Senador Cortes



Tropeiros que transportavam café para Santo Antônio do Chiador, para embarcá-lo pela ferrovia até o Rio de Janeiro, passavam pelo território onde hoje está Senador Cortes. Nessas terras, eles pernoitavam antes de seguir viagem. O local foi batizado com o nome de Monte Verde. Com o tempo, um certo padre doou terras para a construção de uma capela consagrada a São Sebastião. Nos arredores do templo, várias famílias foram se instalando, e o povoado se desenvolvendo. Mantendo a denominação original, tornou-se distrito e, posteriormente, passou a se chamar Senador Cortes, em homenagem a um ilustre filho da terra - Senador Agustinho Pereira Cortes. A emancipação ocorreu em 1962, com o novo município desmembrando-se de Mar de Espanha. A cidade possui como atrativo a Fonte da água Mineral Sarandy, com um galpão para engarrafamento, jardins, canteiros, bosques, "playground", quiosque, churrasqueiras e um pomar.

Regiões Turísticas

Localização

Senador Cortes está localizada a 327km da capital do estado.

Acesso

Por terra: o acesso pode ser feito através das rodovias BR-040, BR-267, MG-126







Hotéis e Pousadas em Senador Cortes








Agências de viagens e turismo em Senador Cortes