Algodão colorido brasileiro chega à Europa

O algodão colorido brasileiro está prestes a conquistar a Europa. O consórcio Natural Fashion, patrocinado pela Agência de Promoção de Exportações do Brasil, assinou um contrato com um grupo francês para fornecer 30 mil peças por mês a partir de janeiro d

  
  

O algodão colorido brasileiro está prestes a conquistar a Europa. O consórcio Natural Fashion, patrocinado pela Agência de Promoção de Exportações do Brasil, assinou um contrato com um grupo francês para fornecer 30 mil peças por mês a partir de janeiro de 2004.

A cooperativa da Paraíba, que reúne 3 mil produtores, 2 fiações e 7 confecções, fez um acordo com uma distribuidora de algodão colorido no sul da Espanha.

O consórcio aposta no marketing de produto ecológico, socialmente correto, para ganhar o mercado europeu. O algodão de cor marrom e o verde são fruto de mais de 15 anos de pesquisas da Embrapa.

O algodão marrom, conhecido como `macaco`, já existe na natureza. Mas o instituto fez cruzamentos das plantas de melhor qualidade, e conseguiu obter fibras mais finas e resistentes.

Em 2000, a Embrapa lançou o BRS 200 marrom, a primeira variedade de algodão colorido brasileiro.

No fim de 2002, foi lançado o BRS verde. O algodão marrom é usado em todo tipo de tecido, até roupas íntimas.

Já o algodão verde não tem uma cor tão intensa - a coloração provém da clorofila - e é usado principalmente para fabricar índigo.

`A grande vantagem é a economia de água e corantes, porque o processo de tingimento é muito poluente`, diz Napoleão.

Neste ano, a Paraíba vai produzir 60 toneladas de fibra colorida marrom.

`Mas a idéia é sempre agregar valor, então só vendemos as peças prontas`, diz a presidente do consórcio Natural Fashion, Maysa Gadelha. São 105 itens de roupas masculinas e femininas, e a fiação é feita em parceria com a Coteminas. os preços das peças variam de R$ 20 a R$ 250.

Fonte: P.C.M

  
  

Publicado por em