Serra do navio, No Limite e paraglider

Há um ditado que diz: “Há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe a sua vã filosofia”. Foi o que aconteceu conosco. Sem querer, descobrimos que a Fazenda Chapéu de Sol havia sido o lugar escolhido para as gravações do programa NO LIMITE 2, e

  
  

Há um ditado que diz: “Há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe a sua vã filosofia”.

Foi o que aconteceu conosco. Sem querer, descobrimos que a Fazenda Chapéu de Sol havia sido o lugar escolhido para as gravações do programa NO LIMITE 2, exibido em 2001 pela Rede Globo.

Já tínhamos conhecido a fazenda São Jerônimo na Ilha do Marajó, onde o terceiro programa havia sido gravado. Coincidência, não? Talvez!

Fomos junto com o Jair e a Rosangela conhecer o que havia sobrado do Portal do programa e o local onde ocorreram algumas provas.

O local fica bem perto do Morro do Chapéu, que empresta o nome à fazenda.

O lugar havia sido escolhido a dedo pelo Fernando Gueiros, o diretor do programa.

Visitando a região, não restam dúvidas do porquê da escolha.

O lugar é lindo, com montanhas, água, cavernas (próximas) e completamente isolado pela represa. Em outras palavras, é ideal!

Depois resolvemos subir novamente a Serra do Navio e chegar até a ponta da serra, em um morrote que simboliza a ponte de comando do navio.

Subimos de caminhonete e depois seguimos a pé por uma trilha de pedras.

O Jair me disse que era um trilha Maia. Olhei meio esquisito e diante do meu espanto, ele me explicou que o pedreiro que arrumou a trilha tinha o sobrenome Maia.
Ufa, que alivio!

As crianças ficaram na sede, entretidas em brincadeiras e conversas.

Ouvindo suas conversas e, de repente, me dei conta de como meus “pequenos” estão crescendo.

A Ingrid está virando uma moça e o Erick um rapagão. Tudo bem debaixo das minhas barbas.

Será que estou preparado para isto???????????
Tínhamos deixado a Pepita na fazenda, mas ela se soltou e seguiu o rastro da caminhonete.

Nos encontrou lá no alto com a língua arrastando no chão. Seguimos com ela a bordo e no final da tarde depois de uma gostosa caminhada, alcançamos nosso objetivo.

  
  

Publicado por em

Luciano Barbosa de Souza

Luciano Barbosa de Souza

15/01/2010 12:55:13
A serra é linda um lugar totalmente magico estive lá e fiquei encantado.

Rosalinasolange@hotmail.com

Rosalinasolange@hotmail.com

01/04/2009 14:41:07
quando a gente pesquisa sobre a serra não tem nada para a gente saber como eh so comentario de pessoa eu quero saber da serra porque do nome etc

Família Goldschmidt

Família Goldschmidt

A serra foi batizada pelao pessoal local, justamente porque tem a forma de um grande barco.