Como escolher um bagageiro para a bicicleta

Mesmo durante uma viagem curta é indicado o uso de bagageiro dianteiro além do traseiro. O bagageiro dianteiro ajuda a distribuir melhor o peso, dando maior estabilidade à bicicleta (evitando que ela empine a qualquer obstáculo, o que acontece quando o pe

  
  

Mesmo durante uma viagem curta é indicado o uso de bagageiro dianteiro além do traseiro. O bagageiro dianteiro ajuda a distribuir melhor o peso, dando maior estabilidade à bicicleta (evitando que ela empine a qualquer obstáculo, o que acontece quando o peso fica todo no bagageiro traseiro).

Os pontos de fixação na bicicleta devem ser de preferência:

Bagageiro traseiro:
a) fixação de baixo: nas orelhinhas encontradas próximo ao eixo;
b) fixação de cima: na barrinha que liga as duas balanças.

Bagageiro dianteiro:
a) fixação de baixo: nas orelhinhas encontradas próximo ao eixo. Na falta das tais orelhinhas, o bagageiro dianteiro pode ser fixado diretamente nos garfos por meio de braçadeiras (lembre-se de levar algumas extras na viagem, por via das dúvidas).
b) fixação de cima: na junção dos garfos, por meio de um parafuso grande, que atravesse de um lado para o outro.

Evite ao máximo fixar o bagageiro diretamente nos eixos, pois além de forçá-los, atrapalham muito na hora de trocar o pneu e centralizar as rodas. Também evite que a parte de cima do bagageiro traseiro seja fixa junto ao canote do selim, pois isso força o parafuso desnecessariamente e atrapalha na regulagem da altura do selim.

Quanto ao tipo de material, o ferro apesar de bem mais pesado dá segurança por ser mais resistente e poder ser soldado facilmente, ao contrário do alumínio. Se sua viagem inclui lugares inóspitos, não arrisque, utilize um de ferro, especialmente o bagageiro traseiro. O bagageiro dianteiro, que deve suportar somente cerca de 30% do peso total da carga, pode ser em alumínio, desde que não possua solda, mas sim rebites ou parafusos.

  
  

Publicado por em