Proteção contra o sol numa viagem de bicicleta

O cicloturismo tem uma diferença fundamental de outras atividades esportivas (se é que ele pode ser chamado assim!). Viajando de bicicleta, normalmente você passa muitas horas por dia pedalando e em alguns casos muitos dias seguidos também. Por isso é bom

  
  

O cicloturismo tem uma diferença fundamental de outras atividades esportivas (se é que ele pode ser chamado assim!). Viajando de bicicleta, normalmente você passa muitas horas por dia pedalando e em alguns casos muitos dias seguidos também. Por isso é bom tomar alguns cuidados que talvez não sejam tão importantes em outros esportes.

Um deles é com o sol. Exagerar um pouquinho até que não faz tanto mal. O problema é quando a coisa se repete. Portanto proteja-se. Os dois grandes problemas são as queimaduras e a desidratação. Mas o que podemos fazer?

Bom, em primeiro lugar, evitar o próprio sol, isto é, aproveitar ao máximo as primeiras horas da manhã em que os raios solares são fracos e saudáveis. Há aqueles até que gostam de acordar ainda no escuro para pegar o sol nascendo. É um horário muito agradável de se pedalar pois a temperatura ainda é mais baixa. Descanse na hora do sol forte e volte a pedalar mais tarde se quiser.

Quem pedala sabe que a partir de uma certa velocidade sempre temos o amigo vento para nos refrescar. Porém, ele às vezes também mascara o efeito do sol. Isto é, com a pele fria não percebemos que estamos nos queimando. Por isso, não se esqueça de levar e principalmente de usar o protetor solar. Tenha disciplina com os horários de passar o protetor (não basta passar uma vez por dia). E além dessa proteção, pedale sempre de camiseta. Ela protege uma boa porcentagem da área exposta do seu corpo. Há quem goste também, de pedalar de camisa de manga comprida, para proteger também os braços. Deixando a camisa aberta, talvez você consiga uma melhor ventilação do que com a camiseta.

Quando em exposição direta ao sol, a quantidade de água que o corpo perde para manter a temperatura, é sempre maior. E não é só quando estamos pingando de suor, não. Muitas vezes nem percebemos que estamos suando, pois com o vento a água evapora muito rapidamente. Por isso, é comum repararmos que começamos a suar depois que paramos. Mas na verdade já estávamos suando antes. Assim, beba muita água o tempo todo, mesmo se não estiver com sede. A sede já é um sinal de uma pequena desidratação.

Transformando a preocupação da proteção contra o sol, numa rotina da viagem (desde o primeiro dia), você vai conseguir aproveitar muito mais.

  
  

Publicado por em

Raphael

Raphael

03/09/2009 19:43:02
Gostaria se o manguito protege do sol?
Sou ainda inciante

Eliana Britto Garcia e Rodrigo Telles

Eliana Britto Garcia e Rodrigo Telles

Sim protege do sol e também do frio.