Ciclistas e cães

Sair da cidade para pedalar em áreas de natureza é o desejo de muita gente. Mas e quanto à segurança, não é perigoso pelar em lugares mais isolados? A resposta às vezes surpreende, mas em geral, é a mais pura verdade. Quanto mais longe você está de cen

  
  

Sair da cidade para pedalar em áreas de natureza é o desejo de muita gente. Mas e quanto à segurança, não é perigoso pelar em lugares mais isolados?

A resposta às vezes surpreende, mas em geral, é a mais pura verdade. Quanto mais longe você está de centros urbanos, menos chance de problemas com assaltos ou coisa do tipo. O máximo que pode acontecer é um cachorro ou outro correndo atrás de você.

Cães de zonas rurais também não são muito perigosos, em geral muito menos perigosos do que cães de criados em cidades. Mas também não devem ser menosprezados, porque uma mordida na canela, mesmo que seja de raspão, pode complicar uma viagem. Se o cachorro não for vacinado (e na maioria das vezes não é) ou se você não descobrir quem é o dono, vai ter que tomar as injeções do soro anti-rábico.

Portanto o importante é saber como se comportar. Na grande maioria dos casos, cachorros adoram um ciclista em movimento, aquela canela subindo e descendo, hummm... mas morrem de medo de um pedestre parado. Assim, ao invés de seguir o primeiro instinto que é correr mais que o cachorro, o jeito mais seguro é passar devagar por ele (muitas vezes isso já resolve) e se ele ameaçar qualquer reação, parar imediatamente, antes que ele chegue muito perto. Só o fato de parar e saltar da bicicleta de repente, já faz o cachorro tomar um bruta susto.

Se precisar dê uma ralhada com o coitado, do tipo `vai pra casa!` ou `vai deitar!`, como se você fosse o dono do cachorro. Cachorros de roça geralmente são tratados no grito. Eles ficam todos sem graça e saem de fininho.

Isso funciona 99,9% das vezes. Quando isso não funcionar, ponha a bicicleta entre você e o cachorro (para evitar um contato físico!) e vá aos poucos tentando sair do `território` dele.

Correr mais que o cachorro? Só se você tiver certeza absoluta que vai conseguir essa façanha!

  
  

Publicado por em

Michel

Michel

28/07/2012 09:06:30
Dar choque ou utilizar spray de pimenta é crime, não façam isto, pois poderão ser presos. Quando estou pedalando e um cão se aproxima perigosamente, a minha reação é simples e resolve em 100% dos casos, basta jogar a água da caramanhola (melhor se estiver gelada), na cara dele, que imediatamente levará um susto e irá se afastar, de forma que não machuca o cão, evitando assim sermos denunciados por maus tratos.

Max

Max

14/10/2011 20:12:11
Na maioria das vezes o cão acha que estamos invadindo o seu território o que procuro fazer é não confrontar, se houver como mudo até o caminho, afinal no meu caso pedalo a passeio, procuro interagir com a natureza e não agre-dila, sei que nem sempre é tal simples.
Saúde e Paz.

Luis Miguel

Luis Miguel

24/03/2010 11:39:42
Com o tempo aprendi a ignorar e at[e a tentar chutar o maldito. Mas ontem, era um monstro, acho que um hot mesmo, eu corri mais do que ele neste caso, mas sinceramente, o legal e conseguir um daqueles choques da pol[icia, ou spray de pimenta. Vou procurar isso certo.