Entidade recruta voluntários para futuro teste de vacina anti-HIV

O CRT - Centro de Referência e Treinamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids (DST/AIDS) de São Paulo está recrutando voluntários do sexo masculino para participar de um projeto de pesquisa denominado Projeto HM (Homem e Mulher), que tem como ob

  
  

O CRT - Centro de Referência e Treinamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids (DST/AIDS) de São Paulo está recrutando voluntários do sexo masculino para participar de um projeto de pesquisa denominado Projeto HM (Homem e Mulher), que tem como objetivo principal a preparação da unidade para a realização de futuros testes de vacina anti-HIV.

O CRT-SP faz parte de uma rede internacional de colaboração para o desenvolvimento de uma vacina contra o HIV (HVTN), organizada em 1999, e financiada pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos. No Brasil foram selecionados dois locais de pesquisa, o CRT DST/Aids (São Paulo) e o Praça XI, no Rio de Janeiro.

O Projeto HM é uma pesquisa sociocomportamental que visa identificar os fatores que levam uma pessoa a se candidatar a pesquisas de testes de vacinas contra o HIV/AIDS, acompanhar o status sorológico dos voluntários e identificar os fatores que os expõem ao risco de infecção pelo.

Durante o período da pesquisa os voluntários serão acompanhados sorologicamente (teste de HIV).Os voluntários serão acompanhados por um ano. Podem participar homens na faixa etária dos 18 aos 60 anos que não sejam portadores do vírus HIV, tenham relações sexuais com pessoas de sexo diferente do seu há pelo menos 2 anos e residam na região metropolitana e São Paulo.

A importância desse projeto é indiscutível, uma vez que a melhor estratégia a longo prazo para o controle da epidemia de HIV/AIDS é o desenvolvimento de uma vacina que seja segura, eficaz e acessível. Diariamente 14 mil pessoas se infectam com o HIV no mundo. No Brasil estima-se que 600 mil pessoas estejam infectadas com o HIV.

Até março de 2002 foram notificados 237.588 casos da doença em todo o país.Interessados em participar do projeto podem obter mais informações no CRT DST/Aids-SP, na rua Santa Cruz, 81, Vila Mariana, ou pelo telefone (11) 5087.9832 de 2ª a 6ª feira das 8 às 20 horas.

Fonte: AssCom Programa Estadual DST/Aids

  
  

Publicado por em

ROSANA APARECIDA MOREIRA

ROSANA APARECIDA MOREIRA

20/09/2008 19:34:53
OLA SOU ROSANA,MINHA MAE VERA LUCIA MOREIRA É PORTADORA DO HIV HA + OU - UNS 4 ANOS EU ACHO QUE SE FOSSE REALMENTE VERDADE ISSO JA TERIAM COLOCADO ISSO EM PRATICA PARA AJUDAR AS PESSOAS COM ESSA DEFICIENCIA, PQ SIMPLESMENTE O EFEITO DA DROGA TOMADA EM COMPRIMIDOS NAO É NADA FACIL E EU ACHO QUE EM CADA BAIRRO DEVERIA TER UMA INSTITUIÇAO PARA ESSAS PESSOAS TEREM ALGO PARA SE FAZER, PPIS MINHA MAE TEM APENAS 54 ANOS DE IDADE VIUVA NAO TEM NINGUEM POR ELA VIVE SOZINHA NA SILIDAO E INFELISMENTE O QUE MATA NAO É A AIDS E SIM O PRECONCEITO E A DEPRESSAO, HOJE MORO EM BRASILIA COM MEU MARIDO NAO TIVE CONDIÇOES DE TRAZE-LA COMIGO POR FALTA DE RECURSOS MAS COMO ESTAVA FALANDO ANTES DEVERIA EXISTIR UM GALPAO PARA ESSAS PESSOAS SE OCUPAREM MENTALMENTE POQUE IRIA FAZER BEM A ELAS COMO POR EXEMPLO: BORDADOS,PINTURAS,JOGOS,CURSO DE DANÇAS PARA OS IDOSOS,BAILE PARA ESSA TERCEIRA IDADE,VIAGENS PARA ELES COM TAXA MINIMA... ENFIN NOSSO PAIS SO SERVE PARA TER ELEIÇOES E SERM ELEITOS MAS PARA AJUDAR QUEM PRECISA NAO EXISTE NINGUEM POR ISSO QUE PEÇO SE PUDESSEM FAZER ALGO PARA MUDAR ISSSO TEMOS QUE CUIDAR DESSES QUE IMFELISMENTE JA ESTAO DOENTES E NAO SE PREOCULPAR COM QUEM NAO É DOENTE E NEM QUER SABER SDE SE CUIDAR ... POIS TODOS SABEM QUE QUEM VE CARA NAO VE AIDS POR ISSO ATE ACHAR A CURA VERDADEIRA TODOS JA ESTARAM MORTOS DE TANTO SOFREREM POR DESCASO DO MUNDO INTEIRO ....