Embrapa anuncia nascimento da primeira bezerra fertilizada in vitro no NE

A primeira bezerra gerada por fertilização in vitro da região Nordeste nasceu na sexta-feira (4/6), na fazenda Rancho Grande, no município de Entre Rios, a 160 quilômetros de Salvador (BA). Batizado de “Vivadeus do Ferraz”, o animal é resu

  
  

A primeira bezerra gerada por fertilização in vitro da região Nordeste nasceu na sexta-feira (4/6), na fazenda Rancho Grande, no município de Entre Rios, a 160 quilômetros de Salvador (BA).

Batizado de “Vivadeus do Ferraz”, o animal é resultado das experiências do Centro de Reprodução Animal da Bahia com o apoio do veterinário Ivo Pivato, da Embrapa Cenargem (Centro Nacional de Recursos Genéticos), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

A fertilização in vitro é uma técnica que consiste na aspiração dos ovários de fêmeas de qualidade.Os óvulos então são fertilizados com material recolhido de touros de alto padrão. Os embriões são implantados nos úteros de diversas vacas. Com o procedimento, as fêmeas que geravam apenas um bezerro por ano, poderão gerar uma centena.

As pesquisas na área realizadas pela Embrapa e outros institutos amplificam estudos de biologia básica, biomedicina e transgenia, que podem levar ao nascimento de animais resistentes a doenças e parasitas, além de animais produtores de fármacos.

Vivadeus é filha de Trita da Tina, que foi fecundada com o material genético do touro Danado das Manacás, um simental puro de origem (PO).

Fonte: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento


  
  

Publicado por em