Jauru



O nome Jauru é referência ao Rio Jauru, que banha o território do município e deságua no Rio Paraguai. O Rio Jauru tem seu nome inscrito na história da América, registrando-se em seu leito a presença de expedições castelhanas, no século XVI que o denominavam de Jauru. Também serviu de limite entre os reinos de Portugal e Espanha, assim definido pelo Tratado de Madrid em 1750.
A colonização do território que abriga o município de Jauru começou nos primeiros anos da década de cinquenta. Neste período a Companhia de Terras Sul Brasil adquiriu área de 250 mil hectares, no município de Cáceres, entre os rios Guaporé e Jauru.

Em 1953, Francisco Ângelo Montalar e outros membros da família adquiriram terras e instalaram-se na região. Estas terras foram divididas e numerada em quatro glebas de 1 a 4. Uma das partes formou a área urbana de Jauru, que primeiro foi nomeada de Gleba Paulista, posteriormente alterada para Cidade de Deus. Por fim, lhe deram a denominação de Jauru.

Ajudaram a fazer a história do lugar as famílias de Avelino Garcia de Moura, João Garcia de Souza, João e Eurides Batista, José Mota, Romildo e Edson Pavini, João Evangelista Machado, Manoel de Souza Meira, Paulo Gonçalves de Campos, João Ribeiro da Costa, Sebastião Diogo, José Miguel, Guaracy Villas Boas, Edivarde Alves e tantas outras.

A igreja teve especial participação no desenvolvimento do município, através da atuação dos padres José Riva e Nazareno Lanciotte.

O município foi criado a 20 de setembro de 1979, pela Lei nº 4.164.

Localização

Jauru eestá localizada a 420km da capital do estado.







Hotéis e Pousadas em Jauru








Agências de viagens e turismo em Jauru