Estado retoma revitalização do Parque Estadual da Pedra Branca-RJ

O presidente do IEF - Instituto Estadual de Florestas, Maurício Lobo, reuniu-se, na terça-feira (11/2), com técnicos da Gerência de Patrimônio e Meio Ambiente da Fundação Roberto Marinho para acertar a continuação do Projeto de Revitalização do Parque Est

  
  

O presidente do IEF - Instituto Estadual de Florestas, Maurício Lobo, reuniu-se, na terça-feira (11/2), com técnicos da Gerência de Patrimônio e Meio Ambiente da Fundação Roberto Marinho para acertar a continuação do Projeto de Revitalização do Parque Estadual da Pedra Branca, iniciado em agosto de 2001.

Localizado na Zona Oeste do Rio, o parque vai ganhar nos próximos meses nova sede, sinalização, espaço multiuso e banheiros públicos, além de um centro de visitação interativo com exposição permanente, que vai funcionar no prédio da antiga sede, cujo projeto arquitetônico é de autoria do mestre José Zanine Caldas.

Considerado a maior floresta urbana do mundo, o parque estadual tem 12.500 hectares e ganhou no ano passado uma nova subsede, no Camorim.

O projeto é resultado de um convênio assinado entre a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, à qual o IEF é vinculado, a SFE - Sociedade Fluminense de Energia, a Fundação Roberto Marinho e o WWF-Brasil. Trata-se de medida compensatória, prevista na lei do SNUC - Sistema Nacional de Unidades de Conservação, aplicada à SFE pela construção de uma termelétrica em Seropédica.

O projeto tem como meta não só revitalizar o parque, mas incluí-lo no roteiro de ecoturismo do Estado. O projeto de revitalização contempla ainda atividades de educação ambiental e ações que viabilizem a sustentabilidade do parque.

Fonte: Ascom Gov. do Rio de Janeiro

.

  
  

Publicado por em