Brasil nega colaboração nuclear com a Venezuela

O governo brasileiro considera `imprudente` imaginar agora uma colaboração com a Venezuela na área nuclear, como sugeriu o presidente venezuelano, Hugo Chávez, e ainda não recebeu nenhum pedido oficial a respeito. `Por agora é imprudente imaginar um a

  
  

O governo brasileiro considera `imprudente` imaginar agora uma colaboração com a Venezuela na área nuclear, como sugeriu o presidente venezuelano, Hugo Chávez, e ainda não recebeu nenhum pedido oficial a respeito.

`Por agora é imprudente imaginar um acordo`, disse um porta-voz do Ministério da Ciência e Tecnologia, ao comentar as declarações que Chávez fez em seu programa televisivo `Alô Presidente`.

O ministro Eduardo Campos disse que `não temos registro de nenhum pedido de cooperação nessa área. Já temos acordos com a Venezuela em outras áreas, e vamos examinar esta, se o pedido chegar`.

Chávez assegurou no domingo que seu governo quer `começar a trabalhar na área nuclear com o Brasil, Argentina e outros`. `Queremos começar investigações no setor nuclear, e pedir ajuda a países como o Irã`.

`O Brasil tem uma posição muito clara em relação a seu programa nuclear, sua finalidade pacífica, e somente mantém programa de cooperação com países que assinaram os tratados de salvaguardas e são fiscalizados pelas agências competentes`, explicou o porta-voz do Ministério da Ciência e Tecnologia.

O porta-voz acrescentou que `por enquanto não existe nada` sobre uma suposta colaboração entre os dois países no âmbito nuclear.

`É somente uma afirmação do presidente Chávez. Nós não tivemos nenhuma proposta oficial em relação a qualquer pedido de colaboração`, acrescentou o porta-voz.

Fonte: Ansa

  
  

Publicado por em