Turismo é vítima e vilão do aquecimento

== ONU diz que principais destinos do mundo serão prejudicados por mudança climática. Ao mesmo tempo, emissões produzidas por viajantes vão agravar mais o problema. == O setor do turismo mundial enfrenta os efeitos n

  
  

== ONU diz que principais destinos do mundo serão prejudicados por mudança climática. Ao mesmo tempo, emissões produzidas por viajantes vão agravar mais o problema. ==

O setor do turismo mundial enfrenta os efeitos negativos da mudança climática, para a qual também contribui de forma crescente, advertiram nesta segunda-feira organizações ligadas à ONU em uma reunião internacional em Davos (Suíça).

"O setor turístico deve enfrentar o desafio da mudança climática. E, ao mesmo tempo, contribui para as emissões de gases que provocam o efeito estufa", declarou o diretor executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Achim Steiner.

O impacto do turismo no aquecimento global pode dobrar nos próximos 30 anos, de acordo com um relatório das agências da ONU sobre o turismo, ambiente e clima. Os destinos turísticos com zonas costeiras ou montanhosas, especialmente em países pobres ou nas ilhas, como as Maldivas, podem ser os mais afetados pelas mudanças climáticas e o aumento do nível do mar.

"O aquecimento global é real, seus efeitos estão comprovados e o setor do turismo deve se interessar por ele", declarou o secretário-geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Franco Frangialli. Segundo a OMT, no ano passado foram realizadas 842 milhões de viagens no mundo e o número de turistas internacionais deve chegar a 1,5 bilhão em 2020.

O transporte, a hospedagem e outras atividades turísticas representam entre 4% e 6% do total das emissões de gases que provocam o efeito estufa, de acordo com a ONU. O crescimento contínuo do setor pode levar a um aumento de 150% dessas emissões nos próximos 30 anos.

Fonte: G1

  
  

Publicado por em