Convivência exemplar

Esqueci de contar! No sábado passado fomos na igreja Adventista onde eu fui convidado para pregar. Já faziam dois sábados que não íamos a igreja, pois nas cidades de Pains e Cardeal Mota não havia nenhuma. Eis aqui outra surpresa: Na cidade de Alto Capara

  
  

Esqueci de contar! No sábado passado fomos na igreja Adventista onde eu fui convidado para pregar. Já faziam dois sábados que não íamos a igreja, pois nas cidades de Pains e Cardeal Mota não havia nenhuma. Eis aqui outra surpresa: Na cidade de Alto Caparaó, ao contrário da maior parte das cidades brasileiras, a maioria dos seus habitantes são evangélicos e não católicos. São cerca de 5.000 pessoas distribuídas em 23 igrejas, uma mais bonita que a outra. A maioria são de Presbiterianos, seguidos de perto pelos Batistas e Adventistas. Todos vivendo em paz, com um bom nível de tolerância. É comum encontrar família onde cada membro pertence a uma denominação. Uma coisa bonita de se ver.
No sábado a tarde fomos conhecer a cachoeira das Andorinhas, que apesar de bastante urbanizada (preparada para o turista) ainda assim surpreende pela sua beleza e pelas belas trilhas que a circundam. O Erick, como não podia deixar de ser, deu um mergulho e se refrescou nas águas frias da piscina natural.

Peter e Sandra na igreja Adventista

Peter e Sandra na igreja Adventista

Igreja adventista

Igreja adventista

Igreja Católica

Igreja Católica

Igreja presbiteriana

Igreja presbiteriana

Ingrid contempla a cachoeira das Andorinhas

Ingrid contempla a cachoeira das Andorinhas

  
  

Publicado por em