Vargem Grande Paulista



Lendas contam que D. Pedro I tinha o hábito de caçar nas matas do Ribeirão Vargem Grande, quando então descansava naquele antigo casarão de estilo colonial, que existia na Estrada da Lagoa.

O que se sabe de concreto, de acordo com registros históricos, é que as terras que hoje compreendem o centro de Vargem Grande Paulista, pertenciam ao Sr. Francisco Vieira; a sede da Associação Cultural e Esportiva de Vargem Grande, ocupa hoje terras que pertenceram, no passado, ao Sr. Joaquim Nunes dos Santos; o Cel. José Nunes dos Santos era proprietário das terras que hoje pertencem à família Rocha; Joaquim de Oliveira possuía as terras da Lagoa e vivia naquele casarão colonial, com senzala e escravos. No ano de 1914, com a desapropriação das terras do bairro da Graça, hoje Morro Grande – Cotia, para a construção de uma represa que abasteceria a Capital do Estado de São Paulo, o Sr. Mathias Maciel de Almeida comprou terras do Sr. Francisco Vieira e nelas se estabeleceu, com seu genro Valêncio Soares Rodrigues e outros, como Leonardo Soares Rodrigues (Nhô Nardo), José Manoel de Oliveira (Nhô Juca), André Vieira de Godoy e Joaquim Soares Rodrigues, alguns dos filhos ilustres do Município. Mathias Maciel de Almeida iniciou o movimento para a implantação de escola na região e o projeto foi levado adiante. As grandes várzeas ali existentes eram propícias ao cultivo de cereais e de hortaliças. Dessa forma, foram se desenvolvendo as atividades agrícolas e pecuárias, que deram sustentação ao progresso e fortalecimento do povoado.

Em 1963, Vargem Grande, então bairro de Cotia, eleva-se à categoria de Distrito, enquanto que a emancipação político administrativa de Vargem Grande Paulista data de 23 de dezembro de 1981, tendo sido seu território desmembrado de Cotia, após plebiscito popular que deu amplo apoio a essa iniciativa. O aniversário da Cidade é comemorado em 27 de novembro, dia de Nossa Senhora das Graças. O Município pertence à zona oeste da Grande São Paulo e dista 39 quilômetros em linha reta da Capital. Está subordinada à Comarca de Cotia, Regional de Osasco. Possui uma área total de 37 Km² e limita-se com as localidades de Cotia, Itapevi e São Roque. Localiza-se entre os quilômetros 39 e 45 da Rodovia Raposo Tavares (SP 270); situa-se a cerca de 930 metros de altitude, acima do nível do mar e sua população total, segundo o último Censo (2000), é de 32.683. O nome de nossa cidade expressa sua topografia: lugar plano ou planície extensa. A vegetação original da região é constituída de capoeiras e trechos de Mata Atlântica nas áreas de maiores altitudes.Em sua fauna destacam-se as presenças de garças e veados. Seu sub-solo apresenta-se rico em caolim.

Ressalta-se a presença no Município, desde 1929, da laboriosa colônia Japonesa que até o ano de 1994 reuniu-se em torno da Cooperativa Agrícola de Cotia hoje Coopervag – Cooperativa Agrícola de Vargem Grande Paulista, que hoje dedica-se ao comércio varejista, indústria e comércio de insumos agropecuários. Atualmente a ACEVG – Associação Cultural e Esportiva de Vargem Grande, incentiva a educação através da prática de esportes (atletismo, vôlei, tênis de mesa, beisebol, etc.), cultivando-se o amor pelo Brasil e pelo Japão, aproximando brasileiros e nikkeis, todos empenhados no bem estar geral, também através de atividades que expressam as tradições culturais.

Quando a questão é gastronomia esse lugar pode ser uma ótima parada, trata-se do Barsílikum, um restaurante durante o dia, com pratos maravilhosos à la carte. Durante a noite, principalmente aos finais de semana entra em ação um "super" boteco. Vale a pena conferir. Entre outros, o famoso e tradicional Varandinha comanda no quesito churrascaria, com deliciosas e suculentas carnes, além de acompanhamentos fantásticos.

Já há quem opte por algo mais popular, o Restaurante do Vagãozinho oferece uma ótima culinária por um preço "bacaninha". Na questão Fast-Food, encontra-se na região central o Lincoln-Esfihas e o Good Chicken-Frango Frito & Pizzas. Na relação de pizzarias podemos nos orgulhar também. Para quem prefere um ótimo ambiente, localizada no Jd. Floresta a Dom Fratello. Já o disk-pizza, além da Dom Fratello, a Romanate é excelente. A MN-Pizzaria é uma figura! Mais popular, mas não deixa a desejar.

O turismo na cidade não possui índices elevados, mas pontos turísticos isolados são comuns. Situa-se em Vargem Grande Paulista a Mariapólis Ginetta (Movimento dos Focolares).

Localizado no bairro do Tijuco Preto, o Pet Zoo é uma mini fazenda para crianças criada em 1995 com objetivo de colocar as crianças em contato com os animais. Em uma área de 15.000m2 de muito verde, animais domésticos e crianças convivem em perfeita harmonia. Monitores especialmente treinados garantem um passeio didático, divertido e seguro. No Pet Zoo as crianças podem ordenhar uma vaca, andar a cavalo, alimentar e acariciar os animais e muito mais!Durante a semana recebem escolas e fazem programações para todas as idades. Finais de semana e feriados são reservados para famílias que querem curtir o descanso semanal no meio de muita natureza. Nos meses de janeiro e julho a garotada se diverte nos cursos de férias que acontecem semanalmente.

Localização

Vargem Grande Paulista está localizada a 45km da capital do estado.

Acesso

Por terra: o acesso pode ser feito através da rodovia Raposo Tavares

Hotéis e Pousadas em Vargem Grande Paulista








Agências de viagens e turismo em Vargem Grande Paulista

Expand Viagens e Turismo Ltda

Rua Leonardo Soares Rodrigues 48 Conjunto 7E
Centro - (11) 3221-4265

Expansão Turismo

Rua Leonardo SRodrigues, 48
Centro - (11) 3887-0072

Hk

Rodovia Raposo Tavares Km 44 Sala 6
Centro - (11) 7960-5351

Mata Verde

Rua José Bigarelli 184
Centro - (11) 4158-1323

Veja todos as agências de turismo