Consema-RS aprova lista de espécies da flora ameaçadas de extinção

A última reunião do Consema - Conselho Estadual do Meio Ambiente, realizada no dia 17/12/2002, na sede da Fundação Zoobotânica, em Porto Alegre (RS), foi marcada por importantes deliberações. Uma delas foi a aprovação da Lista de Espécies da Flora Ame

  
  

A última reunião do Consema - Conselho Estadual do Meio Ambiente, realizada no dia 17/12/2002, na sede da Fundação Zoobotânica, em Porto Alegre (RS), foi marcada por importantes deliberações.

Uma delas foi a aprovação da Lista de Espécies da Flora Ameaçadas de Extinção, com 600 espécies. A elaboração da Lista contou com a participação de 33 especialistas de 14 instituições.Conforme a engenheira florestal Clarice Gluske, o maior problema dessas espécies é que elas estão tendo seus habitats destruídos.

Para as plantas endêmicas (que nascem apenas em um determinado local com condições adeqüadas), por exemplo, qualquer alteração pode significar a morte de uma comunidade inteira. Já para diversas espécies do campo, a principal ameaça é o uso do fogo.

A extração e a exportação são responsáveis pela ameaça de extinção das bromélias, orquídeas e cactus.Entre as espécies mais conhecidas que constam na lista estão os guacos, canelas, tunas, samambaias, xaxins, maracujás e cravos do mato.

A partir da lista de espécies ameaçadas será montada uma estratégia de proteção, para que essas não sejam extintas definitivamente.Além disso, foram habilitados mais cinco municípios para o licenciamento de atividades de impacto local: Roca Sales, Doutor Ricardo, Arroio do Meio, São Borja e Santa Rosa. Também foi assinada a portaria que oficializa o novo Plano de Manejo do Parque Estadual do Espigão Alto, localizado no município de Barracão, região nordeste.

Divulgação:

Durante a reunião foram apresentados os materiais gráficos de divulgação do Parque Estadual Delta do Jacuí, constituído por dois cartazes, um folder e uma cartilha de educação ambiental.

As peças destacam a importância do parque para a Região Metropolitana, chamando a população para sua preservação, pois possui grande riqueza biológica, oferece proteção contra as cheias, melhoria da qualidade da água, estabilidade climática e opções de ecoturismo e lazer.

O Consema ainda avaliou suas atividades, no período de 1999 a 2002. O resultado foi um total de 45 seções, sendo 32 reuniões ordinárias e 13 extraordinárias, com 31 resoluções aprovadas.

Fonte: AssCom do Gov. Rio Grande do Sul

  
  

Publicado por em