Goiás sediará o Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental

O evento está sendo concebido dentro de padrões ecologicamente corretos, do contato com fornecedores até a redução de papelaria.

  
  

O Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental – Fica – chega a sua 13ª edição com 5 mostras de cinema, Fórum de Cinema e Ambiental, 7 cursos, 9 oficinas, 14 palestras, Fica Limpo, Mercado das Artes, Exposição Veiga Valle, Empório Sebrae, shows de artistas goianos, grandes atrações musicais nacionais e, pela primeira vez, um show musical internacional.

Além de uma extensa programação, o Fica está sendo concebido dentro de padrões ecologicamente corretos, do contato com fornecedores até a redução de papelaria.

A programação de cinema é dividida em Mostra Competitiva, IX Mostra ABD, Fica Animado (Mostra Infantil), Mostra do Cinema Brasileiro e, ao final do festival, Mostra dos Filmes Vencedores do XIII Fica, com cerimônia de premiação aos escolhidos pelo júri especializado e pelo voto popular.

Estão concorrendo à premiação 30 produções vindas deGoiás, São Paulo, Pernambuco, Ceará, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, e os estrangeiros da Argentina, República Tcheca, Itália, Bélgica, Suíça, Armênia, Holanda, China, França, Chile, Estados Unidos e Reino Unido.

Na Mostra do Cinema Brasileiro, o grande homenageado é Arnaldo Jabor, que, junto com Cacá Dieges, vêm ao festival para um debate sobre o cinema brasileiro. O Fórum de Cinema ainda traz outras palestras e debates com os realizadores do festival, cursos e oficinas de introdução ao cinema, efeitos especiais, animação, fotografia e mais.

No Fórum Ambiental, o grande destaque é a presença da ambientalista Marina Silva que, junto com o índio Benki Pinhanta Ashaninka, vem discutir os avanços de desafios da conferência Rio + 20.

Com a colaboração dos reitores da UFG, Edward Madureira Brasil, UEG, Luiz Antônio Arantes, e da PUC-GO, Wolmir Amado, e do secretário estadual de Meio Ambiente, Leonardo Vilela, o Fórum ainda discute clima e conservação do patrimônio histórico, história cultural ambiental e a energia nuclear.

Os cursos e oficinas de meio ambiente ensinam sobre artesanato, construções sustentáveis, batuque reciclado, aproveitamento alimentar de frutos do Cerrado, cultivo de plantas, recuperação de nascentes e gestão de resíduos sólidos.

O XIII Fica tem a colaboração do Sebrae, que faz um Empório com palestras e seminários sobre cineclubes, Economia Criativa, gestão cultural, sistemas municipais de cultura e gestão do patromônio cultural e natural. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan –também contribui com o festival realizando a exposição Bonecas Karajá.

Na programação artística, a cantora Maria Rita faz show na Praça de Eventos Beira Rio. No sábado, dia 18, o Fica recebe sua primeira atração musical internacional, Manu Chao, cantor francês que vem com sua banda Mano Negra, misturando influências da música francesa, espanhola e do punk. Mano também participa da oficina de Artes Plásticas. No dia 19, Rita Lee, considerada a rainha do rock, encerra o XIII Fica com o show da turnê ETC..., que apresenta sucessos históricos da carreira da cantora.

Fonte: Daniele Tomadon

Visite:www.revistaecotour.com.br

  
  

Publicado por em