Crianças se mobilizam e saem ás ruas para plantar árvores

A professora Vera Fiúza Digon junto com a diretora do colégio Pueri Pax (Jardim Primavera) Sonia Almeida Santos Flavio estão coordenando o Projeto “De Bem com a Vida” que visa conscientizar as pessoas sobre a devasta&ccedi

  
  

A professora Vera Fiúza Digon junto com a diretora do colégio Pueri Pax (Jardim Primavera) Sonia Almeida Santos Flavio estão coordenando o Projeto “De Bem com a Vida” que visa conscientizar as pessoas sobre a devastação do Meio Ambiente assim como a destruição do Planeta em geral.

Crianças entre 11 e 13 anos e alguns pais saem às ruas carregando cartazes e distribuem panfletos aos moradores e casas de comércio da região.

Quando Vera Fiúza Digon começou a trabalhar este projeto com seus alunos do 6º ano (Ensino Fundamental), a professora se deparou com a vontade e o entusiasmo das crianças sobre este tema. Os pequenos começaram a dar idéias e a propor novas formas de divulgação do Projeto pelo bairro.

Gabriela Reigato Pereira (12 anos) e Lucas Ruan (11 anos), colegas de sala, encabeçaram o projeto. Gabriela incentiva as colegas a criar slogans chamativos para os cartazes que estão sendo espalhados pelo colégio e pelo bairro, enquanto Lucas se organiza com os meninos, confeccionando latas de lixo para coleta seletiva, que serão espalhados pela região e já avisa a professora: “Depois que plantarmos as árvores, poderíamos sair às ruas com sacos de lixo e recolher a sujeira que as pessoas jogam no chão. Vamos limpar a cidade!” – revela entusiasmado Lucas.

No dia 06 de setembro pais, alunos e professores saíram às ruas para entregar aos moradores e comerciantes do bairro um folheto explicativo sobre como se engajar nesta luta em defesa do Planeta. O folheto continha os seguintes dizeres: Não deixe a natureza ir embora.

“Pássaros, plantas e animais que sempre habitaram nossas florestas estão sendo extintos ou isolados em pequenas manchas de verde, cercadas de cidade por todos os lados. Nosso oxigênio também está indo embora. É um adeus invisível, mas sensível. Sem árvores, nossas fontes estão secando, silenciosas, vítimas da erosão provocada pelo desmatamento.

Você pode ajudar a reverter esse quadro através do site www.clickarvore.com.br, um programa de reflorestamento inédito no país. Você dá um click e uma muda de árvore nativa da Mata Atlântica é plantada em seu nome. Facilmente, gratuitamente. Dê um click e plante uma árvore agora mesmo. Antes que a natureza desapareça!”

No próximo dia 26 de setembro, os alunos sairão às ruas novamente, mas desta vez, com uma causa ainda mais nobre: plantar na praça “Daniel José Teixeira”, mudas de árvores doadas pela Prefeitura. Cada participante receberá uma placa com o seu nome que será colocada ao lado de cada muda plantada.

Gabriela Reigato (12 anos) resume a sua participação no Projeto com palavras e consciência de gente grande: “Muita gente sabe do problema que o mundo está vivendo, mas ninguém faz nada. Me sinto muito feliz em saber que estou contribuindo para que o planeta melhore sua condição de vida e que não seja destruído.

Talvez, quando os recursos naturais se acabarem eu nem esteja mais viva, mas e os meus filhos, os meus netos" Como será o mundo em que eles estarão vivendo" Estou contribuindo com pessoas que eu nem conheço, mas preciso fazer alguma coisa enquanto estou viva. Sei que estou ajudando o planeta e as pessoas que precisam de oxigênio para viver, assim como eu ”, diz a menina de 12 anos.

“Os lojistas estão entendendo e estão nos recebendo bem. Eles dizem que vão entregar nossos folhetos para os clientes e que eles também vão ajudar no plantio. Estou feliz em saber que estou fazendo a minha parte e não quero que outras pessoas venham roubar as nossas árvores. Gostaria que todos tivessem respeito pela natureza.” – conclui Lucas (11 anos).

O projeto que começou como uma simples aula no colégio da Zona Sul, está indo muito além dos planos de Vera Fiúza Digon. “No primeiro dia que saímos às ruas fiquei emocionada com o empenho dos meus alunos. Estou abraçando esta causa e sei que já sensibilizamos muitas pessoas que se dispuseram a se engajar nesta luta.

Pais, vizinhos e comerciantes da região descobriram através destas crianças que TODOS devem e podem contribuir para um mundo melhor.Afinal é o mundo em que vivemos e que legaremos aos nossos filhos e netos. Todos sabemos que o plantio destas mudas é simbólico. Sabemos também que muitas delas não sobreviverão.

Mas uma certeza eu tenho: Vai sobreviver cada mudinha plantada no coração destas pessoas que se sensibilizaram com nosso projeto. Vai crescer e dar frutos. Então diante de Deus, de meus alunos e do Planeta eu posso dizer com todo orgulho: Minha missão está cumprida" assume emocionada a profesora.

Serviço:

PROJETO DE BEM COM A VIDA

Plantio de mudas de árvores na Região da Zona Sul.

Data| 26 de setembro.

Horário| 9h.

Local: Praça “Daniel José Teixeira” – Jardim Primavera.

Ponto de referência l Rua General Azevedo Pimentel, em frente á Estação ferroviária em construção na Estrada das Perpétuas

Organização| Crianças da 6º ano do Colégio Pueri Pax.

Realização| Colégio Pueri Pax.

Fonte: Tudo em Pauta

Del Valle Editoria

Contato: vininha@vininha.com

Site: www.animalivre.com.br

  
  

Publicado por em

Claudio

Claudio

1/2/2011 22:02:41
Agora quem passa ve o mato mais alto que as arvores................................

Chama a Prefeitura..............................

Nataly

Nataly

4/5/2010 22:05:09
É por isso que eu gosto de estudar nesse colegio. Ele ama a natureza e nós somos uma grande familia

Taynara dalla vecchia martins

Taynara dalla vecchia martins

13/3/2009 11:59:49
Eu acho que o click foi um programa muito legal porque assim as pessoas ficom bem mais concientes do que esta acontecendo em nossa tarra por isso temos que SALVAR O MUNDO.Gostei muito e até ja fiz meu cadastro para plantar arvores.Aqui fica minha mensagem do que achei.

JALISON QUINTÃO GONÇALVES

JALISON QUINTÃO GONÇALVES

18/9/2008 19:02:21
ESSA AÇÃO DE CONSCIÊNTIZAÇÃO É MUITO BOM, ASSIM O SER ANTROPOGÊNICO TERÁ MAIS CONSCIENTIZAÇÃO PRESENCIANDO ESSA AÇÃO DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL.