Promissão



Originalmente, a região onde hoje se assenta Promissão, era habitada por silvícolas, do grupo dos Kaingangs.

O branco apenas transitava pela área, utilizando-se das vias fluviais: os rios Tietê, Feio e Dourado; mineiros em fuga na Revolução de 1.842, bugreiros em caça e escravos, posseiros que se firmavam, ora eram rechaçados pelos índios.

A 15 de novembro de 1.905, teve início a construção da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil, que inaugurou no dia 16 de fevereiro de 1.908 a Estação Hector Legrú, assentada na Fazenda dos Patos e homenageando o famoso banqueiro belga.

Então vieram as primeiras casas de madeira, as primeiras vendas e, consequentemente, as famílias.

Os índios, contudo, permaneciam agressivos atacando o acampamento e fazendo vítimas, como na investida de 11 de março de 1.910, que envolveu mais de cem guerreiros.

Mais tarde os silvícolas foram pacificados por Cândido Sobrinho, Horta Barbosa, José Cândido Teixeira e outros.

Começaram então a chegar os colonizadores japoneses, que desbravaram os bairros rurais. Em 1.919, quase a população indígena foi dizimada pela gripe espanhola, sendo os sobreviventes transferidos para a Reserva de Icatu.

Em 1.915 surgia a primeira olaria; em 1.916 a primeira casa de tecidos e picada para Avanhandava. Em 1.918 veio a primeira farmácia, a serraria, as máquinas de café e arroz e o dínamo elétrico. Surgiu também o primeiro loteamento e o progresso não mais parou.

Pela Lei 1.668, de 27 de novembro de 1.919, foi criado o Distrito Hector Legrú e em 30 de setembro de 1.921, pela Lei 1.787-A o nome de Hector Legrú foi substituído pelo nome de Promissão.

Pela Lei Estadual nº 1.934 de 29 de novembro de 1.923 era criado o Município de Promissão, condição que manteria até 30 de novembro de 1.944, quando chegaria à Câmara, recebendo seu Brasão de Armas em 1.959.

Sobre o nome da cidade, em 1.953, a Rádio Brasil lançou um concurso para a escolha de um “slogan”, ocasião em que o diretor Waldomiro Serrano Marzabal disse ao acaso: “Promissão, a Canaã do Noroeste”. Estava criada a antonomásia, que tão bem passaria a caracterizar a cidade e o município.

A Lei Estadual nº 1.934, de 29 de novembro de 1.923, criou o Município de Promissão, com território desmembrado do de Penápolis e elevou a sede municipal à categoria de cidade.

A 1º de maio de 1.924 as festas com a notícia da criação do Município se renovaram com a instalação do primeiro governo municipal promissense.

Localização

Promissão está localizada a 460km da capital do estado.

Hotéis e Pousadas em Promissão








Agências de viagens e turismo em Promissão

Rose Promoções Turísticas

Manoel Ribas
Nosso Teto - (14) 3541-4206

Rose Promoções Turísticas

Manoel Ribas
Nosso Teto - (14) 3541-4206