Exposição especializada em orquídeas raras da AOSP acontecerá em São Paulo

A 68a Exposição de Orquídeas da AOSP acontecerá nos dias 14, 15 e 16 de março, na rua São Joaquim, 381, próximo ao metrô S. Joaquim, em S. Paulo. A entrada é grátis e cada visitante receberá gratuitamente um folheto com dicas sobre o cultivo. No 2o and

  
  

A 68a Exposição de Orquídeas da AOSP acontecerá nos dias 14, 15 e 16 de março, na rua São Joaquim, 381, próximo ao metrô S. Joaquim, em S. Paulo. A entrada é grátis e cada visitante receberá gratuitamente um folheto com dicas sobre o cultivo.

No 2o andar, estarão expostas as melhores orquídeas da estação, com a participação de entidades orquidófilas da capital e grande São Paulo, do interior e de vários Estados, como Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Goiás, Brasília e outros.

Além da exposição, existem outras atrações: no andar térreo, haverá venda de 10.000 plantas com preços a partir de R$5,00.

AULAS GRÁTIS:

No 1o andar, sala 13, na sexta-feira e domingo, nos seguintes horários: às 10h00, 14h00 e 16h00, vários professores especializados ministrarão aulas básicas grátis sobre o cultivo de orquídeas, não será preciso fazer inscrição prévia, basta se apresentar 10 minutos antes e ainda poderá assistir a quantas aulas quiser, pois cada uma tem abordagens diferentes.

CURSO AVANÇADO:

No 1o andar, sala 13, no sábado, das 9h00 às 17h00, com intervalo para almoço, haverá um curso avançado sobre dois importantes temas: Taxonomia das Orquídeas, com Marcos Campacci, orquidófilo e pesquisador do CPO, Círculo Paulista de Orquidófilos, que discorrerá sobre a Taxonomia, que é a ciência da classificação da nomenclatura das orquídeas, seus gêneros e espécies, responderá a perguntas como: porque certos nomes são
mudados, os órgãos responsáveis, as pequisas das pessoas qualificadas, noções sobre divisões e outros assuntos correlatos.

O pesquisador e produtor Sérgio Barani falará sobre híbridação das Cattleyas, visando melhorar a genética, produzindo plantas mais fortes, vistosas e de fácil cultivo, tanto para o colecionador como para o produtor.

Para esse curso existem vagas limitadas e as inscrições podem ser feitas pelo tel. (11) 6192 6213, até o dia 8 de março.

Taxa de inscrição: R$60,00 a ser pago no dia do curso, a partir das 08 horas.

Os participantes receberão apostila e
certificado.

ADUBO DA AOSP:

O famoso adubo para orquídeas produzido pela AOSP estará à venda por R$3,00 a unidade, contendo 500 gr

MOSTRE SUA ORQUÍDEA:

As Associações interessadas em participar pela primeira vez e também as pessoas que têm uma linda orquídea de sua coleção poderão também inscrevê-las para julgamento e premiação, basta entrar em contato com a presidente da AOSP: srta. Lúcia Midori Morimoto, pelo telefone (11) 9947 2851.

Informações sobre a exposição com Mariza Torelli, tel.: 3772 6653 / 9194 3946

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

ORQUIDEOTERAPIA

Nas exposições da AOSP ouve-se, com freqüência, sobre os benefícios que o trabalho com as orquídeas tem trazido para as famílias. O cultivo, cuidados, expectativa da flor e a plena florescência criam um novo foco de interesse no lar, dinamizam diálogos, amenizando o estresse diário.

Assim como, a orquídea necessita de cuidado, atenção, dedicação, assim também a família os merece, a atenção que se dá ao seu desenvolvimento, deve ser semelhante ao cultivo das relações familiares e humanas. A planta e as belas flores harmonizam e concorrem para o equilíbrio do meio ambiente.

Livro: ORQUÍDEAS - MANUAL DE CULTIVO

Estarão à disposição livros, revistas, publicações e o livro ORQUÍDEAS - MANUAL DE CULTIVO, com 300 páginas, mais de 500 fotos coloridas de espécies caracterizadas, sendo que cada foto tem especificado o nome, origem, dimensões da flor e da haste floral, altura da planta, época da floração, tolerância de temperatura e sombreamento. Trata-se de um livro importante e estará à venda durante a exposição, ao preço de 60 reais, as pessoas que desejarem adquirí-lo pelo reembolso postal poderão encomendar pelo telefone: (11) 6192 6213.

AOSP FESTEJA SEUS 35 ANOS DE EXISTÊNCIA

Conta-nos a presidente da AOSP, Lúcia Midori Morimoto, que a entidade, sem fins lucrativos, foi fundada em 1967, nasceu de um sonho de imigrantes japoneses de estudar, cultivar, preservar e divulgar as espécies nativas brasileiras. Através dos anos, vem alcançando um crescente êxito, tendo ganho muitos prêmios no Brasil e no exterior.

A cada exposição, milhares de pessoas ficam
extasiadas perante a beleza e o encanto das orquídeas, muitos se tornam colecionadores, pois aprendem o quanto é fácil cultivá-las. Nota-se o crescente aumento do público feminino, que tem se tornado adepto ao cultivo dessas plantas.

Fonte: Mariza Torelli

  
  

Publicado por em

Igor Rodrigues Tavares

Igor Rodrigues Tavares

04/08/2009 15:02:32
Gostaria muito de obter informações sobre a espécie Laelia perrini pois tudo que visitei até agora não apresenta nada só falam da Laelia purpurata q não me interessa nenhum pouco. Sou biólogo e gostaria muito de todo tipo de informações possível, pois sei onde existe alguns exemplares em áreas naturais e queria aumentar sua população para a perpetuaçõa da espécie.
Muito obrigado pela atenção e aguardo contato ancioso.

Taiza

Taiza

15/03/2009 11:14:23
Acho muito interessante, Pois adoro plantas e as orquideas são magníficas; e muito legal nos ensinarem a cultivá -las, pois cada planta tem sua maneira diferente de cultivo, muito legal mesmo.

Viviane duarte

Viviane duarte

14/09/2008 20:08:36
Gostaria de saber se vcs tem cursos de como cuidar de orquideas

Adriel cardoso

Adriel cardoso

12/09/2008 17:21:29
acho que deverian cotinuar asim