Vitória (ES) sediará a Feira do Verde

A Feira do Verde engloba a apresentação de projetos, ações, atitudes, atividades de entretenimento e outros mecanismos que contribuem para a mudança de comportamento de toda a sociedade

  
  

A cidade de Vitória (ES) vai sediar uma das maiores feiras ambientais do país, de 11 a 16 de novembro. A Feira do Verde, realizada anualmente, tem como tema central, este ano, “Mudanças Climáticas: Somos todos responsáveis”. Uma das principais atrações será o cinema, com projeção 3D, do filme Planeta Terra: da origem da vida às mudanças climáticas” .

A Feira do Verde engloba a apresentação de projetos, ações, atitudes, atividades de entretenimento e outros mecanismos que contribuem para a mudança de comportamento de toda a sociedade, de modo individual ou coletivo, em benefício da sustentabilidade do planeta.

A realização é da Prefeitura de Vitória, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam), em parceria com o Instituto Brasil de Desenvolvimento da Defesa Civil e do Meio Ambiente (IBDM). Conta, ainda, com o apoio do Departamento Estadual de Transito (Detran), Secretaria de Educação (SEDU), Secretaria de Estado da Agricultura e do Instituto Estadual de Meio Ambiente (IEMA).

Estrutura

Próxima de completar 20 anos e com a capacidade para receber mais visitantes, este ano a Feira do Verde ganha novo espaço e muda para a Praça do Papa. Em uma área de 11.250 metros quadrados, o público terá acesso gratuito a exposição de orquídeas, mostra científica, cursos, oficinas, palestras e seminários, além de um espaço para atividades lúdico-educativas e infanto-juvenil voltado para a Educação Ambiental, praça de alimentação de 800 metros quadrados, palco para shows, banheiros e posto médico.

A perspectiva é que um público estimado de 200 mil pessoas, que visitarão os mais de 90 estandes de órgãos estaduais, organizações não-governamentais e empresas.

Espaço alternativo

Outra novidade nesta edição da Feira do Verde é a instalação de uma tenda de 700 metros quadrados que será ocupada por entidades ambientalistas, onde serão promovidas atividades alternativas.

Projeção 3D

O estande central, montado pela Prefeitura de Vitória, traz uma das grandes atrações da feira. Nele o visitante vai assistir o filme “Planeta Terra, da origem da vida às mudanças climáticas”, com projeção 3D.

O filme é uma maravilhosa viagem através do tempo e do espaço a bordo da nave Sigma. A viagem leva o espectador a descobrir as origens do universo, a formação das galáxias e do sistema solar. A aparição da vida no planeta Terra, o desenvolvimento e a evolução do homem. A mensagem do filme incentiva a reflexão sobre os impactos causados pela ação do homem no ecossistema da Terra. Uma viagem imperdível que ajuda a entender que o futuro da Terra depende da humanidade.

O filme e o sistema de projeção são similares aos utilizados pelas grandes cadeias internacionais de cinemas digitais. Os óculos têm o mesmo modelo dos oferecidos nos grandes parques temáticos do mundo, garantindo uma ótima visão 3D.

A experiência multisensorial, possibilitada pela projeção 3D, desperta o interesse e a atenção do espectador, sendo eficaz na internalização de mensagens e conteúdos educativos.

O espaço tem capacidade para um público de 150 pessoas, por sessão.

Exposição

Na área situada na entrada do cinema, será instalada uma exposição com fotos, acompanhadas de breves textos que destacam a importância da humanidade preservar, para perpetuar a vida, reciclar, para manter os recursos naturais, e educar, para que as gerações futuras tenham mais opções e para que todos se comprometam em lutar por um mundo melhor.

Concebida no formato de totens, a exposição evidencia as causas e conseqüências das mudanças climáticas e propõe reflexões sobre o tema. Apresenta, ainda, projetos e programas que a Prefeitura de Vitória desenvolve junto com os moradores e em parceria com outras instituições para que a cidade se torne mais justa, mais humana e mais feliz.

Programação

A programação da Feira do Verde destaca as mudanças climáticas, a redução da emissão dos gases de efeito estufa, a preservação da Mata Atlântica, a mobilidade urbana, e a importância da educação ambiental.

Além da programação artística e cultural, a Feira do Verde também contará com eventos técnicos, que serão apresentados no auditório principal e no mini-auditório. São palestras, debates, conferências, painéis, mesas-redondas e oficinas que contarão com a participação de especialistas de diversas áreas.

Professores, representantes do Governo Federal, de prefeituras e do Governo do Estado, além de empresários, ambientalistas e membros de organizações não-governamentais (ONGs) discutirão as mais diversas temáticas relacionadas às mudanças climáticas e como cada um pode contribuir para amenizar o grave problema das emissões de gases de efeito estufa.

No dia 12 de novembro, no auditório principal, será realizada a abertura da Conferência Estadual Infanto-juvenil de Meio Ambiente: Mudanças Globais. Participarão representantes dos Ministérios do Meio Ambiente e da Educação. A Conservação da Mata Atlântica e as mudanças climáticas também estarão em discussão. À noite acontece a abertura do Mercocidades, com a Conferência Mobilidade Urbana e o Desenvolvimento Sustentável.

Ainda no dia 12, no mini-auditório, será realizada a mesa-redonda “Tratamento de resíduos sólidos” e a palestra sobre como é feita a coleta seletiva em Vitória. Também estará em discussão a reciclagem de entulhos da construção civil.

No dia 13, o Mercocidades, cuja abertura oficial está prevista para o dia 12, terá continuidade com a realização da conferência “A Política e a Gestão Ambiental Urbana”, da qual participa o Secretário Nacional de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente, Vicente Andreu Guillo.

Durante todo o dia, o tema mobilidade urbana e a busca de soluções para o controle do crescimento urbano estará em evidência. Às 17 horas, no auditório principal, será realizada a palestra “Soluções urbanas contribuindo para a redução do efeito estufa”, com Jean-Blaise Picherel, de Dunkerque.

Às 19h30, ocorre a entrega do Prêmio Tião Sá e o lançamento da cartilha da Praia Limpa no auditório principal. Criado pela Gerência de Educação Ambiental, da Semmam, a Campanha Praia Limpa tem os objetivos de reduzir a quantidade de lixo nas praias – com a redução e o acondicionamento adequado do lixo produzido - e despertar a mudança de comportamento nos freqüentadores, buscando ainda a preservação da praia e do ecossistema marinho e suas espécies, trazendo qualidade de vida para os munícipes.

Mudanças globais

Ainda no dia 13, às 9 horas, no mini-auditório, será realizada a oficina da Conferência Estadual Infanto-juvenil do Meio Ambiente, sob a coordenação da professora Ana Beatriz Dalla Passos. O tema será “Mudanças Globais”.

À tarde, será realizado o Fórum Estadual Lixo e Cidadania, com discussões sobre sustentabilidade e crédito de carbono. Participam do fórum os catadores de resíduos.

No dia 14, será realizada a conferência “Aquecimento Global – causas e efeitos”, com Gilvan Sampaio, pesquisador do INPE, e a palestra “Impactos das mudanças climáticas sobre a costa”, com o diretor da Agência Costeiro, Manoel Sanches. Durante a tarde, acontecem os painéis “Soluções adotadas e propostas para redução do efeito estufa”, com a participação de técnicos da Prefeitura de Vitória, de Buenos Aires, Montevidéu e Dunquerque. À noite, haverá o lançamento do Atlas dos Ecossistemas do Espírito Santo.

Manguezal

O dia 14 está reservado para o II Seminário de Educação Ambiental em Áreas de Manguezal. Será realizada uma mesa-redonda para apresentação de experiências desenvolvidas em Recife (PE), além dos trabalhos desenvolvidos nesta área em cidades capixabas. Biólogos e oceanógrafos participarão dos debates.

No dia 15, acontecerá o Encontro da Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental e os participantes da Rede Capixaba de Educação Ambiental vão se reunir para refletir e sugerir propostas. Também será oferecido o curso de preparação da Brigada anti-incêndio e haverá a palestra “Energia e Aquecimento Global”, com o professor Marcelo Sthel, da Universidade Estadual do Norte Fluminense.

No dia 16, quando a feira será encerrada, as palestras terão como tema central as orquídeas. Professores, proprietários de laboratórios de experimentações, orquidólogos e jornalistas especializados discutirão o tema e trocarão experiências sobre seus trabalhos e pesquisas.

Durante os seis dias de evento, a XIX Feira do Verde terá uma programação cultural e educativa, com apresentações folclóricas e artísticas.

Prêmio Tião Sá

Dentro da programação da XIX Feira do Verde, haverá a premiação dos vencedores Prêmio Tião Sá, na quinta-feira (20), no auditório principal. O prêmio foi criado em 1995, em reconhecimento ao trabalho do ambientalista Sebastião Salles de Sá. Desde sua primeira edição, em 1996, tornou-se um importante instrumento de incentivo à pesquisa ambiental e à educação ambiental em Vitória.

Na apuração dos trabalhos, a comissão julgadora considerou o rigor científico, a inovação técnica ou metodológica e a aplicação dos resultados no que tangem ao Prêmio de Incentivo à Pesquisa Ambiental. Também foram considerados quesitos como originalidade, abrangência, replicabilidade e avaliação de custos/benefícios.

Os vencedores serão premiados com o Troféu Biodiversidade, criado pelo artista plástico e bailarino, Magno Godoy; diploma; e um prêmio em espécie.

Fonte: AssCom Prefeitura Municipal de Vitória

  
  

Publicado por em

Kaká

Kaká

07/11/2009 00:06:36
Gostaria de ter a programação da feira do verde do ano de 2009

Alessandra Almeida

Alessandra Almeida

30/09/2009 12:34:11
Gostaria muito de estar recebendo notícias sobre a "feira do verde", tenho muito interesse trabalho na área educação ambiental, e tenho muito o que aprender...e sei que nesta feira tem muita coisa que podemos apoveitar e trabalhar com nossos professores e pedagogos e principalmente nossos alunos...

Lucivaldo Ferreira da Silva

Lucivaldo Ferreira da Silva

06/04/2009 10:54:30
Gostaria de saber as datas que acontecerão o evento em 2009,pois gostaria de expor a Vassoura ecológica.

Lucivaldo Ferreira da Silva

Lucivaldo Ferreira da Silva

27/01/2009 11:26:16
como faço para adquirir o filme Planeta Terra, da origem da vida às mudanças climáticas.

Evimael Alves Teixeira

Evimael Alves Teixeira

17/11/2008 11:35:48
Nao tive oportunidade de assistir o filme Planeta Terra, da origem da vida às mudanças climáticas, pois tinha muita gente ... como faço para adquirir o filme?

Lorena

Lorena

12/11/2008 16:09:08
Boa tarde,
Primeiro parabéns a Vitória!
Favor me informar com urgencia...
Vai ter alguma orquestra?
qual dia e a hora?