Notícias > Ambiente > Nossa água > 

Água de reuso, uma solução rentável para a empresa e o meio ambiente

Consciente da atual situação de escassez da água em todo o mundo, a Sabesp desenvolveu em suas Estações de Tratamento de Esgotos (ETE), uma alternativa capaz de racionalizar o uso da água potável, contribuindo assim para a diminuição do volume de água

26 de Novembro de 2004.
Publicado por Equipe EcoViagem  

Consciente da atual situação de escassez da água em todo o mundo, a Sabesp desenvolveu em suas Estações de Tratamento de Esgotos (ETE), uma alternativa capaz de racionalizar o uso da água potável, contribuindo assim para a diminuição do volume de água bruta retirada dos mananciais que se destina ao abastecimento da população.

Este subproduto das ETEs é conhecido como Água de Reúso. O reuso de água é a utilização desta substância por uma segunda ou mais vezes.Produzida nas ETEs da Sabesp, a água de reuso não é potável, mas pode ser utilizada para outros fins, como por exemplo, na lavagem de ruas, rega de jardins públicos e refrigeração de equipamentos em processos industriais.

Após ser utilizada para o abastecimento, a água é encaminhada para o tratamento nas Estações de Tratamento de Esgotos, onde o efluente passará por um processo de filtragem e cloração. Com esta `reciclagem` é possível eliminar os poluentes e microorganismos transformando o efluente dos esgotos em água de reuso, 90% livre das impurezas.

Para conferir qualidade e segurança a este produto, a Sabesp segue um rigoroso padrão de planejamento, monitoramento, controle e sinalização.

A Sabesp utiliza a água de reúso desde a década de 80 em suas próprias instalações na limpeza de equipamentos e na manutenção de suas áreas, como na lavagem de filtros das próprias estações de tratamento.

Depois de utilizar este produto internamente e diante do excedente de produção e da potencialidade comercial do mesmo, a Sabesp estendeu esta alternativa a outras empresas.

Consciência ambiental e garantia de suprimento são apenas dois dos atrativos que a água de reúso oferece para algumas prefeituras, indústrias e empresas da Região Metropolitana de São Paulo.

A primeira empresa a adquirir este subproduto das Estações de Tratamento de Esgotos foi a Coats Corrente, fabricante das Linhas Corrente. Desde 1997 a empresa compra água de reúso da Sabesp para usar na lavagem e no tingimento das linhas.

A água proveniente da ETE Jesus Netto chega até a empresa por bombeamento através de uma tubulação de ferro fundido de 900 metros de comprimento, com diâmetros de 150 a 200 milímetros. Estima-se que a economia diária de água potável chegue a 70mil/m3.

Além da Coats, as construtoras Camargo Corrêa, VA Engenharia, DP Barros e Norte Sul também aderiram ao Programa de Água de Reuso da Sabesp. Recentemente a Comgás por meio de suas contratadas para Perfuração Direcional também passaram a utilizar a água de reúso.

As prefeituras de Diadema, São Caetano, Barueri, Carapicuíba, Santo André e a de São Paulo tem contrato com a Sabesp para a compra da água de reuso, dando um exemplo a toda a população de economia não apenas água potável, como também de dinheiro dos cofres públicos.

Nestes casos, o transporte do produto se faz através de caminhões-pipa que transportam a água de reuso de uma Estação de Tratamento até seus mais variados destinos. O transporte por caminhões-pipa é de responsabilidade dos usuários, a Sabesp não possui frota de distribuição da água de reúso.

Para atender a crescente demanda, resultado do aumento do interesse por esta fonte alternativa de água, as Estações de Tratamento de Esgotos da Sabesp estão passando por uma série de adequações que proporcionarão uma melhor regularidade no fornecimento do produto.

Atualmente, são aproveitados 25.000 litros de água mensalmente nestas práticas.Parte de um Programa global coordenado pela Organização das Nações Unidas e pela Organização Mundial da Saúde, o Programa `Água de Reúso` busca a proteção da saúde pública, manutenção da integridade dos ecossistemas e uso sustentado da água.

Desenvolvido com sucesso para fins industriais e até mesmo agrícolas, a água de reúso já é uma realidade também em países como os Estados Unidos, França, Japão, entre outros. Atualmente, a Sabesp produz água de reúso em cinco Estações de Tratamento de Esgotos, dentre elas a de Barueri, ABC, Pq Novo Mundo.

Para adquirir este produto basta entrar em contato com Eliane Florio (11) 3388-6783.

Alguns usos potenciais para a água de reúso

- processos industriais;
- água para refrigeração;
- sistema de incêndio;
- água de lavagem (pisos, pátios, galerias de águas pluviais);
- descarga dos vasos sanitários;
- rega (jardins, campos de futebol, áreas verdes);
- ferti-irrigação (fertilizante para culturas não rasteiras);
- tanques para piscicultura;
- regularização de vazão de cursos d``água.

Fonte: SABESP

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários

leticia

 postado: 29/7/2010 20:47:48editar

Muito jóia!

 

silas

 postado: 9/9/2010 20:23:00editar

o mundo pede socorro quanto tempo mais vai demorar para o ser humano perceber que a agua e um bem inestimavel

 

 

Veja também

Água britânica contém traços de ProzacProjeto “Brasil das Águas” vence o Prêmio von Martius 2004 na categoria Natureza

 

editar    editar    editar    3.271 visitas    2 comentários