Embrapa publica catálogo de fungos com potencial para controle biológico de insetos

Nos últimos anos tem aumentado, de forma sensível, no Brasil, a utilização das tecnologias de controle biológico de insetos. Bactérias, fungos e vírus constituem-se em princípios ativos de bioinseticidas que estão combatendo pragas de culturas agrícolas d

  
  

Nos últimos anos tem aumentado, de forma sensível, no Brasil, a utilização das tecnologias de controle biológico de insetos. Bactérias, fungos e vírus constituem-se em princípios ativos de bioinseticidas que estão combatendo pragas de culturas agrícolas de interesse econômico, como soja, cana-de-açúcar, algodão, hortaliças, pastagens, etc.

A Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia vem realizando, há mais de quinze anos, pesquisas com isolamento, identificação, caracterização, avaliação de patogenicidade e conservação de agentes de controle biológico e, mais recentemente, desenvolvimento de produtos e tecnologias para utilização dos mesmos, trabalhando em parceria com instituições públicas e privadas.

Recentemente foi publicado o `Catálogo da Coleção de Culturas de Fungos Entomopatogênicos`, que disponibiliza informações relativas a 887 estirpes de fungos, pertencentes a 15 gêneros e a, no mínimo, 36 espécies e subespécies.

A equipe organizadora do Catálogo, formada por Myrian Silvana Tigano, Marcos Rodrigues de Faria e Irene Martins é uma das mais atuantes nessa área, no Brasil. Conta com diversas publicações de relevo e tem sido um pólo importante de fornecimento de materiais genéticos para estudos acadêmicos e aplicados.

Espera-se que este Catálogo sirva de base para intercâmbio de germoplasma com instituições nacionais e estrangeiras e que também venha a servir de ponto de partida para que empresas escolham estirpes que irão servir de princípios ativos na produção de bioinseticidas.

Para adquirir o Catálogo da Coleção de Fungos Entomopatogênicos os interessados poderão entrar em contato com a Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, através do telefone (61) 448-4763, do fax 340-3624, em Brasília, (DF) ou pelo endereço eletrônico.

Fonte: Embrapa

  
  

Publicado por em