Pirambu



O povoado se iniciou em 1911 com índios da região e depois por uma colônia de pescadores semi-nômades que firmaram no local.

Um ano depois foi construída uma igreja que ganhou a imagem de Nossa Senhora de Lourdes tornando-se padroeira do povoado.

Em 1950, iniciava a luta dos habitantes pela emancipação política que aconteceu em 1963.

Com o golpe militar de 1964, Pirambu perdeu sua emancipação por causa da cassação dos mandatos de Nivaldo Santos, responsável pelo projeto.

PIRAMBU - palavra de origem tupi-guarani, significa peixe grande, abundância, grandiosidade.

Lagoas, extensas praias, dunas, manguezais e coqueirais fazem parte do cenário de Pirambu, oferecendo lazer, atividades esportivas e muita ecologia aos visitantes.

Na desembocadura do rio Japaratuba tem um terminal pesqueiro que recebe mais de 40 barcos que fazem parte de um dos belos cenários da praia.

Município tradicional por suas festas e principalmente pelo seu Carnaval, que é o mais animado do estado de sergipe. Indo a Pirambu você não pode deixar de conhecer suas belas prais, o projeto Tamar, a lagoa redonda (16 km da zona urbana) e experimentar as delíciosas comídas regionais em um dos restaurantes da cidade, vale a pena destacar o Pirambeleza que fica na praia da avenida.

Regiões Turísticas

Localização

Pirambu está localizada a 30km da capital.

Acesso

Por terra: Para chegar a Pirambú é só atravessar o rio Sergipe na Ponte João Alves (Aracaju/Barra dos Coqueiros) e seguir pela SE-100, em um percurso de cerca de 25 quilômetros e aproveitas as paisagens lindas de dunas, praias e manguezais ou pela BR-101, no acesso a Japaratuba e roda 22 quilômetros e ainda por Carmópolis.







Hotéis e Pousadas em Pirambu








Agências de viagens e turismo em Pirambu