Cocker spaniel inglês, uma raça que conquista pela beleza e simpatia

Para que ele consiga se manter sempre equilibrado é preciso que seja educado desde filhote, porque, se tratando de um animal sensível e emotivo, não deverá ser vítima de severas punições

  
  

Como esta é uma das raças mais queridas no Brasil e, sobre a qual recebo grande número de questões, passarei algumas informações e curiosidades interessantes, obtidas através de pesquisas realizadas.

A história do cocker moderno começa em 14 de julho de 1879 com o nascimento na Inglaterra do cão Obo, considerado Standard da raça.
Quatro anos depois eles começam a comparecer em exposições. Em 1895, a revista "Chase et Peche" publica um desenho que se tornaria famoso de Champion Obo e Champion Miss Obo, ambos pertencentes a J. F. Farow, que muito contribuiu para que fossem estabelecidos os padrões da raça.O reconhecimento oficial da raça ocorreu em 1892.

Na segunda metade do século XX, o cocker conquistou, graças a sua simpatia e beleza, todo o mundo. Suas orelhas caídas e expressão doce nos dá a impressão que ele precisa muito de nosso carinho.

Para que ele consiga se manter sempre equilibrado é preciso que
seja educado desde filhote, porque, se tratando de um animal sensível e emotivo, não deverá ser vítima de severas punições.

A necessidade que esta raça tem de ter ao seu lado as pessoas que ama, é um fator que deverá ser levado em consideração quando da aquisição de um filhote, porque caso haja a necessidade de transferi-lo a outra pessoa com certeza isto causará um transtorno ao seu desenvolvimento emocional.

O cocker se mostra sempre disposto a fazer coisas que agradem o seu dono numa atenção contínua, assimilando muitas das vezes a personalidade do mesmo e sofrendo todas as suas variações de humor.

A pelagem talvez seja o ponto mais valorizado da raça por apresentar a maior variedade de cores e de sua beleza, sendo sempre lisa e sedosa. As cores se dividem em sólidas e particolors.

CÔRES E CRUZAMENTOS

Variedades Sólidas

Dominantes
Preto
Preto e Canela
Fígado
Fígado e Canela

Recessiva
Dourado
Variedades Particolors

Dominantes
Preto-e-branco
Branco-e-preto-e-tan
Azul-ruão
Azul-ruão-e-tan
Fígado-e-branco
Fígado-e-branco-e-tan
Fígado-ruão
Fígado-ruão-e-tan

Recessivas
Laranja-e-branco
Laranja-ruão

CRUZAMENTOS PERMITIDOS:

1- Pode-se cruzar exemplares de côres iguais ou diferentes desde que pertençam à mesma variedade.

2- Cruzar variedades diferentes não é aconselhável, pois causa problemas de marcação das cores. Só deve ser feito por pessoas que conheçam genética com o objetivo específico de aprimoramento.

3- Não acasalar côres com a indicação"Recessivas" por mais de 3 gerações seguidas, pois podem nascer exemplares com problemas de côr, estrutura e temperamento.

CÔRES PROVÁVEIS:

1- Os filhos terão, com maior probabilidade, a cor de seus pais, avós e bisavós. Há possibilidade menor de apresentarem cores de ancestrais mais antigos.

2- Cruzamento entre recessivos:os filhotes terão, com maior probabilidade, a cor de seus pais.

Visite o Portal Animalivre : www.animalivre.com.br

  
  

Publicado por em

VALÉRIA MARIVAL DE MENESES

VALÉRIA MARIVAL DE MENESES

22/01/2009 20:33:20
E MUITOS AINDA ACREDITAM QUE OS ANIMAIS NÃO TEM SENTIMENTOS, QUE É SÓ INSTINTO...
SÃO BÁRBAROS ESTES CÃES...MUITO LINDOS E FOFOS!!!