VIAJE COMIGO 14 | ÁFRICA - BALEIAS, AGULHAS E AVESTRUZES

O extremo sul da África do Sul esconde três destinos fantásticos e pouco conhecidos.

  
  

O extremo sul da África do Sul esconde três destinos fantásticos e pouco conhecidos. Visitando estas pequenas cidades você terá um contato intenso com a natureza e com a cultura deste maravilhoso país. Viaje comigo e conheça Hermanus, Cabo Agulhas e Oudtshoorn.

No extremo sul da África do Sul encontramos duas cidades cujos nomes ibéricos, remetem a época do descobrimento desta parte do continente. A primeira é Hermanus, um lindo e simpático balneário litorâneo a pouco mais de 100 quilômetros da Cidade do Cabo (Cape Town). Hermanus é conhecida em todo país como o melhor local para se observar baleias. Entre os meses de Julho e Novembro, centenas destes gigantes marinhos vêm se alimentar e procriar na grande baia Walker. Várias agências locais oferecem passeios embarcados para observar as baleias em alto mar. Mas isto não é necessário (embora seja um lindo passeio). Desde as rochas litorâneas, com um pouco de paciência, pode-se avistar vários animais, alguns a apenas poucos metros da costa. Talvez por isto, muitos dos hotéis da cidade têm seus quartos voltados para o mar. O espetáculo fica melhor ainda pela manhã ou no final da tarde quando as baleias ficam mais ativas. É nestas horas que muitas delas executam seqüências de saltos, provavelmente na tentativa de se livrar das parasitas. É um espetáculo fascinante ver estes mamíferos impulsionarem seus corpos gigantescos para fora d água, para depois cair com grande estrondo provocando ondas imensas. Mesmo fora da época de baleias, vale a pena conhecer Hermanos. A costa rochosa em frente à cidade é repleta de aves e também é possível sair em passeios para mergulhar junto a tubarões brancos. Você teria coragem? Passarelas permitem o passeio por toda a costa e acesso a várias praias de areia fina e mar é extremamente azul.
Outro lugar que vale a pena conhecer é Cabo Agulhas, descoberto por Bartolomeu Dias em 1488. Esta pequena vila, a cerca de uma hora de Hermanus, esta sobre um cabo baixo, com uma longa praia de areia açoitada pelos ventos e ondas. Apesar do poucos atrativos é um lugar de extrema importância. Este é o ponto mais austral do continente africano e ponto de passagem obrigatório de centenas de navios que cruzam entre o oriente e ocidente. A união de ventos fortes e águas rasas fazem surgir ondas de até 30 metros de altura. Um centenário farol, um histórico de dezenas de naufrágios e o casco encalhado de um navio japonês atestam o perigo deste lugar. No ponto mais extremo do cabo, existe um marco geográfico e uma inscrição que avisa o turista que ali se encontram dois oceanos: o Atlântico e o Índico. Muitos erroneamente pensam que este encontro acontece no Cabo da Boa Esperança (em Cape Town), mas o local certo é aqui. Vale a pena uma visita a este lugar e talvez um almoço no restaurante do farol.

Para quem está viajando em direção leste, a próxima parada turística fica a 300 quilômetros de cabo Agulhas e tem um nome bem difícil de pronunciar, Oudtshoorn.
A cidade é simpática e tranqüila, mas seus principais atrativos estão fora do centro. Um deles são as cavernas Cango. Na verdade é um complexo de várias cavernas que se unem entre si e que se estendem por dezenas de quilômetros. Possui vários salões que impressionam pela sua grandeza e riqueza de formações geológicas.
Outro importante atrativo de Oudtshoorn são as fazendas de avestruzes. Existem várias delas aberta para o turismo. Ali é possível conhecer um pouco sobre a história deste animal, tocá-los e até participar de uma corrida montado em suas costas. Os avestruzes foram responsáveis no final do século 19 por grande parte da riqueza econômica da região. Um quilo de penas deste animal chegou a custar o mesmo que um quilo de ouro.
Nas fazendas é possível comprar artefatos feitos de ovos e com o couro de avestruzes (caros e bonitos). Também é possível experimentar sua carne, tida como uma das mais saudáveis do mundo.

Para assistir um vídeo sobre estes destinos, entre no Canal viaje Comigo no link abaixo:
http://www.goldtrip.com.br/consultoria/viaje-comigo/africa/viaje-comigo-14-africa-baleias-agulhas-e-avestruzes/

Peter Goldschmidt
Peter é membro da Família Goldschmidt e diretor-consultor de turismo da agência Gold Trip. www.familiagold.com.br // www.goldtrip.com.br

  • Fotos: Família Goldschmidt e André Pereira
  • Este diário se refere a viagem da Família Goldschmidt a África do Sul em Setembro de Maio de 2010.
  
  

Publicado por em

LÍ Lisbao

LÍ Lisbao

01/04/2011 10:53:54
adoro receber informações sobre lugares aconchegantes, exóticos, deslumbrantes, com a qualidade q vcs enviam

Família Goldschmidt

Família Goldschmidt

Muito obrigado Eliane!