Projeto compensará a emissão de gases de efeito estufa no Pan 2007

Com o apoio da Petrobras, Governo e Prefeitura do Rio lançam na quarta-feira, 8, às 9h30, no Maciço da Pedra Branca, o Corredor Verde do Pan. O Corredor ligará as florestas do Parque Estadual da Pedra Branca e do Parque Naciona

  
  

Com o apoio da Petrobras, Governo e Prefeitura do Rio lançam na quarta-feira, 8, às 9h30, no Maciço da Pedra Branca, o Corredor Verde do Pan. O Corredor ligará as florestas do Parque Estadual da Pedra Branca e do Parque Nacional de Tijuca através do plantio de espécies de Mata Atlântica.

O reflorestamento é uma das medidas para compensar as emissões de gases do efeito estufa (GEE) decorrentes da realização dos Jogos Pan-americanos na cidade do Rio de Janeiro, que ocorreram no período de 13 a 29 de julho.

Durante o evento, será anunciada a ampliação dos limites do Parque Estadual da Pedra Branca em 710 mil m², o que ajudará na consolidação da área a ser reflorestada, de cerca de 400 mil m². Ocorrerá ainda o plantio de mudas pelas autoridades e pelo mutirão de reflorestamento.

Além do reflorestamento, outra medida compensadora é a utilização de fontes renováveis de energia em frotas e prédios públicos, durante e depois do Pan. Ainda durante os jogos, haviam sido adotadas medidas mitigadoras, como combustíveis renováveis nos veículos para transporte dos atletas e jornalistas e para a geração de energia elétrica em instalações desportivas e alojamentos; redução direta de consumo de energia na utilização de utensílios menos intensivos em energia (compósitos de recicláveis) nas dependências das instalações desportivas e dos alojamentos; e tratamento adequado do lixo produzido durante os eventos (reciclagem e geração de energia).

As ações são baseadas em inventário da emissão de gases de efeito estufa ocorrida durante o Pan 2007, com utilização da metodologia do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC).

Participam do evento o vice-governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, o secretário estadual do Meio Ambiente, Carlos Minc, o gerente de Relações Institucionais de Segurança, Meio Ambiente e Saúde da Petrobras, Flávio Torres, a secretária municipal de Meio Ambiente, Rosa Fernandes, a Presidente da Fundação Instituto Estadual de Florestas, Yara Valverde, o presidente do Instituto Pereira Passos, Sergio Besserman, o coordenador do programa de Planejamento Energético da Coppe/UFRJ, professor Luis Pingueli, e o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Arthur Nuzman.

Fonte: Gerência de Imprensa da Petrobras

Del Valle Editoria

Contato: vininha@vininha.com

Site: www.animalivre.com.br

  
  

Publicado por em