Curitiba-PR é premiada em Joanesburgo

A cidade de Curitiba será premiada na Cúpula Mundial sobre o Desenvolvimento Sustentável (Rio + 10), em Joanesburgo, hoje, dia 3 de setembro por sua contribuição no processo preparatório das autoridades locais que farão parte do encontro.

O convite para a premiação foi feito ao prefeito de Curitiba, Cassio Taniguchi, pelo diretor-executivo da UNITAR (United Nations Institute for Training and Research) e secretário-geral assistente das Nações Unidas (ONU), Marcel Boisard.

As quatro cidades que realizaram os fóruns preparatórios para o encontro mundial Rio + 10 serão premiadas no evento, sendo Curitiba a única representante das Américas.

Os eventos preparatórios foram realizados na seguinte ordem e nas seguintes cidades: Durban (África do Sul, em dezembro de 2001); Curitiba (pela América Latina e Caribe, em abril de 2002); Xangai (pela a Ásia e Pacífico, em maio de 2002) e Lyon (pela Europa, em julho de 2002).

Durante a Cúpula Mundial sobre o Desenvolvimento Sustentável, em Joanesburgo, será formalizado, pela Unitar a instalação em Curitiba de um Centro de Treinamento de Autoridades Locais para a Urbanização Sustentável, nas áreas de ação social, educação, gerenciamento do lixo, gerenciamento da água, saneamento, transporte público, geração de emprego e Agenda 21.

O centro integra o Programa de Treinamento do Centro CIFAL (Centro Internacional Para Treinamento de Atores Locais)/Unitar, estabelecido em 2000, em Divonne-les-Bains, França, e está vinculado à formação de uma rede de Programas Internacionais de Treinamento para o desenvolvimento sustentável em todo o mundo.

Curitiba foi apontada como destaque pela Unitar, por suas ações integradas de desenvolvimento social, pelo aperfeiçoamento dos equipamentos municipais e pela descentralização de programas e serviços de atendimento ao cidadão.

No encontro preparatório da Rio + 10 realizado em Lyon, o diretor-executivo da Unitar, Marcel Boisard, afirmou que "Curitiba é modelo social", em seu discurso de encerramento do evento europeu, que teve como destaque o fortalecimento das cidades para o desenvolvimento durável.

Boisard destacou ainda que Curitiba é exemplo de integração de ações citando o investimento na área ambiental estendido à saúde qualidade de vida dos cidadãos.

O prefeito de Curitiba, Cassio Taniguchi, considera que as cidades são os centros de soluções para a sustentabilidade.

"Temos que pensar globalmente e agir localmente. As soluções locais encontradas por muitas cidades, entre elas Curitiba, são a prova de que o desenvolvimento durável se constrói com respeito à realidade local e com incentivo à vocação da cidade e dos seus habitantes. Uma cidade durável se faz pela soma das boas práticas urbanas, sociais e ambientais".

Para o prefeito de Curitiba, a valorização das Nações Unidas às autoridades locais no evento de Joanesburgo, é o reconhecimento ao trabalho das cidades em favor de seus habitantes.

"A escolha de Curitiba e das demais cidades que prepararam o Fórum de Joanesburgo não se deu por acaso, mas sim pelos resultados práticos do planejamento sustentável, que faz com que uma cidade suporte o crescimento de forma ordenada". Diz Taniguchi.

Fonte: Ass.Imprensa Companhia de Notícias