Destinations - Uma nova iniciativa para o desenvolvimento do turismo e inclusão social

O QUE É O FÓRUM Cerimônia de abertura Destinatios 2004 Foto: Imprensa Destinations O Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável é um movimento contínuo e permanente, de âmbito mundial, desenvolvido no Brasil e lançado em novem

  
  

O QUE É O FÓRUM

Cerimônia de abertura Destinatios 2004

Cerimônia de abertura Destinatios 2004
Foto: Imprensa Destinations

O Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável é um movimento contínuo e permanente, de âmbito mundial, desenvolvido no Brasil e lançado em novembro de 2003. Sua missão é mudar os destinos de pessoas, comunidades, regiões e países por meio do turismo sustentável.

Ministro do Turismo do Brasil - Walfrido dos Mares Guia durante a abertura Destinations 2004

Ministro do Turismo do Brasil - Walfrido dos Mares Guia durante a abertura Destinations 2004
Foto: Imprensa Destinations

O Fórum envolve organizações e indivíduos de todo o mundo em torno de uma causa – contribuir para o desenvolvimento de conceitos e práticas do turismo que promovam:
· Crescimento econômico
· Desenvolvimento social
· Preservação ambiental
· Promoção da diversidade cultura
· Geração de condições para paz

Representantes de diversos países reunidos no Destinations 2004

Representantes de diversos países reunidos no Destinations 2004
Foto: Imprensa Destinations

Os Encontros Anuais que ocorrerão no Brasil até 2006, são ocasiões em que pessoas e entidades de todo o mundo se reúnem para compartilhar e avaliar as iniciativas desenvolvidas mundialmente no âmbito do movimento. Buscam atrair interessados nos segmentos de turismo, meio-ambiente, cultura e desenvolvimento sustentável do Brasil e de outras partes do mundo. São representantes de:
· Governos federais, estaduais e municipais;
· Organizações não-governamentais;
· Empresas de setor privado;
· Iniciativas de responsabilidade social corporativa;
· Instituições multilaterais;
· Agências internacionais de fomento;
· Organizações de gestão e marketing de destinos;
· Estudantes e educadores;
· Consultores, provedores de serviços e fornecedores de destinos e empresas turísticas.

Presidente da República - Luíz Inácio Lula da Silva durante a abertura Destinations 2004

Presidente da República - Luíz Inácio Lula da Silva durante a abertura Destinations 2004
Foto: Imprensa Destinations

Através do turismo, o Fórum pretende estimular a geração de novas oportunidades de trabalho e renda -particularmente em países em desenvolvimento - contribuindo para as metas de inclusão social e de diminuição da pobreza estabelecidas pela ONU.

Show da causa - Destinations 2004 - Daniela Mercury

Show da causa - Destinations 2004 - Daniela Mercury
Foto: Imprensa Destinations

DESTINATIONS 2004

O Destinations2004 representou uma das três vertentes do Fórum Mundial de Turismo, identificado pela marca Destinations. As outras duas são uma `Rede de Redes`, que a partir de 2005 englobará cinco redes temáticas sediadas em diferentes continentes, e `Projetos Demonstrativos`, como o Movimento Brasil de Turismo e Cultura, que colocam em prática os conceitos e ideais do Fórum, e podem ser realizados em qualquer parte do mundo.

Representantes de 62 países participaram do primeiro Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo, que movimentou a cidade de Salvador, de 1 a 6 de dezembro,
reunindo mais de 3.200 mil pessoas na capital baiana. Mais de 40 casos concretos de várias regiões brasileiras e de outros 24 países mostraram iniciativas que levam ao
turismo sustentável, gerando condições para paz, desenvolvimento econômico e social, preservando a biodiversidade e promovendo a diversidade cultural.

Foram seis dias de apresentações de casos, debates, eventos culturais, workshops, exposições, shows e muita interação entre pessoas de todo o Brasil e do mundo.
Entre delegações oficiais, palestrantes, debatedores e participantes em geral, estavam 29 ministros do turismo que integram o Conselho Executivo da OMT - a
Organização Mundial do Turismo, órgão máximo do turismo no mundo e coorganizadora do Fórum Mundial de Turismo. Os ministros participaram da 74ª reunião do Conselho, que aconteceu em Salvador paralelamente ao Fórum. No total, mais de 2.500 pessoas acompanharam as sessões da Agenda Técnica do Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo e do Movimento Brasil de Turismo e Cultura, projeto demonstrativo em âmbito nacional, que tem por missão a promoção do desenvolvimento, valorizando os elementos culturais através da imersão do visitante no espírito do destino visitado.

Os seminários e debates foram realizados no Trapiche Eventos, na orla de Salvador, próximo a dois dos principais cartões postais da cidade: o Elevador Lacerda e o Mercado Modelo. Outras 600 pessoas se credenciaram para o Seminário Turismo Sustentável e Infância, realizado no auditório da Escola de Medicina da Universidade Federal da Bahia - a primeira faculdade de medicina do Brasil, no Centro Histórico da cidade.

Mais de 200 jornalistas credenciados levaram as informações sobre o encontro à maioria dos estados brasileiros e a vários países do mundo. A cerimônia de abertura com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o show de abertura comandado por Daniela Mercury, e os `Tambores Jovens Abraçam a Paz` - evento que reuniu mais de 300 percussionistas pela paz, foram transmitidos ao vivo para a cidade pela TV Salvador, e via internet pelo Portal Terra. As principais palestras e debates também foram transmitidas ao vivo pelo Terra.

Paralelo às agendas técnicas dos encontros e reuniões, os participantes do evento tiveram à sua disposição uma programação cultural repleta de manifestações
populares. Exposições artísticas, espetáculos de música e dança e oficinas temáticas fizeram do Centro Histórico de Salvador uma expressão da hospitalidade e diversidade cultural da Bahia. A vivência de Santa Bárbara, tradicional procissão do calendário afro-baiano, foi um dos momentos mais marcantes, coroada por um
caruru ofertado a cerca de 1.500 participantes do Encontro Anual.

Para o presidente da Fundação Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável, Sergio Foguel, o primeiro Encontro Anual do Fórum deixa absolutamente claro que existe hoje no mundo uma forte demanda ligada à causa do Fórum, às cinco vertentes que o movimento deseja estimular. “Mais do que isso, o número de casos de qualidade, e a vontade demonstrada por pessoas e instituições de todo o mundo de vir até aqui expor o que estão fazendo, mostra também que existem ações concretas em andamento, com resultados impressionantes”, frisou.

Esse quadro, segundo Foguel, faz do Fórum Mundial de Turismo o veículo prioritário para a captação de idéias e iniciativas positivas em todo o mundo, e a disseminação daquelas que tem potencial para implantação em outros lugares. Ele completou: “isso mostra também que o fator sustentabilidade já é muito mais do que mera tendência. Ele se legitima como condição para que o turismo possa assumir seu papel como um dos principais fatores de crescimento de economias, e definição de destinos de pessoas e nações.”

Entre os principais recados: a necessidade de democratização do turismo, para que as classes menos favorecidas também tenham acesso às opções oferecidas, e a importância do envolvimento das comunidades locais nas discussões e atividades do setor. Várias frases de efeito selecionadas pelos jovens foram projetadas em dois telões durante as apresentações. Uma das que mais mexeu com a platéia: “Nós também queremos ser turistas.”

NÚMEROS DESTINATIONS 2004
http://www.desti-nations.net/newsroom/releases/release.2005-02-24.1799054892

DESTINATIONS 2005

O Destinations2005, o segundo Encontro Anual do Fórum Mundial de Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável, acontece de 24 a 26 de outubro de 2005 no Forte de Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro.
Cada encontro conta com uma agenda técnica, com palestras, conferências, painéis de debates, workshops e seminários. O conteúdo vem de instituições gestoras de projetos demonstrativos, especialistas, acadêmicos, pesquisadores, e representantes de comunidades, governos, empresas, e do Terceiro Setor.

O Fórum é uma iniciativa conjunta de três órgãos da ONU: a OMT - Organização Mundial do Turismo, da Unesco - Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura, e do PNUD - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Também são co-organizadores o Governo do Brasil, representado pelo Ministério do Turismo, e a Fundação Turismo para Paz e Desenvolvimento Sustentável, uma entidade sem fins lucrativos criada para coordenar o movimento. O parceiro executivo é o Instituto de Hospitalidade, entidade com sede em Salvador que atua desde 1997 nas áreas de educação, trabalho, cultura, meio ambiente, com foco no turismo sustentável.

MAIORES INFORMAÇÕES:

PROGRAMAÇÃO 2005

A programação oficial do Destinations2005 está disponível no site do Fórum Mundial de Turismo (www.desti-nations.net), na área “Encontros Anuais”. Basta clicar em “Destinations2005” e selecionar, no menu, “O Evento”, e depois, “Programação”.Consulte regularmente a página da programação - ela é atualizada com freqüência, na medida em que novos eventos ou aspectos são confirmados.

INSCRIÇÕES 2005

As inscrições para o Destinations2005 são feitas por meio do site do Fórum Mundial de Turismo (www.desti-nations.net). É só preencher o formulário (link para formulário) na página de inscrições que contém todos os detalhes e orientações. Os valores são de R$ 145,00 (profissionais); R$ 70,00 (estudantes) e R$ 50,00 (Ongs). Os grupos acima de 15 pessoas ganham desconto de 15%.

A inscrição dá acesso a toda a programação: apresentações, grupos de trabalho, exposições, mesas redondas e painéis. O acesso a essas salas será limitado apenas em função da disponibilidade de vagas. Entretanto, alguns eventos são exclusivos para convidados:
· Sessão Solene de Abertura;
· Festa de lançamento do festival gastronômico “Rio Sabor”;
· Evento cultural Botequim Carioca;
· Reunião de Ministros do Turismo das Américas;
· Reunião de Consulta sobre Certificação em Turismo Sustentável do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma).

PACOTES PARA DESTINATIONS 2005

Os organizadores não são responsáveis pelo transporte e hospedagem dos participantes do Encontro Anual. Cada participante é responsável por seus próprios planos. A agência de viagens GB Internacional está oferecendo pacotes de viagem e hospedagem. Você também pode entrar em contato diretamente com um dos hotéis parceiros do Destinations2005. Para mais informações clique no link Viagens e Hospedagem.

Fonte: Imprensa Destinations

  
  

Publicado por em

Mayra

Mayra

17/05/2009 13:58:59
eu acho que essa iniciativa e muito legal .