Exportação do agronegócio bate novo recorde

As exportações do agronegócio em janeiro chegaram a US$ 2,324 bilhões, representando um novo recorde histórico para meses de janeiro e crescimento de 18% em relação a igual período de 2003 (US$ 1,969 bilhão). Com importações de US$ 385 milhões, a bala

  
  

As exportações do agronegócio em janeiro chegaram a US$ 2,324 bilhões, representando um novo recorde histórico para meses de janeiro e crescimento de 18% em relação a igual período de 2003 (US$ 1,969 bilhão).

Com importações de US$ 385 milhões, a balança comercial do setor apresentou um superávit de US$ 1,939 bilhão no mês passado. O dados foram divulgados nesta segunda-feira (09/02) pela Secretaria de Produção e Comercialização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

As exportações de carnes cresceram 33,3%, resultado, principalmente, do aumento de 44,7% nas exportações de carne bovina in natura, que passaram de US$ 76,1 milhões em janeiro de 2003 para US$ 110,1 milhões em janeiro de 2004.

Destaque também para o aumento nas vendas de frango industrializado (+ 125%) e peru (+ 128%). As exportações de soja apresentaram crescimento de 16,5% (US$ 354,7 milhões para US$ 413,1 milhões).

Considerando o destino das exportações do agronegócio, houve aumento considerável nas vendas para a China (de US$ 51 milhões para US$ 129,1 milhões), Espanha (de US$ 45 milhões para US$ 79,2 milhões) e Itália (de US$ 85,4 milhões para US$ 113,8 milhões).

Com exceção da Europa Oriental, Nafta e Oriente Médio, houve crescimento das exportações em praticamente todos os continentes ou blocos econômicos.

Destaque para os incrementos das vendas para o Mercosul (+ 61,8%), União Européia (+23,6%) e Ásia (+ 62,1%).

No acumulado dos últimos 12 meses (fevereiro de 2003 a janeiro de 2004) as exportações do agronegócio atingiram o total de US$ 30,994 bilhões, 22,3% acima do valor exportado no período de fevereiro de 2003 a janeiro de 2004, que foi de US$ 25,324 bilhões.

O resultado deve-se, principalmente, ao aumento das exportações do complexo soja de US$ 6,1 bilhões para US$ 8,1 bilhões (+ 32,6%) nos doze meses anteriores.

Os itens papel e celulose e carnes também apresentaram crescimentos significativos no período, passando de US$ 2,1 bilhões para US$ 2,8 bilhões (+ 35,9%) e de US$ 3,1 bilhões para US$ 4,18 bilhões (+ 31,8%), respectivamente.

Fonte: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

  
  

Publicado por em