Cabeceira do Rio Paraguai-MT será recuperada

Projeto prevê a recuperação de áreas degradadas pela ação de garimpos.A recuperação da cabeceira do Rio Paraguai, que fica localizada no município de Alto Paraguai, está prevista para o segundo semestre deste ano. O projeto de recuperação foi apresenta

  
  

Projeto prevê a recuperação de áreas degradadas pela ação de garimpos.A recuperação da cabeceira do Rio Paraguai, que fica localizada no município de Alto Paraguai, está prevista para o segundo semestre deste ano.

O projeto de recuperação foi apresentado pela Fundação Estadual do Meio Ambiente (Fema) e pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e recursos Renováveis (Ibama).

No projeto de recuperação, estão propostas as recuperações das áreas degradadas por garimpos através de recomposição vegetal da região.

No plano também estão previstos o desenvolvimento de alternativas sócio-econômicas para o município de Alto Garças e seu entorno.

Através do plano, será possível fazer com que as áreas destruídas pelo garimpo, possam gerar produção agrícola para o município.

Segundo o diretor de Recursos Hídricos da Fema, Edson Nunes, a cabeceira do Paraguai será a primeira no estado a ser recuperada.

`Este será o passo inicial para que outras cabeceiras também sejam recuperadas`, disse o diretor.

A captação dos recursos para aplicação do projeto deve ser repassada pela ong World Wildlife Found (WWF). Além da Fema e Ibama, também estão trabalhando no projeto a Associação Diamantinense de Ecologia (ADE), o Instituto Centro e Vida (ICV) e a Fundação de Apoio à Vida nos Trópicos (Ecotrópica).

Fonte: ICV

  
  

Publicado por em