Exposição comemora 70 anos do Parque Nacional do Itatiaia/SP

O primeiro parque nacional do Brasil comemora 70 anos com exposição no Sesc Pompéia, em São Paulo, a partir da próxima quinta-feira (22). A exposição é composta por 70 imagens. São 35 fotograf

  
  

O primeiro parque nacional do Brasil comemora 70 anos com exposição no Sesc Pompéia, em São Paulo, a partir da próxima quinta-feira (22). A exposição é composta por 70 imagens. São 35 fotografias coloridas e dez fotografias históricas que fazem parte do acervo do Laboratório de Museologia do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Há também fotografias de álbum de família e 25 ilustrações botânicas, entre aquarelas, grafites e nanquins.

Situada na região do Vale do Paraíba, o PNI - Parque Nacional do Itatiaia foi registrado por inúmeros contempladores de suas belezas que a eternizaram de diferentes maneiras. Com o intuito de unir essas diferentes visões do Itatiaia, a exposição comemorativa do aniversário de 70 anos do parque reúne fotógrafos consagrados, fotos históricas do momento de sua criação e belíssimas ilustrações botânicas.

A área original do parque, de apenas 12.000ha, foi ampliada em 1982 e hoje abrange cerca de 30.000 ha, se estende do estado do Rio de Janeiro até Minas Gerais.

Quem chega a Itatiaia não compreende como a estrada esburacada no meio da mata que os leva ao interior do parque pode ser uma rodovia federal. Essa obra inacabada pretendia ligar o que hoje são as duas entradas do PNI, a cidade de Itatiaia ao planalto, chegando em Itamonte. Se concluída, a estrada atravessaria a montanha, cortando matas primárias, campos de altitude e o planalto das Agulhas Negras.

Uma obra inacabada que favoreceu a conservação da mata atlântica. Por sua historia de pesquisa, que começou antes mesmo de ser parque nacional, Itatiaia abriga inúmeros cientistas em busca de respostas para fenômenos naturais. A cada ano se sabe um pouco mais sobre esse pequeno pedaço de natureza que tenta sobreviver em meio às pressões que o cercam.

Fonte: Simone Cardoso/ Ibama

Editoria: Guto Bertagnolli

  
  

Publicado por em