Viaje com sua bicicleta

Para a escolha de uma bicicleta de viagem podemos fazer uma analogia com a escolha de um carro. Primeiro, não existe um tipo de carro adequado para toda e qualquer viagem. Vai depender sempre do roteiro escolhido, das peculiaridades do terreno e dos locai

  
  

Para a escolha de uma bicicleta de viagem podemos fazer uma analogia com a escolha de um carro. Primeiro, não existe um tipo de carro adequado para toda e qualquer viagem. Vai depender sempre do roteiro escolhido, das peculiaridades do terreno e dos locais ou países por onde você pretende passar, entre inúmeras outras coisas. Com a bicicleta também acontece isso. Qual a melhor bicicleta para o cicloturismo? A resposta é sempre: depende. Depende do que você pretende fazer com ela.

Mas, da mesma maneira que se dá com o carro, você não precisa deixar de viajar enquanto não escolhe (e a parte mais difícil, adquire) o veículo ideal. Basta escolher um trajeto que seja compatível com a bicicleta que você tem. Por exemplo, você tem uma Caloi 10 na garagem e não usa há muito tempo, ou uma mountain bike bem velhinha. Em nossa opinião, ambas servem para o cicloturismo. Antes, faça uma revisão, adapte os acessórios necessários (já abordamos este assunto anteriormente numa outra coluna). Aproveite a passagem pela bicicletaria e informe-se sobre a qualidade dos componentes que sua bicicleta possui. Se ela estiver equipada com peças simples e frágeis, pode ser que elas te dêem um pouco de dor de cabeça no caminho. Mas nem isso é motivo pra você deixar de viajar. Escolha um roteiro em que você esteja sempre passando por cidades que tenham um mínimo de estrutura, para que possam te resolver os possíveis problemas. Aprenda a mecânica básica da bicicleta, isto também vai ajudar. E, se for sua primeira vez, faça uma viagem não muito longa, de até uma semana.

Voltando à comparação com o carro, se você tem um fusca, não vai deixar de viajar, certo? Já teve gente indo para os Estados Unidos, dando a volta ao mundo num fusca. Portanto, viaje com a bicicleta que você já tem. É até preferível, antes de investir na compra de uma bicicleta nova, viajar primeiro, para depois saber escolher melhor, com base na sua própria experiência. Porém, escolher uma bicicleta para viajar já é um outro assunto, que abordaremos numa outra ocasião.

  
  

Publicado por em

Norberto boddy

Norberto boddy

02/02/2009 12:19:43
Usei uma three rainbow de alumínio bem velhinha (10 anos de uso) e bem comunzinha para fazer uma viagem de 800km entre Bernardo de Irigoyen (Argentina) e Florianópolis.(julho 2008). Só adaptei quatro alforges que eu mesmo construí.Nenhum problema mecânico ou furo de pneu. Detalhe: tenho 61 anos e viajei sózinho pq não achei gente corajosa o suficiente para encarar a aventura.