Rio Grande do Norte - #destinocopa2014 #copa2014 #riograndedonorte #turismo #rgn

O litoral paradisíaco com fortes ventos, imensas dunas, lindas praias e o sol, que brilha por quase todo o ano, aliada à hospitalidade, comum em todos os estados do nordeste, faz do turismo a segunda fonte de renda mais significativa do estado.

  
  

Um dos menores estados brasileiros tem sua história marcada por consecutivas invasões estrangeiras, que disputavam suas terras. Com esse fato, o Rio Grande do Norte herdou diferentes tradições culturais, refletidas no modo de vida potiguar, especialmente no artesanato, no folclore e na culinária. O litoral paradisíaco com fortes ventos, imensas dunas, lindas praias e o sol que brilha por quase todo o ano, aliado à hospitalidade, comum em todos os estados do Nordeste, faz do turismo a segunda fonte de renda mais significativa do estado.

Rio Grande do Norte

Natal

A bela costa da capital do estado e seus arredores, emoldurados por dunas, recifes, falésias e piscinas naturais, fez de Natal um dos destinos mais procurados do país. Mas não apenas a natureza deve constar no seu roteiro de viagem a Natal, que é também uma cidade histórica com importantes monumentos, parques, museus e outros pontos turísticos de interesse histórico-cultural. Fundado pelos portugueses no século XVI, o Centro Histórico tem ruas estreitas, típicas do traçado urbano irregular das antigas colônias portuguesas, com os prédios históricos em arquitetura colonial, neoclássica, artdéco e modernista. No centro estão também alguns dos principais museus da cidade. A noite é agitada, com forrós e bairros como o Alto da Ponta Negra, movimentado por bares e restaurantes descontraídos e sofisticados, muitos com música ao vivo.

Arena das Dunas

O Estádio João Cláudio de Vasconcelos Machado, o Machadão, abrigou os principais jogos de futebol da capital do estado do Rio Grande do Norte. Para receber os jogos da copa, foi necessário demoli-lo completamente. O resultado é a moderna Arena das Dunas, referência ao principal atrativo natural da cidade; aliás, a sua construção ondulada remete às dunas de areia. Durante a Copa do Mundo de 2014, Natal receberá quatro jogos, todos da primeira fase.
Avenida Prudente de Morais, 744
www.arenadunas.com.br

City tour

Nada melhor para conhecer uma cidade turística do que contratar um city tour. Em Natal o passeio começa pela imponente Fortaleza (ou Forte) dos Reis Magos. A construção militar em forma de estrela é o marco da fundação da cidade no século XVI. O passeio guiado pelo interior do forte é bem interessante e conta a história da fortaleza e dos heróis e prisioneiros que passaram por ali. Nele se encontra o Marco de Touros, de 1501, considerado o primeiro marco de posse da coroa portuguesa no Brasil; já na parte superior, não perca a bela vista das praias urbanas da capital potiguar.

Fortaleza dos Reis Magos
Fortaleza dos Reis Magos
Marco de Touros

O passeio segue para o Centro Histórico, com parada para compras no Centro de Turismo de Natal, um grande prédio datado do século XIX que originalmente era um abrigo para mendigos e orfanato, transformado depois em prisão pública (nas noites de quintas-feiras, acontece nesse prédio o Forró com Turista). A próxima parada se dá na Barreira do Inferno, o primeiro centro de lançamento de foguetes espaciais da América do Sul. Inaugurado em 1965 e controlado pela Força Aérea Brasileira, hoje não há mais lançamentos de foguetes, e o centro é usado para pesquisas e turismo. Num espaço aberto estão mísseis e foguetes antigos; há também um museu que conta a história do centro do lançamento e curiosidades espaciais. A faixa de praia da base é proibida ao acesso público e tornou-se uma área de reprodução de tartarugas marinhas, sob a supervisão do Projeto Tamar.

Barreira do Inferno

O tour continua para Pirangi do Norte, onde está o Maior Cajueiro do Mundo (http://omaiorcajueirodomundo.com). Registrado no Guinness Book em 1999 como o maior do mundo, possui 8.500 m2 (o que corresponde a 70 cajueiros de porte normal) e chega a produzir 80 mil cajus (ou 2,5 toneladas) na época da safra. É um excelente lugar para comprar os produtos feitos da fruta e a variedade das castanhas. O cajueiro sofre de uma anomalia que faz com que seus galhos, quando se encostam no solo, criem raízes secundárias que ajudam na alimentação da árvore. O Cajueiro é preservado e administrada pela comunidade, que trabalha sem fins lucrativos.

Maior Cajueiro do Mundo
Maior Cajueiro do Mundo

Chega a vez de curtir a praia na piscina natural da bela e tranquila Camurupim (a 30 km de Natal). Aqui se dá também a parada para o almoço, no Alapaki Praia Bar. Além de degustar petiscos, caipirinhas, uma boa e gelada água de coco e os fartos pratos de peixes frescos, enquanto espera o seu pedido você pode se esticar nas espreguiçadeiras debaixo do guarda sol, de frente para o mar.

Camurupim

Museus

Memorial Câmara Cascudo
De relevante importância, o memorial expõe, na casa onde Câmara Cascudo e sua esposa passaram a maior parte de suas vidas, os objetos pessoais e as várias homenagens a esse sociólogo que dedicou a vida estudando a cultura de Natal e do Rio Grande do Norte.
Praça André de Albuquerque, 30 – Cidade Alta
http://cascudo.org.br

Museu Câmara Cascudo
Av. Hermes da Fonseca, 1398 – Tirol
www.mcc.ufrn.br/wordpress

Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão
Praça Augusto Severo, s/n (antiga rodoviária de Natal) – Ribeira

Palácio Potengi (Pinacoteca Potiguar)
Praça 7 de setembro, s/n, Cidade Alta (ao lado da Assembleia Legislativa)

Museu Café Filho
Rua da Conceição, 601, Cidade Alta

Museu de Arte Sacra
Rua Santo Antônio, 698, Cidade Alta

Museu da Cultura Popular
Rua Chile, 106, Ribeira

Praias

A praia de Ponta Negra abriga o “Morro do Careca”, a duna mais fotografada e principal cartão-postal de Natal, e é a mais apreciada pelos turistas que vêm atrás da badalação nos quiosques, bares e restaurantes instalados em sua orla. Banhistas, surfistas e adeptos do windsurf, do kitesurf e do stand-up paddle dividem o mar numa composição harmônica e colorida. Em Ponta Negra estão também muitos hotéis e uma espécie de “shopping center” com estandes de artesanato, muito comum em alguns pontos da cidade. A praia dos Artistas, que há alguns anos ocupava o lugar de destaque entre as praias urbanas, especialmente pelas suas piscinas naturais, hoje é mais frequentada por moradores do entorno e não é mais atrativa para o turista. As praias do Meio e Areia Preta, não são indicadas para banhos devido à grande quantidade de recifes e pedras e são frequentadas por surfistas. Nos arredores, seguindo para o norte (depois da ponte, 2 km), a praia da Redinha forma no encontro do mar com o rio Potengi, um belo visual. A frequência é mais popular, principalmente aos domingos, quando músicas populares são tocadas em alto volume nos bares da praia. No lado sul, a praia do Cotovelo (15 km) é uma boa opção para quem quer fugir do agito. Falésias, dunas e coqueirais emolduram o mar calmo de cor esverdeada. Uma ótima opção para famílias com crianças. A infraestrutura é boa e conta com quiosques bares, restaurantes e hotéis.

Ponta Negra
Ponta Negra
Morro do Careca

Passeio de buggy

O passeio de bugre (como denominam os próprios bugueiros) já é um clichê em Natal. Nenhum turista sai da cidade sem sentir as “emoções” de andar de buggy sobre as enormes dunas. Hoje, o passeio dito “com emoção” já é bem mais light do que há alguns anos, o que demonstra responsabilidade dos bugueiros cadastrados que operam os passeios. Isso não quer dizer que não haja emoção e adrenalina nos passeios atuais. O roteiro completo sai do seu hotel, fazendo a primeira parada no Aquário de Natal; segue então para as subidas e descidas nas famosas dunas de Genipabu, com parada onde ficam os dromedários e jegues que levam os turistas no lombo para um rápido passeio no alto da duna, atravessando a balsa (uma atração à parte).

Dunas de Genipabu
Dunas de Genipabu
Dunas de Genipabu
Dromedários em Genipabu

Em Barra do Rio o passeio segue para as Dunas Douradas e para a lagoa de Pitangui, mas, para refrescar o calor e tirar a areia do corpo, a parada na lagoa de Jacumã é a melhor opção. Aqui você pode escolher a maneira pela qual prefere descer a duna e cair na água da lagoa: num esquibunda com uma prancha de madeira, voando no aerobunda, uma tirolesa, ou escorregando pelo kamikase, um tobogã de lona que em poucos segundos lança o turista na água. Há uma parada para o almoço e praia, que encerram o dia a bordo do buggy.

Esquibunda
Kamikase
Aerobunda

Parque das Dunas

O parque, que ocupa uma área de 1.172 hectares, está localizado na área urbana de Natal, e a porta de entrada para o público é o Bosque dos Namorados. Nessa área caprichosamente bem cuidada, há espaços para caminhadas, playground e piqueniques, além do lago artificial que completa o cenário natural. O Centro de Visitantes, o Centro de Pesquisa e a Unidade da Mostra de Vegetação Nativa das Dunas oferecem informações e infraestrutura de apoio. Para percorrer uma das trilhas guiadas que adentram a área preservada do parque (são três: Ubaia Doce, com 4,4 km até um mirante; Peroba, 2,2 km, com vista para o Morro do Careca; e Perobinha, 800 metros, que proporciona um passeio mais tranquilo e um aprendizado sobre a formação geológica das dunas). É necessário agendamento prévio no Centro de Visitantes.
Avenida Alexandrino de Alencar, s/n, Tirol
www.parquedasdunas.rn.gov.br

Centro de Visitantes
Trilha do parque

Compras

Espalhadas pelos pontos turísticos da cidade, há uma espécie de galerias com variados estandes que comercializam, além do artesanato regional, representados em bijuterias, bonecas de barro, jarros decorativos, rendas e confecções, produtos como a castanha-de-caju, entre outras especiarias. A Casa de Incentivo ao Artesão (avenida Praia da Ponta Negra, 8904) reúne de tudo um pouco de forma organizada. Os atendentes vestidos a caráter, no decorrer do dia, fazem uma apresentação para os turistas. Outras opções de compras: Midway Mall (avenida Bernardo Vieira, 3775), Natal Shopping (avenida Senador Salgado Filho, 2234), Praia Shopping (avenida Engenheiro Roberto Freire, 8790 – Ponta Negra).

Gastronomia

A influência herdada das culturas portuguesa e indígena é bem marcada na culinária potiguar. O estado é o maior produtor de camarão do país, e o destaque da gastronomia está nos pratos elaborados com frutos do mar incrementados com frutas, raízes e temperos regionais. A culinária típica nordestina, como a carne de sol, a tapioca, o queijo coalho, os doces e as frutas tropicais, também é servida nos melhores restaurantes.

Restaurante Camarões
O mais famoso restaurante de Natal está sempre lotado com filas de espera. O ideal é chegar cedo para apreciar com calma os pratos especiais feitos com o crustáceo.
São dois endereços:
Rua Pedro Fonseca Filho, 8887 – Ponta Negra
Avenida Engenheiro Roberto Freire, 2610 – Ponta Negra
www.camaroes.com.br

Restaurante Tábua de Carne
Com vista para o mar, a especialidade são os pratos de carne de sol.
Avenida Engenheiro Roberto Freire, 3241 - Ponta Negra
www.tabuadecarne.com.br

Restaurante Galo do Alto
Pratos com frutos do mar e receitas regionais especialmente.
Rua Dr. Manuel Augusto Bezerra de Araújo, 142 – Alto da Ponta Negra
www.galodoalto.com.br

Temaki Lounge
Inspirado na cozinha oriental, é para quem gosta de experimentar algo diferente.
Avenida Afonso Pena, 625
www.temakilounge.com

Hospedagem

Best Western Premier Majestic
Avenida Engenheiro Roberto Freire, 8860 – Ponta Negra
www.majesticnatal.com.br

Hotel Porto do Mar
Avenida Senador Dinarte Medeiros Mariz, 455 – Via Costeira
www.portodomar.com.br

Agência receptiva

Anauê Receptivo Natal
Rua Manoel Messias Soares, 15 – Centro
www.anauereceptivo.com.br

Luck Receptivo Natal
Avenida Praia de Ponta Negra, 8884
www.luckreceptivo.com.br

Para outras informações sobre hospedagem, agências e passeios em Natal, acesse os sites: http://turismo.natal.rn.gov.br e www.portalnatal.com.

Tibau do Sul – Praia de Pipa

O litoral sul do estado é repleto de paisagens paradisíacas que incluem o mar azul-esverdeado que contrasta com areias brancas, falésias e coqueirais. O município começa ao norte, na lagoa de Guaraíras, onde são oferecidos passeios de barco, stand up padlle, caiaque, entre outros, além de ser um dos melhores pontos para assistir ao pôr do sol. A praia de Tibau do Sul é abrigada sob falésias altas, com mar calmo e bastante sossegada; ao lado, a praia do Giz é tranquila e tem longa faixa de areia, que ampara o início das suas falésias coloridas (cor de giz). Ao sul, a praia de Cacimbinhas faz divisa com o distrito de Pipa, que faz parte do município. Entre a praia de Cacimbinhas e a praia do Giz, está a Ponta do Pirambu. O luxuoso empreendimento de lazer conquista os visitantes logo na entrada, quando a descida (escada ou elevador) para a área de lazer descortina a vista da construção em meio à mata nativa. A piscina, com borda infinita e vista para o mar, o deque suspenso em palafitas, com mesas e espreguiçadeiras, a hidromassagem e a alta gastronomia que oferece um recheado cardápio à la carte fazem do day use uma excelente opção para quem está em Timbau ou Pipa. Antes de acabar o seu dia nesse paraíso, a boa pedida é contratar um dos diversos tipos de massagens e terapias alternativas como reiki, shiatsu e outros tratamentos que trazem saúde e equilíbrio. Com certeza você vai sair de lá satisfeitíssimo com o programa! O acesso ao Ponta do Pirambu pode ser feito pela praia ou pela estrada principal. Dispõe de estacionamento próprio e transfers a partir de algumas das pousadas e hotéis em Pipa.
Rua Sem Pescoço, 250
www.pontadopirambu.com.br

Praia do Giz
Ponta do Pirambú

A praia mais famosa no estado e considerada entre as mais bonitas do Brasil acabou sendo conhecida por Pipa, pois os portugueses, quando chegavam perto do continente, avistavam a Pedra do Moleque (situada no ponto mais extremo da praia dos Afogados), que de longe lembra um barril (pipa) de vinho ou cachaça.

Pedra da

Moradia de golfinhos e tartarugas marinhas, Pipa não decepciona o turista que vem atrás de aproveitar dias intensos na praia e na natureza ao seu redor. A praia do Centro está sempre cheia, um dos pontos principais ocupados por turistas que vêm passar o dia em Pipa. Há uma boa estrutura de quiosques e restaurantes. Para quem quer fugir do agito, a opção é caminhar até as praias adjacentes, para o norte ou para o sul. A dica aqui é ficar esperto com o horário da maré, pois com a maré cheia não é aconselhável voltar (ou ir) pela praia. De um lado está a praia do Amor (ou Afogados); vista do alto, o desenho das pedras das piscinas naturais lembra o formato de um coração. É calma e apropriada para famílias. Amor e Afogados se confundem, são contínuas. Na área da praia dos Afogados, as ondas são mais fortes, com surfistas e body-boarders para todo lado. Do outro lado da praia do Centro está a praia do Curral, à qual só se chega pela praia na maré baixa, não há alternativa. Com pouca mas competente infraestrutura que conta com aluguel de espreguiçadeiras e guarda-sol, bebidas e petiscos, a praia é sossegada. Com poucos banhistas, golfinhos e seus filhotes costumam nadar bem próximo à costa. Em nenhum outro lugar que conhecemos, esses animais nadam tão perto das pessoas como nessa praia. É um show à parte! Mais à frente, a praia do Madeiro já é bem mais movimentada; os turistas normalmente chegam a ela descendo a longa escadaria a partir do alto da falésia. Barracas se estendem pela areia e há muita gente na água. Os golfinhos também aparecem nessa praia, no entanto, mais distantes da costa e normalmente pela manhã bem cedo, quando ainda não há muita gente.

Praia do Centro e do Curral
Praia dos Amores
Golfinho na Praia do Curral
Praia do Curral

Para conhecer as praias da região, a Agência Pipa Aventura organiza passeios a bordo de quadriciclo, que são bem populares. São vários roteiros, mas, se você tem disposição, o melhor mesmo é juntar todos eles num só, percorrendo uma média de 120 km (ida e volta). Saindo pela manhã, a primeira parada é no mirante do Chapadão (parte alta das falésias), segue para as praias das Minas e de Sibaúma, com um visual deslumbrante e único de cima das falésias; atravessando a balsa, na outra margem está Baía Formosa, uma vila localizada no alto de uma falésia. Do mirante da baía, se avista o mar colorido pelos pequenos barcos de pesca.

Mirante do Chapadão
Mirante do Chapadão
Baía Formosa

O off-road continua por praias desertas até a praia do Sagi, onde se faz a esperada parada, no Bar do Toreba, para petiscar um bom caranguejo ou um peixe fresco. É só um à parte que completa o passeio de canoa pelo manguezal com direito a um banho de rio e de argila em companhia do próprio Toreba, “o homem sorriso”. Na volta, a trilha sai da praia e entra na mata em direção à Fazenda de Camarão (www.camaraonafazenda.com.br), onde o rio Cunhaú encontra o mar, um lugar para relaxar e se deliciar com um dos pratos de camarão gigante (criado na fazenda).

Quadriciclo
Passeio pelo mangue com o Toreba

A volta à Pipa se dá ao pôr do sol, por trilhas traçadas em meio à Mata Atlântica.Esse passeio, com algumas alterações de roteiro e paradas (como na lagoa da Coca Cola), pode ser feito também de buggy, mas com certeza o quadriciclo é uma experiência mais intensa e gratificante.

A vila cresceu em torno do turismo e atraiu muitos migrantes nacionais e imigrantes estrangeiros que fixaram morada no município fundando pousadas, restaurantes, agências e lojas. As ruas do centro estão sempre movimentadas ao fim da tarde e à noite, quando quem se aventurou pelas redondezas e pelas praias chega para petiscar, tomar um café, caminhar entre as lojas e jantar.

Vila

Gastronomia

Tapas Restaurante
O restaurante oferece uma viagem gastronômica, já que mistura ingredientes e temperos da culinária espanhola, oriental, regional... As receitas mais pedidas levam o atum como base; o ceviche e o atum com crosta de gergelim são carros-chefe. Há sempre fila na porta, mas vale a pena esperar, pois a comida é divina!
Rua dos Bem-te-vis, 8
www.pipa.com.br/tapas

Restaurante Comecomamão
Localizado dentro da pousada Ecovilla Spa da Alma, à beira da piscina, com vista para o mar. O cardápio, elaborado com base nos frutos do mar, tem destaque para o prato de camarão homônimo do restaurante. Seu paladar agradece!
Rua do Spa – Praia das Minas
www.spadaalma.tur.br/restaurante

Hospedagem

Ecovilla Spa da Alma
A pousada é ambientada em meio a uma exuberante área natural cuidadosamente preservada. Os espaçosos chalés são integrados à mata e oferecem vistas panorâmicas. A praia das Minas, a apenas 200 metros, é semideserta e na maré baixa forma piscinas naturais para banhos relaxantes. O Spa da Alma, com tratamentos baseados na Metodologia Quádrupla e na medicina vibracional, promove experiências diferentes e enriquecedoras.
Rua do Spa – Praia das Minas
www.spadaalma.tur.br

Agência Receptiva

Pipa Aventura
Além do quadriciclo, oferece outros passeios e atividades como arvorismo e tirolesa, passeios em Land Rover 4X4, transfer (a partir e para) o aeroporto/Natal, locação de veículo.
Avenida Bahia dos Golfinhos, 654
www.pipaaventura.com.br

Para outras informações sobre hospedagem, agências e passeios acesse os sites: www.tibaudosul.com.br / www.portaldepipa.com.

Maracajaú

Distrito do município de Maxaranguape, Maracajaú começou a figurar no cenário turístico pelo mergulho em seus parrachos, nome dado à barreira de coral situada a 7 km da praia de Maracajaú. O mar de águas mornas e cristalinas já foi até comparado ao Caribe. A área de preservação ocupa 13 km, mas tem local limitado para exploração turística. A maré baixa é melhor para o mergulho de snorkel, quando a vida nos corais submersos aflora à superfície. Bastante preservadas, as formações abrigam uma rica fauna marinha em que se podem avistar budiões, linguados, baiacus, robalos, polvos e moreias, entre outros habitantes dos corais. A travessia é feita em embarcações da agência até um flutuante onde os turistas recebem as instruções e os equipamentos para o mergulho. Quem desejar pode ainda fazer um mergulho autônomo (com cilindro). Não é preciso ser credenciado, e guias competentes e bem treinados acompanham o mergulhador por um percurso entre os corais, numa profundidade que vai de 4 a 5 metros. Esse mergulho é uma excelente oportunidade para quem nunca mergulhou com cilindro, perfeito para iniciantes e crianças.
Maracajaú Diver
A base da agência em terra conta com sanitários, loja e restaurante.
Rua Senador Dinarte Mariz, s/n
www.maracajaudiver.com.br

Snorkel nos Parrachos
Mergulho autônomo nos Parrachos
Linguado avistado no mergulho autônomo

Ma-Noa Park

O parque aquático pé na areia está localizado a 4 km do centro de Maracajaú. A infraestrutura é muito boa, e o visitante pode desfrutar do restaurante, lojas de artesanato e programação de lazer na alta temporada e nos domingos. As piscinas e toboáguas agradam a crianças e adultos; e; depois de tanto escorregar, o passeio de boia pelo rio, passando por cascatas artificiais, é relaxante.
Rua Ponta dos Anéis, s/n
http://manoapark.com.br

Ma-Noa Park

Gastronomia

Na vila não há muitos restaurantes. O Maracajaú Bistrô, que funciona nas dependências do Hotel Enseada Maracajaú, é aberto ao público. O destaque vai para o carpaccio de carne de sol, inesperadamente delicioso!
Rua Francisco de Assis Varela Cavalcante, 44

Hospedagem

Hotel Enseada Maracajaú
Administrado por um casal, o hotel que recebe os turistas com muita simpatia é uma ótima opção de hospedagem na cidade. Os chalés, para casais ou famílias (conjugados), são confortáveis e espaçosos, com uma decoração rústica e aconchegante, todos com rede na varanda.
Rua Francisco de Assis Varela Cavalcante, 44
www.enseadamaracajau.com.br

Touros

A história de Touros está intimamente ligada ao descobrimento do Brasil. Em Touros estava, até pouco tempo atrás, o marco de mármore com o desenho da Cruz da Ordem dos Cavaleiros de Cristo (atualmente se encontra no Forte dos Reis Magos, em Natal) fixado pelos primeiros portugueses que chegaram ao Brasil em 1501. No Centro de Turismo, um pequeno museu exibe uma réplica do marco. A praça central abriga dois canhões datados de 1640; de frente está a Igreja de Bom Jesus dos Navegantes, que conserva traços da arquitetura colonial portuguesa, datada de 1880.

Praça Central

Mais distante, o farol do Calcanhar, um dos mais altos da América Latina, está situado bem onde “o Brasil faz a curva”.

Farol do Calcanhar

Próximo ao farol fica o marco “0” da BR-101, que segue por 4542 km até o Rio Grande do Sul; no local há um monumento desenhado por Oscar Niemeyer.

Marco

Touros conta com praias longas e, em muitos lugares, desertas como a praia da Perobas, uma vila de pescadores que oferece sossego e tranquilidade, e as praias de Carnaubinha, e das Garças também pequenas vilas de pescadores com as mesmas características da praia de Perobas. Quem caminha logo cedo ou ao fim da tarde pela praia tem o privilégio de acompanhar o arrasto dos pescadores.

Praia das Graças
Arrasto

Aqui também se faz snorkel nos parrachos de Perobas. As piscinas naturais ficam mar adentro, próximas a um farol (no meio do mar) que confere um visual incrivelmente belo para quem mergulha. Na maré baixa, a profundidade das piscinas pode chegar a 30 cm, e a transparência da água e a temperatura morna são perfeitas para a atividade. A prática de mergulho é feita pela agência Perobas Aquática (informações na Barraca do Pãozinho, na praia de Perobas).

O imperdível mergulho livre nos parrachos de Perobas

Gastronomia

As barracas de praia são opções muito interessantes para experimentar a culinária local. Os peixes fresquíssimos e as maneiras especiais da preparação dos pratos (normalmente pelas esposas de pescadores) encantam o paladar.

Barraca do Pãozinho
Destaque para o pastel de camarão e de lagosta e para o pirão de camarão.
Praia de Perobas

Barraca do Marquinhos
O peixe frito com macaxeira e as tapiocas são as especialidades da barraca.
Praia de Carnaubinha

Hospedagem

Siri Resort
Com localização privilegiada à beira-mar, na praia das Garças, em meio a um coqueiral, o resort oferece acomodações em chalés amplos e bem decorados, com dois quartos, banheiros, cozinha, sala e varanda planejados para que você se sinta em casa. O restaurante serve pratos de frutos do mar, com destaque para os pescados, e os atendentes são extremamente atenciosos.
Estrada de Carnaubinha, s/n – Praia das Graças
www.siriresort.com.br

Para mais informações sobre hospedagem, agências e a cidade, consulte o site:
www.touros.rn.gov.br.

São Miguel do Gostoso

“Gostoso” bastaria para definir em uma só palavra São Miguel. Com 20 km de litoral paradisíaco, um povo acolhedor e com o crescimento do turismo, o lema para atrair o visitante é: “Aqui se faz gostoso!”. Quem chega logo percebe que o lema não fica só na teoria. As praias limpas, tranquilas e seguras, banhadas por um mar esverdeado com temperatura média de 26 graus, a vila que oferece uma boa infraestrutura, ótimas pousadas e restaurantes e um atendimento caloroso fazem da cidade um excelente destino para descansar e curtir a vida.

São Miguel do Gostoso

Por outro lado, o vento que sopra forte fez de São Miguel do Gostoso um excelente destino para a prática de esportes a vela, com destaque para o windsurf e kitesurf. Entre novembro e fevereiro especialmente, a Ponta de Santo Cristo, praia com os melhores ventos para esses esportes, fica colorida com as velas e movimentada com praticantes de todo o mundo, que chegam para aproveitar a temporada. Ali está também a base da Escola Gostoso (www.escolagostoso.com), que oferece cursos para iniciantes - que desenvolvem os conceitos básicos – e para os mais experientes, caso desejem aperfeiçoar uma técnica específica. Aluga e guarda equipamentos de kite e windsurf .

Ponta de Santo Cristo

Para começar a visita em Gostoso, o melhor é contratar um city tour. O roteiro começa pela vila, e o bugueiro vai contando a história da cidade em cada parada, como a praça dos Anjos e a igreja, depois segue pelas praias urbanas do Maceió, Xepa, Cardeiro e Ponta do Santo Cristo. Ao sentir o vento no seu rosto, você vai perceber que o buggy é a melhor opção.

Igreja
Praia de Maceió

O passeio termina no Museu Casa de Taipa, montada em tamanho original. No interior, o acervo é composto de objetos de uso cotidiano da vida caiçara, e um guia acompanha a visita contando um pouco sobre o estilo de vida na época em que este tipo de construção era a principal moradia de pescadores.

Museu Casa de Taipa
Museu Casa de Taipa

Mais distante, a praia de Tourinhos é considerada por muitos a mais bela de Gostoso, enseada de águas calmas, areia branca e praticamente deserta. À sua direita está uma duna petrificada de 8 metros de altura, que confere ainda mais beleza ao cenário. É um lugar para passar o dia. Não há muita estrutura, mas diríamos que o restaurante A Tartaruga, único que oferece sombra, água fresca e uma gastronomia de primeira, dá conta do recado. Não deixe de provar pelo menos um dos deliciosos risotos (nós experimentamos o de coco) preparados com frutos e quitutes locais, acompanhado de um peixe fresco, pescado logo ali.

Praia de Tourinhos

No caminho da ida ou da volta, passe na comunidade do Reduto para conhecer o trabalho das labirinteiras, artesãs que bordam tecidos utilizando uma técnica transmitida de mãe para filha ao longo de gerações, denominada labirinto. Aproveite para comprar toalhas, guardanapos, panos de prato e jogos americanos embelezados pelo bordado, que se assemelha a uma renda finíssima.

Labirinteiras

A noite também tem programa em Gostoso. Bares e restaurantes oferecem boa culinária, petiscos e música ao vivo. Nossas sugestões:

Madame Chita
Caipirinha e crepes, num ambiente bem decorado, alegre e descontraído. Ótima opção na noite de Gostoso!
Avenida Enseada das Baleias, s/n – Praia do Maceió
www.praiadogostoso.com/madamechita

Madame Chita

Espaço Mix
Um lugar transado com música ao vivo, dividido em vários ambientes em estilo rústico-chique, que usa material de reciclagem na decoração.
Rua Cavalo Marinho, 40 – Centro
www.spacomix.com

Gastronomia

A “culinária gostosa” tem como base frutos do mar e pescados. O diferencial de cada restaurante está nas receitas elaboradas pelos chefs, que nada ficam a dever para nenhum restaurante renomado.

Restaurante Malagueta
Ambientado no espaço da Pousada Só Alegria.
Rua Cavalo Marinho, 52 – Centro

Restaurante Flor de Pitanga
Ambientado na Pousada Ponteiros.
Enseada das Baleias, 1000 – Praia do Maceió

Restaurante da Pousada Mar de Estrelas
Avenida dos Arrecifes, 1120 – Centro

Restaurante Hibiscus
Rua das Ostras, 289 – Centro

Hospedagem

Pousada Só Alegria
Unir Só Alegria a Gostoso foi a realização do sonho do casal de proprietários da pousada. Com esses atributos no nome, tem como não ser bom demais? A pousada de frente para a praia (basta atravessar um portão e ultrapassar uma duna), com ambiente bem decorado entre flores e jardins, tem apartamentos amplos e confortáveis para casais e famílias. Para quem quer se sentir em sua própria casa na praia, a melhor opção é hospedar-se nos flats, com dois quartos, sala, cozinha e lavanderia e dois banheiros. Todos os dias à tarde, um bolo delicioso, acompanhado de um bom café expresso, é cortesia da casa. O atendimento chega a ser perfeito! Os funcionários são muito simpáticos e atenciosos, além da alegria dos proprietários, que é contagiante!
Rua Cavalo Marinho, 52 – Centro
www.pousadasoalegria.com.br

Pousada dos Ponteiros
Situados de frente para a praia de Maceió, os chalés da pousada são divididos em três ambientes, o coqueiral, a praia e a da nova área reservada, inaugurada recentemente. Todos os chalés são decorados com muito bom gosto, os da nova ala são mais sofisticados, mas todos são espaçosos, com dois ambientes. O jardim com espreguiçadeiras chama para uma tarde à sombra dos coqueiros. O mirante é o lugar para curtir uma boa conversa ao pôr do sol. A pousada conta com spa que oferece tratamentos terapêuticos e relaxantes.
Enseada das Baleias, 1000 – Praia do Maceió
www.pousadadosponteiros.com.br

Agencia receptiva

Passeios em Gostoso
Além do city tour, oferece outros passeios.
Avenida dos Arrecifes, 1830
www.passeiosemgostoso.com.br

Dica de Viagem

Ao viajar pelo Rio Grande do Norte é aconselhável trazer com você dinheiro em espécie, pois não há caixas eletrônicos, tampouco outros bancos, que não o Banco do Brasil, e muitos estabelecimentos não aceitam cartão de crédito.

Para mais informações sobre hospedagem, agências e a cidade, consulte os sites:
www.saomigueldogostosobrasil.com e www.oportalsaomigueldogostoso.com.br.


As reportagens da Família Müller te apoio da Curtlo. Visite o site e conheça toda a linha de produtos para desfrutar das atividades ao ar livre.

www.curtlo.com.br

  
  

Publicado por em