOTO – Tudo para fotográfica – www.beephoto.com.br
Membro da Brazilian Adventure Society - BAS
CONTABIL ALVINÓPOLIS – Wagner Silva
CLIMED – Hospital Alberto Sabin
.
.

* Esta materia se refere ao diário de bordo da Expedição Bariloche e Parque Nahuel Huapi,
feita pela Familia Goldschmidt entre os dias 26/03 e 10/04/09. Para saber mais sobre esta expedição
visite o site:
www.familiagold.com.br
.
.

Bosque de Lengas
Primeira Neve
Nudo em lenga
Árvore de 300 anos
  
  

Publicado por em

Liana SILVA

Liana SILVA

07/07/2009 17:55:24
Bariloche é um lugar deslumbrante, difícil descrever, ainda mais no inverno com neve... é lindo demais... vale muito a pena conhecer.....