Passeios em Manaus

A fauna e a flora Amazônica são muito ricas, e para mostrá-las, Manaus possui vários parques e museus vivos. Estivemos em alguns deles como no Parque do Mindú, uma reserva ecológica criada para proteger o Sauim-de-coleira, um macaco endêmico.

  
  

A fauna e a flora Amazônica são muito ricas, e para mostrá-las, Manaus possui vários parques e museus vivos.

Estivemos em alguns deles como no Parque do Mindú, uma reserva ecológica criada para proteger o Sauim-de-coleira, um macaco endêmico.

Estivemos também no Bosque Adolpho Ducke, onde aprendemos muito sobre a flora nativa.

Porém, o lugar que mais nos impressionou foi o Bosque da Ciência, no INPA (Instituto Nacional de Pesquisa da Amazônia).

Ali, além de um mini zoológico e um bem organizado museu, vimos muitos animais soltos como a preguiça-betinho, araras de várias cores e muitos macacos.

Dá para chegar tão perto que é quase possível tocá-los.

Em um enorme tanque acima do solo, ficam os peixes-boi, uma espécie fluvial, diferente daquela que encontramos em Rio Tinto (PB).

Aqui, eles não ocorrem risco tão grande de extinção.

Tivemos a oportunidade de, junto com o veterinário do parque, cuidar de um filhote de peixe-boi que tinha um problema na nadadeira.

Depois de uma injeção de antiinflamatório, a Sandra e a Ingrid exercitaram seu instinto materno dando de mamar para o pequeno bebe convalescente e para outros filhotes.

  • Sugestão – No parque do Mindú, todos os domingo é servido um café regional, onde pode-se provar um pouco das iguarias típicas do Amazonas.

Dentre todas, a mais característica de Manaus é o X-Caboclinho, um sanduíche de queijo coalho com Tucumã, o fruto de uma palmeira.

  
  

Publicado por em

Mary

Mary

23/08/2009 12:39:21
muito bonito e saudavél para tudos nação;que as pessoas continuem prezevados as florestas en tudo mundo.